• Silk Road 2.0: Desativação e Prisão de seu Operador

    O advogado de Estados Unidos para o Distrito Sul de Nova York, anunciou no decorrer desta última semana, a prisão de Blake Benthall ( aka "Defcon"), em conexão com a operação de inatividade do seu site da Silk Road 2.0. O "bazar online da droga" foi simultâneo apreendido e desativado autoridades ligadas à aplicação da lei. Segundo a denúncia não homologada na quinta-feira em um tribunal federal de Manhattan, desde de Dezembro de 2013, Benthall tinha propriedade e operações mantidas secretamente em um site clandestino conhecido como "Silk Road 2.0" - um dos mercados cybercriminosos mais utilizados na Internet nos dias de hoje.


    O site tem operado na rede "Tor", que como muitos sabem, é especialmente distribuída ao redor do mundo, projetada para esconder os verdadeiros endereços IP dos computadores e assim, as identidades dos usuários que fazem parte dessa rede. Desde o seu lançamento, que ocorreu em novembro de 2013, o Silk Road 2.0 tem sido usado por milhares de traficantes de drogas e outros fornecedores de produtos e serviços ilegais, para distribuir drogas e outras mercadorias ilícitas para os compradores espalhados em todo o mundo, bem como a prática de lavagem de milhões de dólares gerados por estas transações. Em setembro de 2014, Silk Road 2.0 gerou vendas de pelo menos cerca de US$ 8 milhões por mês, contando com uma média de 150.000 usuários ativos.


    Saiba Mais:

    [1] Net Security http://www.net-security.org/secworld.php?id=17603

    Sobre o Autor: Camilla Lemke


Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L