Quantcast
Lucro para Software Livre, Prejuízo para Software Proprietário

Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  LinuxSecurity ·  Dicas-L ·  NoticiasLinux ·  SoftwareLivre.org

  • Lucro para Software Livre, Prejuízo para Software Proprietário

    Sabemos que, mesmo na atual e rodopiante conjuntura econômica desse mundo digital globalizado, ainda existem grandes empresas como a Microsoft e Sun que dependem completamente da comercialização de software como fonte primária de renda. Essas empresas nasceram com essa filosofia, e pelo jeito vão morrer com ela...


    Novos Tempos, Modelos de Negócios Antigos

    Sim! Os tempos estão mudando. Essas mesmas empresas, mesmo com os constantes avisos, não só do mercado, mas da própria concorrência, ainda insistem em manter seus modelos de negócios baseado em patentes de software e comercialização de software fechado. Só neste ano, ambas as empresas citadas acima estão presenciando seus lucros despencarem, enquanto empresas como a Red hat tem adquirido mais e mais clientes, e conseqüentemente, ampliando seus lucros.




    Mercado de Software: Faça algo de ousado hoje
    ... e então corra como o diabo


    O mercado é como uma equação fechada. Isso quer dizer que o dinheiro não some. Se está saindo de empresas com um modelo de negócios antiquado e falido, está indo para empresas inovadoras com padrões de desenvolvimento e comercialização mais abertos e maiores possibilidades de crescimento. E é justamente essa liberdade de software, de código, que contribui para que empresas como a Red Hat, cresçam a todo vapor. E tudo isso em paralelo com a Comunidade de software Livre e de Código Aberto, em um eterno Feedback.


    O Mercado de Código Aberto

    A Red Hat, no último trimestre (que terminou no dia 31 de agosto de 2009), reportou um aumento de capital e renovação de contratos acima do esperado. De acordo com a empresa, cada ação atualmente está valendo 20 centavos de dólar. Isso significa que essas ações estão valendo 30% mais que no mesmo período de 2008! Em um mercado altamente competitivo como o de software, só mesmo um modelo de negócios 'inovador' para conseguir tal proeza. O 'inovador' foi uma maneira irônica e sarcástica de exibição das conseqüências a nível de São Tomé: "É ver para crer". E parece que as empresas 'antiquadas' ainda não aprenderam que precisam mudar seus modelos de negócios ultrapassados para se manterem 'no jogo'.

    Claro que se eu fosse citar somente a Red Hat, não poderia justificar seus ganhos apenas pelo seu modelo de negócios. É preciso então mostrar outras empresas em mesma situação. Pensou em alguma? Que tal a Novell? O caso da Novell é interessante pois esta empresa atua nos dois ramos simultaneamente: software livre e software proprietário. A empresa recentemente anunciou um quadrimestre muito pobre em relação ao ano passado. Exceto pelas suas linhas de negócio envolvendo Linux, que tiveram um aumento de 22%!


    O Mercado de Software Proprietário

    Vamos ver um pouco o outro lado da balança. A Microsoft, por exemplo, teve um declínio de 17%, e o lucro líquido caiu 29% em 2009 devido a queda crescente nas vendas de PCs e servidores embarcados com Windows. Claro que ela ainda continua ganhando bilhões de dólares todos os anos, mas ter uma perda de 17%, em cima de bilhões de dólares, é muito dinheiro 'jogado fora'.



    Dinheiro... muito dinheiro...

    Outro fato interessante envolve a Oracle e a Sun. Sabemos que a Oracle adquiriu a Sun. Mas analistas afirmam que, caso a Oracle não tivesse feito essa aquisição, a Sun estaria atualmente no alto do telhado pensando seriamente em pular. De acordo com uma recente análise do IDC, no segundo trimestre desse ano a Sun teve uma perda de 37% na venda de servidores, que equivalem a inexorável quantia de US$981 milhões. O interessante é que, em vista dessa perda considerável de capital, e com a comissão européia mantendo o processo de aquisição da Sun na geladeira devido a possíveis problemas de concorrência no setor de banco de dados, a Oracle terá bastante tempo para repensar seu contrato de aquisição - principalmente no que se refere a valores.


    Mudança de Paradigma

    Analisando esses casos apresentados, podemos dizer que as empresas com modelo de código aberto estão indo muito bem. Inclusive no que se refere ao mercado de produtos (hardware) embarcados com software livre. Já as empresas que ainda se encontram 'presas' ao modelo de negócios baseado em software proprietário, estão em declínio.

    Mas uma coisa eu quero deixar bem clara. Ninguém virou a mesa. Ninguém puxou o tapete. Ninguém foi dormir após um dia inteiro de monopólio de software proprietário, e acordou no dia seguinte com todos compartilhando Software Livre à sua frente (e ganhando muito dinheiro com isso). Não! O mercado não mudou da noite para o dia. E nem vai mudar. Pelo menos não se quisermos manter a sociedade como a conhecemos hoje, e não presenciar o Caos na Terra. Quero deixar claro que não existe nenhum caso, de nenhuma mudança radical de mercado na história da humanidade, que não tenha criado catástrofes econômicas, políticas e sociais das mais alarmantes, além de deixar terríveis seqüelas por anos a fio.

    O mercado é visto como um ser mutante, mas sua mutação ocorre de forma muito lenta. O que está acontecendo hoje, se deve a um processo crescente e continuado, que já vem atuando de forma ininterrupta, por anos a fio. E o mercado de código aberto teve de trabalhar dobrado, ou mesmo triplicado, para conseguir chegar aonde está atualmente. Pois desde que o primeiro ser incauto levantou a mão para dizer que era possível se ganhar dinheiro com software livre, foi imediatamente soterrado por uma chuva de pedras das mais doloridas possíveis.



    Aqui Jaz...

    Empresas como a Microsoft e a Oracle, continuarão a ganhar toneladas de dinheiro nos próximos anos, com seus modelos de negócios baseado em patentes de software e comercialização de código fechado. Vão continuar a ganhar oceanos de dinheiro, mas vão continuar a perder (e de forma crescente) rios do mesmo. Você pode até pensar: "Essas empresas são burras? Por que elas não mudam seus modelos de negócios para se adequarem ao mercado?". Se elas fizerem isso ... elas morrem...


    A Causa Mortis (ou quase)

    O problema (e são vários, mas vamos ilustrar apenas os principais) começa pelo simples fato de que ainda é mais lucrativo o atual modelo de mercado, i. é, ganhar dinheiro com software proprietário. Acredite se quiser! Mesmo com o atual quadro financeiro exposto por esta matéria, mesmo com todo o dinheiro que essas mesmas companhias estão (e continuam) perdendo, seus lucros remanescentes e suas irremovíveis posições no mercado continuam sólidas como rocha. E, em time que está ganhando não se mexe, certo? Mais ou menos. Vamos dizer que a partida está mudando de rumo aos poucos. Estamos 'na virada'.



    Mais uma vítima...


    Podemos dizer que, somente agora, essas mesmas empresas, com seus modelos de negócios 'arcaicos', estão começando a sentir na pele que a coisa está ficando feia para o lado delas. Mas não esperem que elas venham a alterar seus modelos de negócios da noite para o dia. Fazer isso é o mesmo que dizer que a empresa 'cometeu suicídio'. A primeira empresa, grande ou pequena, que cometer uma loucura dessas, será abocanhada, quase de forma instantânea, por todas as empresas equivalentes a sua volta. É como mergulhar sangrando em um mar infestado de tubarões. Você vira história...


    Links de Interesse

    - ComputerWorld: http://blogs.computerworld.com/14798...prietary_fails
    Este artigo foi publicado originalmente no blog: Lucro para Software Livre, Prejuízo para Software Proprietário iniciado por code

    Destaques do Under-Linux:



    Sobre o Autor: code

    Administrador e Editor do Portal Under-Linux, desenvolvedor Linux e FOSS para Linux, autor de livros e artigos, atuando na área de Educação Digital e P&D com AI.