• NSA Rastreando Localização de Celulares em todo o Mundo

    De acordo com documentos altamente secretos vazados por Edward Snowden, seguido de entrevistas com oficiais de inteligência nos EUA, a Agência de Segurança Nacional Norte-Americana - NSA - está acumulando cerca de 5 bilhões de gravações por dia no que se refere a localização de cada telefone móvel ao redor do planeta. Isso permite que a NSA possa rastrear os movimentos de indivíduos e mapear seus relacionamentos em formas beirando o inimaginável. É claro que toda essa informação são "apenas metadados" e não estariam (em tese) invadindo a privacidade, caso você questione a "amada" NSA.


    General Alexander - Chefe da NSA.

    Video: A NSA coletando os dados de localização ao redor do planeta ao bisbilhotar diretamente nos cabos que conectam as redes móveis de forma global. Redes essas que servem tanto aos cidadãos Norte-Americanos quanto aos estrangeiros em todos os países.

    Os dados coletados alimentam uma vasta base de dados que armazena informação sobre as localizações de pelo menos centenas de milhões de dispositivos. Novos projetos criados para analisar esses dados tem abastecido a comunidade de inteligência com uma poderosa ferramenta de vigilância em massa. Veja o vídeo do The Washington Post para entender melhor como a NSA utiliza o rastreamento de telefones móveis para encontrar e monitorar seus alvos.

    Vale ressaltar que a NSA, por padrão, não estaria apta a rastrear diretamente através dos dados de localização de cada dispositivo móvel, mas a agência adquire uma quantidade substancial de informação - de forma incidental - sobre o paradeiro de celulares domésticos, já que um termo legal permitem tal ação.

    Um gerente de colação sênior, falando apenas na condição de anonimato mas sob a supervisão da própria NSA, disse que "nós estamos coletando vastos volumes" de dados de localização ao redor do mundo ao bisbilhotar os cabos que conectam as redes de telefonia móvel globalmente, e que abastece os dispositivos tanto nos Estados Unidos quanto no restante do planeta, já que as empresas da área costumam atuar globalmente em vários países, as vezes om nomes diferentes. De forma adicional, os dados são frequentemente coletados de dezenas de milhões de usuários Norte-Americanos de telefonia móvel que viajam para outros países com seus aparelhos todos os anos.

    N que se refere a escala, o escopo e o potencial de impacto na privacidade, os esforços para coletar e analisar esses dados de localização podem não parecer ser de tanta importância se comparado aos demais casos que foram divulgados desde Junho pelos documentos vazados por Snowden. Analistas podem encontrar telefones móveis em qualquer lugar do planeta, mapear seus movimentos e expor relacionamentos entre as pessoas que os utilizam.

    Oficiais do governo Norte-Americano dizem que os programas que coletam e analisam os dados de localização estão dentro da lei e são destinados exclusivamente para o desenvolvimento da inteligência sobre alvos estrangeiros.

    Robert Lit, conselheiro geral para o Escritório do Diretor Nacional de Inteligência, que supervisiona a NSA, disse que "não existe um elemento da comunidade de inteligência que sob qualquer autoridade esteja intencionalmente obtendo uma grande quantidade de informação de localização de telefones móveis nos Estados Unidos". Ainda de acordo com Lit, a NSA não teria motivo para suspeitar que os movimentos da maioria esmagadora dos telefones móveis poderiam ser relevantes para a segurança nacional. Ao invés disso, ela coleta as localizações em blocos porque suas poderosas ferramentas analíticas - conhecidas coletivamente como CO-TRAVELERS - permitem procurar por associados desconhecidos de alvos conhecidos da inteligência, ao rastrear as pessoas que esses movimentos cruzam.

    Ainda sim, os dados de localização, especialmente quando agrupados ao longo do tempo, estão altamente relacionados como unicamente sensíveis pelos defensores da privacidade. Técnicas matemáticas sofisticadas permitem que a NSA possa rastrear os relacionamentos de proprietários de telefones móveis ao correlacionar suas rotinas de movimento ao longo do tempo com milhões de outros usuários de telefonia móvel que cruzam seus caminhos. Vale lembrar que todos os dispositivos de comunicação móvel como os celulares efetuam uma transmissão contínua de suas localizações mesmo quando eles não estão sendo utilizados para efetuar uma ligação ou enviar uma mensagem.

    Fonte:

    - Slashdot: NSA Tracking Cellphone Locations Worldwide (em Inglês)
    - The Washington Post: NSA tracking cellphone locations worldwide, Snowden documents show (em Inglês)

    Sobre o Autor: code

    Administrador e Editor do Portal Under-Linux, desenvolvedor Linux e FOSS para Linux, autor de livros e artigos, atuando na área de Educação Digital e P&D com AI.

    Comentários 1 Comentário
    1. Avatar de Nilton Nakao
      Nilton Nakao -
      Desde os primórdios do curso técnico da década de 80 quando fiz, governos, instituições e corporações já estavam monitorando nossos atos e além disso tinham agentes infiltrados em todas as partes.
      E parte acho que quanto mais pessoas estiverem sabendo o que faço ou deixo de fazer melhor,outro dia, senti um grampo no um telefone.
    + Enviar Comentário

Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L