• Linguagem de Programação "Google Go" Utilizada para Criação de Trojan

    Quando o Google lançou sua linguagem de programação Go, em 2009, certamente ninguém imaginava que esa fosse usada para o desenvolvimento de trojan; porém, foi apenas uma questão de tempo para que isso acontecesse. Dessa forma, os pesquisadores da Symantec, recentemente, analisaram uma amostra de malware encontrada em seu "estado selvagem", contendo aluns componentes escritos em Go. A praga cibernética trata-se de um trojan denominado "Encriyoko", que neste caso particular veio disfarçado como uma ferramenta para o routeamento de dispositivos que executam o sistema Android.



    Trojan "Encryoko" é mais um elemento nefasto que ronda o espaço cibernético, com a finalidade de roubar informações confidenciais


    Uma vez instalado e executado no PC das vítimas, o arquivo em questão ( GalaxyNxRoot.exe ) libera dois executáveis baseados em "Go". Um deles, seria um trojan para roubo de informações e o outro, um componente de download. A primeira praga cibernética visa o recolhimento de informações sobre o computador de destino e os processos em execução no mesmo, e envia essas informações para um servidor remoto, enquanto o segundo, está ligado a downloads de um arquivo DLL criptografado de outro servidor remoto.


    Saiba Mais:

    [1] Help Net Security http://www.net-security.org/malware_news.php?id=2270

Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L