• Malware: Número de Infecções Depende das Políticas Adotadas pelas Organizações

    A empresa especialista em detecção de ameaças, Damballa, lançou o seu mais recente relatório State of Infections Report para o segundo trimestre de 2014. A empresa tem vindo a acompanhar as infecções ativas em redes corporativas e descobriu que não há nenhuma correlação entre o tamanho de uma organização e a proporção de máquinas infectadas com o malware. Por exemplo, a Damballa tem visto empresas com mais de 200 mil dispositivos e apenas uma pequena parcela deles infectada, mas ao mesmo tempo, tem visto um grande número de ameaças ativas nas redes das empresas com cerca de 500 máquinas.


    De acordo com a empresa de segurança, a proporção de infecções ativas variou entre 0,1% e 18,5%. No entanto, a empresa observou que nem todas as infecções estão ativas todos os dias, porque o malware avançado pode parar de se comunicar com o seu servidor de comando e controle (C & C) por determinados períodos de tempo, caracterizando assim, um esforço para evitar a detecção.


    Saiba Mais:

    [1] Security Week http://www.securityweek.com/number-m...-size-damballa

Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L