+ Responder ao Tópico



  1. Galera.....

    Vejam bem, eu sou contra qualuqer coisa que denigra a imagem de um profissional, mas o que estamos vivendo é muito pior do que a náo regulamentaçao da profissao, o problema está no nível educacional.
    Agora percebam a manobra que está por trás da regulamentaçao: Existem várias empresas, inclusive profissionais que atuam sozinhos e sao contratados como PJ pro empresas (para elas fugirem de impostos) que estao enquadrados em regime de imposoto chamado SIMPLES (pagando em torno de 6% de imposotos + 11% de INSS sobre a retirada Pro-labore) isto só é possivel porque informatica náo é profissáo regulamentada. A partir do momento que for regulamentada estas empresas terao que sair do SIMPLES (volto a dizer sao muitos profissionais que estao nesta situaçao e isto nao quer dizer que ele seja mal profissional, muito pelo contrario) e pagarão 22% de impostos e 31% de INSS sobre o pro-labore, ou seja o cara quebra............ Isto sem contar os encargos sobre a folha de pagamento da empresa......
    E nao pensem que com isto as empresas contratantes pagarao mais, porque os profissionais sao regulamentados e etc........ Isto é uma balela gigante, vejam o que acontece com um Engenheiro...... a dez anos atras um profissional de engenharia saía da faculdade com salario medio de R$ 3000,00, hoje náo é mais do que 1.700,00. Portanto o problema nao está na regulamentacao, esta na qualidade dos profissionais e no crescimento economico do país. Por favor vamos deixar de ser acomodados e brigar pelas veradeiras soluçoes......

    Abraços

  2. Transferi os comentários que estão na página de notícias para cá, afim de melhorarmos e ouvir todas as opiniões. :-)

    irado
    bem.. A QUEM INTERESSA? considerado o congresso - como um todo - o govêrno e parlamentares em particular só interessados em si mesmos (e o PSDB não tem uma vocação especial de benefício de massas).. a quem realmente interessa isso?

    relembremos a acupuntura: durante décadas - mais de 20 anos - os médicos primeiro ignoraram, depois foram CONTRA (ignorando 4.500 anos de prática, na China) e, finalmente, quando se aperceberam de que havia $$$ brilhando no fim do túnel, fizeram a regulamentação. Hoje em dia, sòmente médicos podem prescrever/aplicar acupuntura. Homeopatia TAMBÉM muitos são contra, hj em dia, uma vez que não podem ganhar "presentinhos" dos laboratórios, além do fato de que é pós-graduação de 2 anos, salvo engano. Fitoterapia? nem pensar. Muitos são francamente HOSTIS aos Florais de Bach uma vez que êstes PRESCINDEM de médicos para serem receitados/aplicados (definição do próprio Dr. Bach). E as receitas são de domínio público, uma vez que o Dr. Bach as publicou em livros e opúsculos. Os médicos rangem os dentes de raiva cada vez que se lembram de que não podem ganhar alguns trocados com isso.
    Advogados não há muito tempo atrás fizeram um movimento para exigir a presença de um advogado nos tribunais de pequenas causas e os de arbitragem. Que foram criados justamente para prescindir da presença de dois rábulas - um para cada um, do querelante e do querelado. Felizmente, não foi pra frente.
    Em minha opinião essa regulamentação de TI interessa aos proprietários de universidades particulares, pq seria um mercado cativo para seus (mal)formados alunos, ampliando sua própria penetração no mercado.
    _________________________________________________

    Panther
    Galera.....

    Vejam bem, eu sou contra qualuqer coisa que denigra a imagem de um profissional, mas o que estamos vivendo é muito pior do que a náo regulamentaçao da profissao, o problema está no nível educacional.
    Agora percebam a manobra que está por trás da regulamentaçao: Existem várias empresas, inclusive profissionais que atuam sozinhos e sao contratados como PJ pro empresas (para elas fugirem de impostos) que estao enquadrados em regime de imposoto chamado SIMPLES (pagando em torno de 6% de imposotos + 11% de INSS sobre a retirada Pro-labore) isto só é possivel porque informatica náo é profissáo regulamentada. A partir do momento que for regulamentada estas empresas terao que sair do SIMPLES (volto a dizer sao muitos profissionais que estao nesta situaçao e isto nao quer dizer que ele seja mal profissional, muito pelo contrario) e pagarão 22% de impostos e 31% de INSS sobre o pro-labore, ou seja o cara quebra............ Isto sem contar os encargos sobre a folha de pagamento da empresa......
    E nao pensem que com isto as empresas contratantes pagarao mais, porque os profissionais sao regulamentados e etc........ Isto é uma balela gigante, vejam o que acontece com um Engenheiro...... a dez anos atras um profissional de engenharia saía da faculdade com salario medio de R$ 3000,00, hoje náo é mais do que 1.700,00. Portanto o problema nao está na regulamentacao, esta na qualidade dos profissionais e no crescimento economico do país. Por favor vamos deixar de ser acomodados e brigar pelas veradeiras soluçoes......

    Abraços
    _________________________________________________

    Silvano
    A regulamentação de qualquer profissão é necessária, e pq só a nossa não poderia ser? Pois se para construir uma casa é necessário uma pessoa q possua CREA, pq eu não poderei ter um conselho igual para regulamentar e proteger meus clientes? Temos muitos profissionais bons no mercado, mas tbem temos muitos profissionais q só pq terminaram um cursinho de 3 meses já se dizem profissionais de TI e mancham nossa profissão e pior, "prostituem" o valor de mercado da gente. Outra coisa, com a regulamentação será possível fazer um plano de salários para os profissionais sem ter esta grande discrepância de diferença q há atualmente, onde um Analista de Sistemas Pleno pode ganhar até 600,00 e um operador pode ganhar até 3.000,00. Isso só num país que foge de suas responsabilidades. Me desculpem os profissionais q ficarão de fora, mas todas as profissões q passaram por regulamentação são assim mesmo, ou seja, no inícios muitos acham ruim, mas com o tempo tudo se normaliza e daí estes mesmos profissionais se especializam e adquirem escolaridade correspondente para entrar corretamente no mercado de trabalho.

    Abraços
    _________________________________________________

    Carlos Pedro
    Engraçado sera que algum parente do Deputado fez curso e não consegue emprego , pois sou tecnico em imformatica a 9 anos sem curso inclusive tenho varios clientes " tecnicos em processamento de dados e outros" que nem instalar o Ruindows consegue e vem este Deputado tirar meu Emprego sera que ele não tem mais o que fazer. PS: Vamos invadir o micro dele pra ele ver quem e que entende de informatica. :-P :-D :x



  3. Citação Postado originalmente por Virus_cg
    cleberlr, não é reserva de mercado, é exigir competência e qualidade. Você se trataria com um médico que não fez faculdade de medicina? Àqueles que fizeram cometem muitos, imagina que não teve uma base tão grande. Este exemplo do médico pode ser expandido para qualquer profissão. O Conhecimento adquirido deve sempre ser levado em consideração, mas as pessoas são diferentes, o modo de aprender, os interesses e como colocam o conhecimento em prática também.

    :wink: t+
    Mas ai mora uma diferença muito grande. Primeiro que não estamos falando de algo relacionado a uma questão de vida ou morte (quando for no caso da informática, pode ter certeza que será contratado alguém do mais alto nível e não será um diplomazinho que irá decidir pela contratação dessa pessoa). Segundo que como citei, alguém formado em matemática, física ou engenharia muitas vezes decide trabalhar com informática e em geral se torna bom profissional. Em muitos casos, matemáticos e físicos tem uma vantagem sobre quem é formado em ciências da computação (e correlatas), que é a sólida base em matemática. A computação é uma ferramenta que está a disposição de todos e continuo achando que é reserva de mercado.
    Olha a posição de um antigo presidente da SBC: http://www.sbc.org.br/regulamentacao/posicao.html
    Inclusive a SBC tem a sua proposta de regulamentação da profissão: http://homepages.dcc.ufmg.br/~bigonh...-original.html
    e uma FAQ:
    http://homepages.dcc.ufmg.br/~bigonh...plsbc-faq.html

    Compare com o que é proposto pelo deputado: http://www.camara.gov.br/sileg/Mostr...CodTeor=398392

    Conforme for feita essa regulamentação, não existiria problema algum. Nos EUA a atuação é livre. Quem define quem serve ou não para execução do projeto é o contratante.

  4. E na verdade a questão colocada pelo cleberlr quanto a base matemática poderia ser colocada de outra forma: A principal (na minha opinião que é obviamente pendente para o pensamento de um Físico) característica que é necessária para um profissionalde TI (administrador de sistemas, programador, engenheiro de software) é a capacidade de resolver problemas, a habilidade de pensar logicamente e estruturadamente para chega até uma forma de se atuar eficiente. Muitos cursos de ciência da computacão ignoram esse fato (baseado em relato de conhecidos) e ensinam uma porrada de conteúdos, de linguagens e etc, mas não focam neste ponto. Ai é que os formados em Física, Matemática e Engenharias as vezes tem uma vantagem, já que (pelo menos no curso de Física, que é o que eu conheco bem) existe uma ênfase absurda em tornar os alunos capazes de observar uma situacao complexa e analisa-lá de forma mais simples (ok, tó puxando a sardinha pro meu lado... o Richard Stalman concordaria... ele é físico tb).
    Não estou dizendo que quem faz cursos específicos na área não tem essa habilidade, mas sim que eu vejo um monte de pessoas indo fazer cursos nesta área pq querem fazer animacoes em flash, e existem instituicoes que sinceramente não se esforcam minimamente para passar esta nocao para os alunos, e outros cursos possuem SIM uma proximidade muito forte com a área de TI.



  5. Galera,

    Continuo afirmando, náo é conselho federal/regional que vai melhorar nivel salarial. Vejam o que acontece na engenharia, os salarios despencaram. Vejam na medicina o que os convenios pagam aso medicos é uma ninharia...... O problema está em qualificaçao e crescimento economico, mesmo com regulamentacao vai sobrar profissional e faltar emprego e é isto que derruba nossos salarios.

    Sou engenheiro com MBA em redes e Mestrado em segurança de redes e sei o que estou dizendo.

    Além do mais como foi dito acima o que movimenta grandes inovácoes para informatica sao fisicos, engenehiros, matematicos e que nao poderao mais exercer esta profissao. Quem duvida olhe o que significa IEEE, talvez o mais respeitado orgao internacional de normas.

    ABRAÇOS






Tópicos Similares

  1. Projeto setorial 17 Dbi de Qualidade!
    Por darciorsouza no fórum Redes
    Respostas: 0
    Último Post: 25-02-2012, 20:54
  2. E se motoristas fossem contratados da mesma maneira que profissionais de TI?
    Por rbribeiro no fórum Assuntos não relacionados
    Respostas: 2
    Último Post: 13-06-2011, 18:14
  3. Soluções de TI
    Por salimas no fórum Servidores de Rede
    Respostas: 3
    Último Post: 03-03-2007, 15:05
  4. Projeto Torre para Antena de Radio
    Por mantunespb no fórum Redes
    Respostas: 0
    Último Post: 01-07-2005, 08:12
  5. Notícias grátis de TI, Informática, Hardware e Afins...
    Por agent_smith no fórum Assuntos não relacionados
    Respostas: 0
    Último Post: 07-12-2004, 16:06

Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L