Página 2 de 2 PrimeiroPrimeiro 12
+ Responder ao Tópico



  1. #7

    Padrão Re: Montando um Provedor Pequeno

    Citação Postado originalmente por infoms
    Pessoal , sou novato aqui no forum ...
    Obrigado a todos
    Esquecendo toda a parte ilegal que você estara cometendo, SIM vai funcionar até pra umas 10 pessoas.

  2. #8
    xargs -n 1 kill -9 Avatar de sergio
    Ingresso
    Jan 2004
    Localização
    Capital do Triângulo
    Posts
    5.202
    Posts de Blog
    9

    Padrão Montando um Provedor Pequeno

    Citação Postado originalmente por Bluechip
    Tive conhecimento de uma "empresa" que contratou um link com uma "operadora" de telecom que detém SCM e compartilhou num condomínio através de rede ethernet. A Anatel foi lá por denúncia e os fiscais concluiram que não havia nada errado, para eles estava tudo legal pois a "empresa" tinha contrato com essa operadora que possui SCM.
    Ora, quem presta o serviço para os moradores é a "empresa" e não a "operadora"; os clientes da "empresa" quando tem algum problema ou pagam mensalidade não é para a "operadora" SCM e sim para a "empresa". A prestadora de serviço perante os clientes do condomínio é a empresa, portanto a mesma não deveria ter SCM? Esses fiscais não agiram errado?
    Se toda a "papelada" da "empresa" com a "operadora" e os clientes estiverem em ordem não há nada irregular nesta operação.



  3. #9
    Visitante

    Padrão Montando um Provedor Pequeno

    Citação Postado originalmente por sergio
    Citação Postado originalmente por Bluechip
    Tive conhecimento de uma "empresa" que contratou um link com uma "operadora" de telecom que detém SCM e compartilhou num condomínio através de rede ethernet. A Anatel foi lá por denúncia e os fiscais concluiram que não havia nada errado, para eles estava tudo legal pois a "empresa" tinha contrato com essa operadora que possui SCM.
    Ora, quem presta o serviço para os moradores é a "empresa" e não a "operadora"; os clientes da "empresa" quando tem algum problema ou pagam mensalidade não é para a "operadora" SCM e sim para a "empresa". A prestadora de serviço perante os clientes do condomínio é a empresa, portanto a mesma não deveria ter SCM? Esses fiscais não agiram errado?
    Se toda a "papelada" da "empresa" com a "operadora" e os clientes estiverem em ordem não há nada irregular nesta operação.
    Se os clientes não tiverem contrato assinado direto com a operadora SCM está irregular sim, pois a SCM é que deverá ser responsável pelo serviço perante a Anatel; se apenas houver contrato dos clientes com a empresa, estarão fornecendo serviço clandestinamente.
    Imagine a situação: o cliente reclama do serviço prestado para a Anatel, ela vai ver no cadastro dela que a empresa reclamada não possui autorização SCM. Como a Anatel vai cobrar alguma coisa dessa empresa? Essa empresa não tem nenhuma obrigação exigida pela Anatel (fust, fistel, CREA etc), logo poderá cobrar um preço mais baixo e inviabilizar qualquer outro legalizado que pense em prestar serviço no local.
    conclusão: Quem é legalizado se sente um verdadeiro otário em procurar seguir as leis.
    Opiniões?