• Google Lançando Tablet HTC pela Verizon

    E agora mais um rumor sobre tablets. Dessa vez, ninguém menos que o Google, parece estar se preparando para entrar no mercado de tablets. Aparentemente bastante atrasado, e sem muita inovação, o Google parece querer a sua fatia nesse mercado sem graça com produtos muito abaixo da real necessidade dos usuários. Aparentemente esse tablet será lançado para uso na rede sem fio da Verizon Wireless, e o hardware será proveniente da HTC. Também é óbvio que o pequeno possante virá embarcado com o sistema operacional Android, e a data prevista é dia 26 de novembro desse ano de 2010.

    Caso se concretize, seguindo a filosofia de "quem tem um tablet, tem dois", é provável que a Verizon coloque o tablet do Google à um preço muito baixo, para atrair os compradores do iPad. A idéia está centrada na premissa que se esse tablet for realmente bom, e tiver um om preço, o atual proprietário de um iPad, não se arriscaria a comprar um novo tablet da Apple, mas sim do Google.

    Porém, mesmo com todo esse alvoroço em torno do possível tablet do Google, ninguém sequer sabe quais as reais especificações do produto. Alguns suspeitam que o pequeno possante virá com GPU Tegra 2 da NVIDIA, diferente da preferência da HTC que comercializa produtos com chips da Qualcomm em seus celulares.

    Outra possibilidade é quanto ao display touch-screen. Alguns afirmam que o tablet com Android virá embarcado com uma resolução de tela de 1280x720. O tamanho de tela ninguém cogitou ainda (em polegadas diagonais), mas não deve sair perdendo para o tamanho de tela do iPad. O Google também deve embarcar a capacidade multi-touch em seus tablets - não faria nenhum sentido se não o fizesse. O único porém dessa história é utilizar uma visão wide-screen para os usuários (1280x720 é considerado wide-screen). Não creio que o uso de telas muito largas seja a melhor escolha para um tablet. O usuário não vai utilizar o produto apenas em "modo paisagem" (com a maior largura de tela na horizontal). Ainda mais se o gadget for utilizado para a leitura de obras digitais como livros, revistas e artigos. Além de ser um padrão "ancestral" que ninguém conseguiu justificar o contrário, a posição em "modo retrato" ainda é a de melhor leitura.

    Ainda falando no possível hardware embarcado, o Google nunca deixaria devendo. Se a Gigante da Internet for lançar um tablet, o mesmo virá com Wi-Fi, GPS e Bluetooth integrado. O gadget também poderá vir com um conjunto de duas câmeras. Uma frontal, para vídeo conferência, e outra na traseira, tanto para fotografias quanto para a gravação de vídeos pelo usuário.

    Um ponto mais que positivo para um tablet do Google é saber que o mercado de aplicativos se expandirá ao máximo. Se criar aplicativos para aparelhos de telefonia móvel com Android embarcado, que dirá fazer o mesmo para a safra de tablets. O pequeno possante também não ficará restrito ao mercado residencial. Muitas empresas poderão usufruir de maior integração e conectividade com o uso desse tablet dentro e fora de suas dependências. As possibilidades são "infinitas".

    Mas uma coisa é certa: se for feito |"da maneira correta" esse tablet poderá estremecer todo o mercado, frustrando empresas com a RIM e seu BlackPad, assim como a atual dona desse mercado, a Apple.


    Notícias Relacionadas:

    - Segurança para Aplicativos Android


    Links de Interesse:

    - Verizon Google Chrome OS tablet by HTC launching November 26th?
    - Google Chrome Tablet From HTC Coming In November -- Report

    Sobre o Autor: saryshagan


    Comentários 1 Comentário
    1. Avatar de fernandobh
      fernandobh -
      Sou novo neste ambiente...
      Estou a procura de ajuda para resolver um impasse profissional. Podem ser sugestões, serviços ou recomendações.
      Temos uma empresa de pesquisa e não posso me conformar em continuar a utilizar questionários de papel. A opção mais comum é utilizar os palms, mas considero a tela muito pequena, o que torna a fase de coleta muito lenta.
      estou seriamente pensando em testar um tablet, e já estou fazendo sondagens de preço, mas os encontrados no mercado trabalham sob uma plataforma Android, que não tenho nenhum conhecimento para programá-lo. Se houvesse um sistema onde pudesse trabalhar com um acess ou similar, ou mesmo um emulador para esse aplicativo, seria sensacional...
      alguem tem alguma ideia ou sugestão?
    + Enviar Comentário

Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L