• Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação Apresenta Plataforma Aquarius

    No último dia 12 de dezembro, o Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI) apresentou a Plataforma Aquarius, com a promessa de incorporar maior transparência aos processos de elaboração e execução de políticas, programas e ações estratégicas da área. A plataforma Aquarius, que deverá estar acessível aos usuários até o final deste mês de dezembro, realiza uma integração de dados e sistemas em uma estrutura dividida em quatro eixos.


    Qualidade no Processo Gerencial e Integração de Informações

    A primeira linha pretende modernizar o gerenciamento e melhorar a qualidade dos dados gerados pelos processos do ministério e vai automatizar, por exemplo, a concessão de incentivos da Lei de Informática e a gestão de contratos. O segundo eixo integrará as informações administrativas do ministério com o Portal da Transparência, da Controladoria-Geral da União. Dentre outras questões, painéis gerados podem tratar de dispêndios, convênios e fundos setoriais (fontes de recursos para financiar o desenvolvimento de setores estratégicos para o país).


    O terceiro eixo da Plataforma Aquarius está relacionado a elementos de outras instituições relacionadas ao Sistema Nacional de Ciência, Tecnologia e Inovação. Na primeira fase, os painéis envolvem informações ligadas à produção científica e bolsas de estudo, com dados do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq).

    Finalmente, o Monitor de Políticas Públicas de Ciência Tecnologia & Inovação (componente do quarto eixo), vai em direção ao aprimoramento dos programas e ações do Ministério, com a avaliação cotidiana de seus resultados e impactos, além de elaboração de estudos, análises e relatórios de acompanhamento. Segundo declarou o secretário executivo do MCTI, Luiz Antonio Elias, a plataforma vai permitir que o usuário construa análises dos indicadores que serão oferecidos pelo instrumento. Quando estiver disponível, a plataforma poderá ser acessada a partir do endereço: aquarius.mcti.gov.br.

    Além da plataforma, que estará disponível na Web, o usuário poderá identificar e acompanhar suas demandas ao Ministério através da versão para telefonia móvel, em um aplicativo desenvolvido para celular.


    Saiba Mais:

    [1] Agência Brasil - Tecnologia e Inovação http://agenciabrasil.ebc.com.br/noti...encia-ao-setor

    Sobre o Autor: Camilla Lemke


Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L