+ Responder ao Tópico

SCM



  1. #1

    Padrão É necessario usar o SCM????

    Ganhei uma licitação de um orgão publico para implanatção de sistemas de radio em 5.8, porem o tipo de serviço é locação.
    Não vou fornecer link nem nada, apenas vou fazer a locação dos pontos, tipo interligar
    Sec. Educ com Prefeitura, o tipo de dado que passa pela ali não é de minha responsabilidade, apenas o equipamento vai ser meu, e vou manter o negocio funcioanando...
    Isso é ou não considerado provedor?
    É necessario adquirir SCM para isso???
    Obrigado
    Última edição por fhb; 16-12-2008 às 16:11. Razão: Faltou informações

  2. #2

    Padrão

    No meu entender a necessidade de SCM, não tem discussão, tem que haver.

    Agora o que determinara se é sua responsabilidade ou não, é o edital de licitação.



  3. #3

    Padrão

    Não consta na licitação não,,, mas o SCM só é valido se você usar o seu sistema de Radio para vender internet, se usar ele para ligar por exemplo "sua casa com seu escritorio" não é necessario SCM porque você não esta usando para vender e sim apenas interiligar 2 pontos outdor, que é o mesmo que colocar um equipamento wireless indor em sua kza....

  4. #4

    Padrão

    Na verdade não se trata somente de uma questão de venda.

    Na portaria 506, esta bem explicito, o que não pode haver é a utilização de serviços de terceiros, se utilizando de redes em rf. Logicamente você já deve saber disto, existe um faixa dentro do 5.8 Ghz para esta interligação.

    Se a prefeitura atraves deste ponto-a-ponto disponibilizar internet, já se caracteriza pela necessidade de SCM.



  5. #5

    Padrão

    Então pelo que eu entendi, estou locando o equipamento apenas, como para mim o que trafega não importa, pois isso não é de minha responsabilidade e os mesmos não estão pedindo SCM nalicitação, então se eles usarem Internet atravez desse quem deve dar entrada ou processo de SCM é a prefeitura e não eu.
    estou correto?

  6. #6

    Padrão

    Eu entendo que sim, pois você estara entregando aquilo que solicitaram na licitação.