• Novidades no Linux Mint 15 "Olivia"

    O Linux Mint 15, codinome "Olivia", de acordo com as notas de lançamento é a "versão mais ambiciosa desde o início do projeto". Dentre suas novas funcionalidades, destacamos um Driver Manager para a instalação de drivers gráficos proprietários da AMD e NVIDIA. Diferente do programa incluído no Ubuntu, o Driver Manager apresenta os detalhes das versões disponíveis para cada driver. Outra adição interessante é um gerenciador de repositório de pacotes que também pode ser utilizado para gerenciar PPAs.


    The Linux Mint 15's Driver Manager. Fonte: linuxmint.com

    Cinnamon e MATE

    Como de costume, um novo Linx Mint está disponível com os desktops Cinnamon e MATE. A variante Cinnamon utiliza o Cinnamon 1.8, que foi introduzido em meados de Maio último com várias novas funcionalidades que incluiam desklets, uma nova proteção de tela e sistema de travamento de tela, além de um software para gerenciamento de Spices (muitas extensões, desklets e temas). As novas funcionalidades presentes no Control Center do Cinnamon significam que os usuários não mais precisam depender do Control Center do GNOME para configurar certos componentes que o Cinnamon adotou do GNOME 3.

    Já a variante MATE presente no Mint, um derivado do GNOME 2, agora utiliza a versão 1.6 que foi introduzida em meados de Abril, também desse ano corrente de 2013. O MATE já oferece melhoria no suporte a temas para aplicações em GTK3, e o gerenciador de arquivos Caja (baseado no Nautilus-2) vem com um sidebar "Places" melhorado.


    O Gerenciador de Repositório de Pacotes. Fonte: linuxmint.com

    As edições do Mint com cada desktop já estão disponíveis para as arquiteturas 32-bit e 64-bit para sistemas x86, além das variantes com e sem codecs multimídia já que podem representar problemas em alguns países. O "Olivia" está disponível sem custos através de vários servidores, com as imagens ISO em torno de 1 GB (GigaByte) de tamanho e podem ser utilizadas para a criação de mídias de instalação USB. As notas de lançamento informam que o EFI já é suportado, mas o Secure Boot precisa estar desabilitado por padrão.

    O Linux Mint 15 é baseado no Ubuntu 13.04 "Raring Ringtail" e vem embarcado com muitas melhorias e versões atualizadas de pacotes, como por exemplo o uso do kernel Linux na versão 3.8 e Mesa 3D 9.1. Maiores informações sobre essa nova versão do Linux Mint pode ser encontrada nas notas de lançamento, no resumo das novas funcionalidades, nas notas de lançamento e na documentação geral do projeto.

    Saiba Mais:

    - Heise Online: Linux Mint 15 "Olivia" released (em Inglês)

Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L