• Apple Anuncia Datas para Venda Internacional do iPad

    Já está confirmado! A partir do dia 28 deste mês de maio, o iPad estará disponível para venda em um seleto mercado internacional. Realmente, de início, as vendas do iPad estarão liberadas para apenas 9 países em todo o mundo, e o Brasil está de fora! Já para julho ainda neste ano de 2010, a venda do iPad deverá ser expandida para mais países, e nosso país não foi um dos selecionados, no que seria esta uma segunda etapa de venda do iPad, fora dos Estados Unidos da América. Quem sabe em uma terceira etapa, a Apple resolva disponibilizar para nosso mercado, seu tão aclamado tablet.

    Porém, mesmo estando disponível para venda apenas no mercado interno norte-americano, o iPad já vendeu mais de 1 milhão de unidades, desde que iniciou suas vendas no dia 3 de abril deste ano. E a marca de 1 milhão de unidades vendidas foi alcançada em apenas 1 mês de vendas. Nenhuma outra empresa conseguiu tal marca, nesta façanha digna da Apple.

    A empresa de Steve Jobs já havia anunciado algum tempo atrás que, devido a intensa demanda pelo iPad no mercado interno norte-americano, que as vendas internacionais desse produto sofreriam um atraso, já que as unidades destinadas para a venda fora dos Estados Unidos estariam sendo redirecionadas para atender as lojas americanas. O anúncio sobre a venda internacional foi divulgado ontem, dia 7 de maio. Os países agraciados nessa primeira abertura internacional serão os seguintes países: Alemanha, Austrália, Canadá, Espanha, França, Itália, Japão, Reino Unido e Suíça.

    Um anúncio feito pela própria Apple afirma que a abertura para os pedidos de reserva (pré-order) do iPad para esses nove mercados internacionais irá começar a partir do dia 10 de maio, segunda-feira. E não se desesperem se acham que apenas o modelo com Wi-Fi será vendido no exterior. A abertura de mercado para esses nove países será para ambos os modelos (com Wi-Fi e com 3G), a partir do dia 28 deste mês.

    A partir de julho, começa a segunda etapa de vendas para o mercado internacional, e nesta segunda leva, países como Áustria, Bélgica, Cingapura, Holanda, Hong Kong, Irlanda, Luxemburgo, México e Nova Zelândia, terão à disposição em seus mercados internos, ambos os modelos do iPad. Ainda não foi divulgada a data para reserva deste produto nesses países que constituirão a segunda leva de vendas internacionais.

    Realmente, desde que o produto foi inicialmente liberado para venda no mercado interno, que os executivos da Apple tem indicado que a demanda estaria ultrapassando as espectativas internas. Ainda em abril deste ano, a companhia chegou a afirmar que "Provavelmente iremos continuar a ultrapassar nossa oferta nas próximas semanas, a medida que mais e mais pessoas vejam e toquem no iPad".

    As vendas totais do iPad já ultrapassaram a casa de 1 milhão de unidades já no final de abril deste ano. A empresa ainda declarou que mais de 12 milhões de aplicativos e 1,5 milhões de e-books já haviam sido baixados pelos novos proprietários do iPad. Esses números ajudaram Brian Marshall, um analista da Broadpoint AmTech, a estimar a receita da Apple para 2010 para valores entre US$ 57,0 bilhões e US$ 62,6 bilhões. Ele havia declarado que "mais uma vez, destacamos a nossa visão de que a Apple continua a ser a melhor empresa de tecnologia do planeta".

    Apesar dos atrasos para o lançamento internacional, o iPad não perdeu sua atração para o público estrangeiro. Muito pelo contrário! Parece que o atraso motivou ainda mais a espera de diversos futuros consumidores desse produto por todo o Globo Terrestre.


    Links de Interesse:

    - Apple Announces iPad International Rollout Dates


Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L