Página 3 de 8 PrimeiroPrimeiro 1234567 ... ÚltimoÚltimo
+ Responder ao Tópico



  1. Citação Postado originalmente por shawnsk8 Ver Post
    concordo plenamente tentar impedir que o governo inclua digitalmente essas pessos parece ate piada, pior foi quando tinham poucas lojas de computadores como a que eu trabalho e começaram a vender computadores em supermercados lojas de moveis tudo em 48000 X sem juros e com incentivo do governo que cobra menos impostos dessas lojas sobre a venda de computadores deviamos ter entrado na justiça pra impedir que as pessoas tenha melhores preços e mais facilidades na hora da compra. Chego a concordar com dono do topico em estar p da vida mais tentar impedir que pessoas tenha tal facilidade chega e ser engraçado fosse assim os donos de carro pipa tinha que brigar com a sabesp e com as prefeituras que colocaram agua encanada nas casas.

    ou talvez a Microsoft deva entrar na justiça contra as desenvolvedoras das distribuições linux, fabricantes de PCs, empresas e usuarios que optarem pelo linux ou qualquer outro software livre... afinal a MS investe muito e paga impostos e não pode ser prejudicada pelo atrevimento dessa turma de vagabundos...
    Última edição por GilneI; 03-09-2008 às 22:51.

  2. Citação Postado originalmente por shawnsk8 Ver Post
    concordo plenamente tentar impedir que o governo inclua digitalmente essas pessos parece ate piada, pior foi quando tinham poucas lojas de computadores como a que eu trabalho e começaram a vender computadores em supermercados lojas de moveis tudo em 48000 X sem juros e com incentivo do governo que cobra menos impostos dessas lojas sobre a venda de computadores deviamos ter entrado na justiça pra impedir que as pessoas tenha melhores preços e mais facilidades na hora da compra. Chego a concordar com dono do topico em estar p da vida mais tentar impedir que pessoas tenha tal facilidade chega e ser engraçado fosse assim os donos de carro pipa tinha que brigar com a sabesp e com as prefeituras que colocaram agua encanada nas casas.
    Concordo em gênero e número. Mas não em grau.
    Esta estória de inclusão digital, quando começou o discurso dos cabeções, não era bem assim como está pintando agora.
    Eu assisti uma entrevista ano passado do Min. Hélio Costa, no Canal Livre da Band, onde ele citou que havia um dinheiro parado no Fust, na época 6 bilhões de reais. Este dinheiro só poderia ser usado por uma estatal por força de lei. E a única estatal na área ainda é a Telebrás. O Joelmir perguntou para ele se ela ainda existia e ele confirmou que sim, e tinha ainda cerca de 200 funcionários lotados na estatal. Mas que ela estava também impedida de agir pelas privatizações que haviam sido feitas. Que precisaria mudar algo na lei e assim permitir que este recurso fosse canalizado para a inclusão. Quando questionado se esse dinheiro não iria parar na mão das Teles privadas, ele disse que não, que inclusive poderia ser utilizado até para levar a internet aos mais distantes rincões onde as Teles não iam, pelos provedores independentes.

    Mas de lá para cá, parece que o discurso mudou. As Teles estão se agrupando e como prova de que vamos ficar com uma ou duas empresas só, é o fato de agora já ser permitido mudar de operadora e não mudar o nº do celular. Tudo está armado para unificação.
    O que vai acontecer com certeza é que as Teles vão abocanhar este dinheirão e dar uma linha para cada escola e cada prefeitura e aparecer como cooperadoras da inclusão digital. E os políticos vão ficar batendo palmas.
    E de lambuja vão ampliar suas instalações para levar mais internet aos particulares e continuar vendendo links caros para os provedores.
    Na região da BrasilTelecom já nem dá mais para pensar em fornecer acesso a empresas. Eles ligam para as empresas e oferecem um plano que eles chamam de IP Empresarial por 89,00 incluindo telefone com 400 minutos, e 1 mega de internet.
    Na minha cidade aumentaram o número de portas na central, mas deram só para empresas. Porque? Na prática, empresa não sobrecarrega o sistema, não fica baixando tudo que aparece, e no horário de pico, a noite estão fechadas. Vivos eles, não? Enquanto nós temos que ficar com a garotada vidrada em downloads grandes e reclamando quem querem mais velocidade.
    Para terem uma idéia, só o telefone comercial tinha a taxa de 55,00, com direito a 200 minutos. Assim a internet vai ficar por 34,00 o mega e ainda ganha de lambuja mais 200 minutos.
    Quem é que vai conseguir competir? Eu sei que não vou conseguir. Mas me resta o consolo de que logo, logo eles vão ver onde meteram a colher. Estas empresas, que são os maiores consumidores de telefonia interurbana vão estar todas no Voip para segurar as contas na taxa mínima. Se eles pensam que iriam abrir mão de uma receita para ganhar outra logo alí, vai sair pela culatra. Pena que nós não vamos poder estar dando risada, porque eles vão nos quebrar antes.
    Este é o meu desabafo. Tomara que eu esteja errado, mas pelos ventos que sopram, acho que não.



  3. bom, talves devesem pagar parte dos custos com telefonia celular por exemplo,,dar celular de graça para as familhas de monor rdnas, para que eles possao vir a se favoreçer da tecnologia, e tambem ficarem incuilodçs digitalmente, por que nao fazer isso ???
    melor fud... com um pequeno que com as grandes, vc`s duvidào que quando ficar perigoso as grandes entrarem no supremo e derrubarem esa onda de interner gratis????
    e mais uma para jogar nos pequenos empresarios para fora do mercado, pode apostar, em poucos nos isso sera prohibido, logo apos nos nao termos fechado as portas, vc`s verâo!!!

  4. Na minha opinião, não querendo questionar o direito e a legalidade do fato, devemos pensar sob a seguinte linha de raciocínio: tudo que é público no Brasil não funciona: educação, saúde, segurança, estradas, transporte público, etc. Pq a internet pública funcionaria?
    Reflitam...rs

    Abs a todos!



  5. Citação Postado originalmente por GilneI Ver Post
    ou talvez a Microsoft deva entrar na justiça contra as desenvolvedoras das distribuições linux, fabricantes de PCs, empresas e usuarios que optarem pelo linux ou qualquer outro software livre... afinal a MS investe muito e paga impostos e não pode ser prejudicada pelo atrevimento dessa turma de vagabundos...
    Não é bem assim.
    Na verdade existe uma série de serviços que por lei são atribuições da autoridade constituida. Sáude, educação, saneamento, segurança e por aí vai.
    Agora, internet não é serviço essencial e portanto não cabe ao poder público intrometer-se no ramo, até porque existe uma regulamentação para o serviço e este é encarado pela própria Anatel, como de iniciativa privada.

    No entando, por alguma política de governo, medidas podem ser tomadas para facilitar o acesso de usuários. Mas estas medidas deveriam necessariamente passar pela iniciativa privada, dentro de alguns paramentros que poderiam ser definidos.
    Usar este instrumento com finalidade populista é pura demagogia.
    E concordo com outros que citaram que serviço público deixa a desejar, mas que atrapalha, atrapalha.

    A analogia com a Microsoft não é válida, porque ela e os desenvolvedores Linux estão todos na iniciativa privada.
    Veja o exemplo da Petrobrás, é outra visão do mesmo problema. Apesar do governo ser dono da metade da Petrobrás, eu não acho justo colocar no orçamento da União, verbas para expansão já que ela é uma empresa de iniciativa privada. E segundo as notícias supostamente a maior parte dos investimentos do PAC serão absorvidos pelo setor petroleiro.
    Cada um no seu galho é mais justo.






Tópicos Similares

  1. A legalidade de internet grátis pelas Prefeituras
    Por kleberbrasil no fórum Redes
    Respostas: 41
    Último Post: 16-08-2011, 22:21
  2. Respostas: 18
    Último Post: 27-09-2009, 20:52
  3. Internet gratis para pequeno municipio
    Por psilencio no fórum Redes
    Respostas: 16
    Último Post: 14-10-2008, 22:33
  4. Respostas: 3
    Último Post: 26-05-2007, 16:38
  5. Sinal de um provedor de internet a 8km? Como?
    Por rofegui no fórum Redes
    Respostas: 17
    Último Post: 20-02-2007, 19:26

Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L