• Machete: Campanha de Cyber-espionagem Visando América Latina

    A Kaspersky Lab descobriu uma nova campanha de cyber-espionagem, chamada "Machete". Esta campanha tem como alvo vítimas de alto perfil, incluindo o governo, a área militar, agências de aplicação da lei e as embaixadas. O principal campo de atuação é a América Latina e a maioria das vítimas parece estar localizada na Venezuela, Peru, Equador e Colômbia; mas há também outros países afetados (inclusive de outros continentes) que inclui a Rússia, a Espanha e Cuba. O objetivo dos atacantes é seqüestrar informações sensíveis das organizações comprometidas - até agora esta ameaça conseguiu roubar com sucesso, uma enorme quantidade de gigabytes em dados confidenciais.


    "Apesar da simplicidade das ferramentas utilizadas nesta campanha, os resultados mostram que ela foi muito eficaz. Parece que os cybercriminosos estão, dessa vez, adotando técnicas de campanhas de APT vistas em todo o mundo", disseram os especialistas das Kaspersky Lab. tendo a frente Dmitry Bestuzhev, chefe de pesquisa global da Kaspersky Lab na América Latina. Dessa forma, eles esperam que as campanhas de cyber-espionagem locais alcancem maiores níveis de sofisticação tecnológica, e é provável que novas campanhas semelhantes, do ponto de vista técnico, surjam a um nível mundial.

    O melhor a fazer diante disso, é pensar sobre a segurança em todo o mundo e parar de pensar que países latino-americanos estão livres dessas ameaças, quando na verdade eles são um potencial alvo de ataques cybercriminosos.


    Saiba Mais:

    [1] Malware News - Net Security http://www.net-security.org/malware_news.php?id=2846

Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L