• Arch Linux: Desenvolvedores Alertam para problemas na Atualização

    Os desenvolvedores do Arch Linux estão alertando seus usuários dos problemas que eles podem encontrar quando estiverem implementando a atualização de seus sistemas. Os mantenedores do Arch estão implementando uma fusão dos diretórios /bin, /sbin e /lib para o diretório /usr, procedimento esse que já foi implementado em distribuições como Mageia e Fedora. O openSUSE também está movendo esses diretórios de forma similar com a versão 12.2 de sua distribuição, com última atualização lançada no ano passado. Porém, em contraste com essa distribuições, o Arch opera um sistema rolling release, o que significa que não existe mais lançamento de versão, e sim que as atualizações são para todo o sistema a todo momento. Portanto, os desenvolvedores precisam efetuar essas mudanças em uma atualização regular.



    Essa atualização irá, portanto, resultar em uma mensagem de erro do gerenciador de pacotes do Arch Linux, o Pacman:

    error: failed to commit transaction (conflicting files)
    filesystem: /bin exists in filesystem


    As seguintes instruções irão garantir uma atualização segura de seu sistema:

    PASSO 1: Corrija quaisquer pacotes não-oficiais que possuam arquivos nos diretórios /bin, /sbin or /usr/sbin, colocando os mesmos em /usr/bin.

    A lista dos pacotes que não estão nos repositórios oficiais, e que precisam ser corrigidos, pode ser gerada utilizando o seguinte comando:

    $ pacman -Qqo /bin /sbin /usr/sbin | pacman -Qm -

    Também é necessário verificar por pacotes instalados via repositórios não-oficiais utilizando o seguinte comando:

    $ paclist <repo> | awk ' { print $1 } ' | pacman -Ql - | grep ' /s\?bin/\| /usr/sbin/'

    PASSO 2: Garanta que quaisquer pacotes no IgnorePkg ou IgnoreGroup não possuam arquivos em /bin, /sbin, ou /usr/sbin. Corrija-os se necessário.

    PASSO 3: Se você possuir arquivos em /bin, /sbin ou /usr/sbin que não sejam de propriedade de nenhum pacote, você precisa movê-los. Gere uma listagem dos mesmos utilizando o seguinte comando:

    $ find /bin /sbin /usr/sbin -exec pacman -Qo -- {} + >/dev/null

    PASSO 4: Garanta que todas as partições estejam montadas caso esteja utilizando o autofs. Eles podem não montarem de forma automática quando forem necessários mais a frente nessa atualização.

    PASSO 5: Atualize seu sistema.

    NOTA: Antes de atualizar seu sistema, você pode querer garantir que tenha em mãos um segundo terminal aberto com privilégios de superusuário (root), para caso de uma remota possibilidade de uma emergência, particularmente se você estiver efetuando o update via SSH.

    # pacman -Syu --ignore filesystem,bash
    # pacman -S bash
    # pacman -Su


    O anúncio lista os passos necessários que os usuários terão de tomar para remediar essa situação. Além disso os desenvolvedores pedem cautela, especialmente na verificação de que todas as partições estão montadas corretamente durante a atualização. O software referente aos repositórios de terceiros também precisam ser verificados de forma manual para confirmar que os mesmos foram movidos. Para isso, os desenvolvedores recomendam abrir um segundo shell como root para efetuar essas atualizações, especialmente quando estiver atualizando a instalação de sua distribuição via SSH.

    Aviso Antecipado

    Vale lembrar que o desenvolvedor Tom Gundersen já havia efetuado um post na lista de discussão de desenvolvimento da distribuição, em Março desse ano de 2013, explicando os detalhes da migração e as razões por trás disso tudo.

    Saiba Mais:

    - Heise Online: Arch Linux developers warn of update problems (em Inglês)

    Sobre o Autor: code

    Administrador e Editor do Portal Under-Linux, desenvolvedor Linux e FOSS para Linux, autor de livros e artigos, atuando na área de Educação Digital e P&D com AI.

Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L