• Droid Incredible da HTC Fazendo Frente ao Nexus One do Google

    A HTC, a empresa que tem fabricado smartphones com sistema operacional Android do Google, e que recentemente se viu processada pela Apple por suposta violação de patentes, anunciou que vai lançar em breve mais um smartphone com Android, direto com a prestadora de serviços de conexão wireless, a Verizon. O novo smartphone deverá estar chegando para o público norte-americano pela Verizon Wireless a partir do dia 29 de abril deste ano pelo valor de US$ 200,00. O plano inclui dois anos de contrato e a reserva do produto começa a partir do dia 19 de abril.

    Seu nome é Droid Incredible, e é um primo do Motorola Droid e do HTC Droid Eris, ambos também comercializados pela Verizon. Mas a vantagem deste último modelo é que ele faz frente ao Nexus One, originalmente sendo vendido apenas pelo Google online, e via serviços da T-Mobile USA. O Incredible já roda a versão 2.1 do sistema operacional Android e possui o que há de mais moderno em interface sensitiva via tela touch-screen.


    A tela possui sete painéis principais, o que significa que o usuário poderá navegar por qualquer uma delas de forma muito rápida, abrindo e fechando arquivos através de uma função denominada "Leap". O pequeno possante ainda vem embarcado com uma câmera de 8 MP (megapixel), sendo mais poderosa que a câmera de 5 MP que vem embarcada no Nexus One do Google. A tela touch-screen é bastante similar nesses dois modelos, possuindo 3,7 polegadas, WVGA AMOLED, com resolução de 800x480 pixels.

    Para processamento, o Droid Incredible utiliza o processador Qualcomm Snapdragon de 1GHz de clock. Este será o primeiro smartphone comercializado pela Verizon que vem embarcado com esse poderoso processador. Neste modelo, a interface com o usuário também ficou mais rápida e intuitiva que a do Nexus One. Esses fatores podem contribuir para dificultar o mercado do novo modelo do iPhone da Apple que virá embarcado com a versão mais recente de seu sistema operacional, o iPhone OS 4.0.

    Para os interessados, a Best buy planeja colocar esse smartphone em pré-venda a partir do dia 18 de abril por US$ 200,00 de forma direta. Já o contrato com a Verizon, exige 2 anos de permanência em seu plano, que abrange todo o território norte-americano, sem tarifas exclusivas entre os estados, como ocorre de maneira abusiva por aqui. O plano mínimo da companhia está em US$ 40,00 mensais, acrescidos de um plano de conexão a Internet e conta de e-mail exclusiva por mais US$ 30,00.

    É interessante notar que quaisquer desses smartphones com o sistema operacional Android, podem virar de cabeça para baixo o atual mote de mercado da Nokia e da Microsoft, que estão focando seus dispositivos para o uso e integração com redes sociais. Desenvolver aplicativos de integração nos mesmos moldes (ou até mesmo de forma melhorada) que essas duas companhias é muito fácil. Afinal, a plataforma Android é a mais aberta a desenvolvedores, além de ser livre e de código aberto e baseado no Linux.

    O melhor de tudo isso, é que não é preciso esperar que nenhum fabricante de smartphones o faça, e esse pode ser um importante nicho de mercado para pequenas empresas produtoras de software. E como no caso do Twitter, que desafiou sua comunidade de desenvolvedores a inovarem, o mesmo pode se dizer para os interessados em tornar o Android um veículo integrado com as redes sociais. Isso significa que para ganhar esse mercado, as empresas não poderão pensar pequeno. Em vez de criarem aplicativos isolados para as redes sociais, o melhor é pensar em desenvolver um sistema complexo e integrado para essa plataforma, mais intuitivo, com mais funcionalidades que a atual concorrência.


    Links de Interesse:

    - It's Incredible! New Droid on its way to Verizon
    - HTC Droid Incredible Officially Lands on Verizon April 29

    Sobre o Autor: code

    Administrador e Editor do Portal Under-Linux, desenvolvedor Linux e FOSS para Linux, autor de livros e artigos, atuando na área de Educação Digital e P&D com AI.

Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L