• Maioria das Pessoas não fez Nada para Proteger sua Privacidade

    Mais de 260 milhões de pessoas foram vítimas de violações de dados em todo o mundo, e com isso, houve um aumento do risco de roubo de identidade desde as revelações alvo. No entanto, quase 80 por cento delas não fez nada para proteger a sua privacidade ou para proteger suas contas financeiras contra fraudes, de acordo com um levantamento feito pelo idRADAR. "Há uma epidemia nacional de violação de dados, e os consumidores mostram, surpreendentemente, muito poucos sinais de preocupação. Além disso, a maioria dessas pessoas estar a tomar medidas para se proteger", disse Tom Feige, CEO da idRADAR.


    A pesquisa mostrou que a maioria das pessoas, nem sequer teve ou tem tempo para mudar suas senhas. E menos de 10 por cento delas, adota novas senhas mensais contra cerca de 58 por cento que disse que só o faria quando estivesse sendo pressionado por um site ou fornecedor. Além disso, cerca de 93 por cento dos adultos entrevistados acha que depois de uma violação, eles querem que a empresa envolvida com a ocorrência possa oferecer-lhes um processo de monitoramento livre, sem que haja dispêndio algum por parte dos afetados pela má investida.


    Saiba Mais:

    [1] Net Security http://www.net-security.org/secworld.php?id=16970

    Sobre o Autor: Camilla Lemke


Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L