+ Responder ao Tópico



  1. Citação Postado originalmente por MarceloGOIAS Ver Post
    1929,

    os colegas estão fazendo confusão em relação ao uso de antenas externas.
    Sim, é permitido o uso. Raramente um equipamento é homologado para usar somente com a antena que vem nele. No caso de radiofrequência não licenciada (2.4GHz e 5.8GHz) é permitido o uso de antena externa. Entretanto, como "dizem" as resoluções da Anatel a estação deve ser licenciada para uso comercial, e sobretudo, em localidades com população acima de 500.000 habitantes.

    Tem algumas pessoas dizendo que frequência de 5.8GHz não tem limite de potência E.I.R.P (soma da potência do rádio + ganho da antena). Essa afirmação não procede. Tanto que na homologação de cada equipamento é informado a potência máxima a ser utilizada por cada equipamento, bem com sua frequência de operação e modulação permitidas. Consequentemente, quem usar os equipamentos fora das especificações de permissão estará burlando a homologação e infrigindo normas legais.
    Éra o que eu já ia dizer rs,rs e mais é só ler direitinho os certificados de homologação dos produtos que forem usar sem seus respectivos provedores que não terão nenhum tipo de problema, pois lá consta todas as informações pertinentes ao caso é claro que as vezes sã informações que confunde, mas ai é só consultar seu engenheiro e fica tudo tranquilo!

  2. Citação Postado originalmente por MarceloGOIAS Ver Post
    1929,

    os colegas estão fazendo confusão em relação ao uso de antenas externas.
    Sim, é permitido o uso. Raramente um equipamento é homologado para usar somente com a antena que vem nele. No caso de radiofrequência não licenciada (2.4GHz e 5.8GHz) é permitido o uso de antena externa. Entretanto, como "dizem" as resoluções da Anatel a estação deve ser licenciada para uso comercial, e sobretudo, em localidades com população acima de 500.000 habitantes.

    Tem algumas pessoas dizendo que frequência de 5.8GHz não tem limite de potência E.I.R.P (soma da potência do rádio + ganho da antena). Essa afirmação não procede. Tanto que na homologação de cada equipamento é informado a potência máxima a ser utilizada por cada equipamento, bem com sua frequência de operação e modulação permitidas. Consequentemente, quem usar os equipamentos fora das especificações de permissão estará burlando a homologação e infrigindo normas legais.
    Realmente tu tens razão.
    Seria contraproducente ter um AP com conexão para antena externa e não poder usar.
    Mas como disse o outro companheiro, ás vezes tem coisas escritas nas resoluções que acabam confundindo a gente. Tem mesmo que ler uma, duas, tres vêzes.
    E no caso específico do rádio usado pelo parceiro do Fabrício, a única coisa que ainda não está claro no relato é sobre o uso.
    Pois o rádio em si não ultrapassa o limite permitido.
    Mas, é ponto a ponto ou multiponto? Pois no multiponto vale a regra de baixar a potencia para compensar o ganho da antena. Já no ponto a ponto não existe esta exigencia. Foi o que eu entendi. É isso mesmo?



  3. Em relação ao que esta escrito na caixa, fique tambem assustado quando comprei as primeiras aqui, nem abrir liguei pro fornecedor e disse a ele que as atenas tinham vindo errado, que eram pra link satelite ou sky, ai me explicaram que a antena estava correta, basicamente só era a embalagem e a parabola que seriam a mesma coisa da sky, o que mudaria seria o dipolo, achei estranho e questionei sobre a homologação, então mim disseram não tem ai o selo de homologação da Anatel, disse tem então ta correto. Bom como já faz mais de 03 anos comprando do mesmo fornecedor, então não fiz mais perguntas.


    Valeu.

  4. Citação Postado originalmente por 1929 Ver Post
    Realmente tu tens razão.
    Seria contraproducente ter um AP com conexão para antena externa e não poder usar.
    Mas como disse o outro companheiro, ás vezes tem coisas escritas nas resoluções que acabam confundindo a gente. Tem mesmo que ler uma, duas, tres vêzes.
    E no caso específico do rádio usado pelo parceiro do Fabrício, a única coisa que ainda não está claro no relato é sobre o uso.
    Pois o rádio em si não ultrapassa o limite permitido.
    Mas, é ponto a ponto ou multiponto? Pois no multiponto vale a regra de baixar a potencia para compensar o ganho da antena. Já no ponto a ponto não existe esta exigencia. Foi o que eu entendi. É isso mesmo?


    1929,

    ponto a ponto também tem limite de E.I.R.P. De onde e por quê o amigo concluiu que não há limite? Caso a Anatel - ou órgãos reguladores de qualquer país do mundo - não limitasse o espectro rádio-elétrico da frequência ficaria inutilizado, pois todos iriam querer usar 1W, 5W ou 10W, por exemplo.

    Para se ter uma idéia os fabricantes só lançam produtos baseados nas resoluções do IEEE (Instituto dos Engenheiros Eletricistas dos Estados Unidos - geralmente os órgãos reguladores por todo mundo seguem). Essas resoluções definem potência, padrões, modulações e tudo o mais relacionado a radiofrequências. A Anatel, por exemplo, faz apenas pequenas modificações, quando necessárias apenas, para introuzí-los (as) no Brasil.



  5. Citação Postado originalmente por MarceloGOIAS Ver Post
    1929,

    ponto a ponto também tem limite de E.I.R.P. De onde e por quê o amigo concluiu que não há limite? Caso a Anatel - ou órgãos reguladores de qualquer país do mundo - não limitasse o espectro rádio-elétrico da frequência ficaria inutilizado, pois todos iriam querer usar 1W, 5W ou 10W, por exemplo.

    Para se ter uma idéia os fabricantes só lançam produtos baseados nas resoluções do IEEE (Instituto dos Engenheiros Eletricistas dos Estados Unidos - geralmente os órgãos reguladores por todo mundo seguem). Essas resoluções definem potência, padrões, modulações e tudo o mais relacionado a radiofrequências. A Anatel, por exemplo, faz apenas pequenas modificações, quando necessárias apenas, para introuzí-los (as) no Brasil.
    Pois é Marcelo. Eu devo estar todo confuso com isso.
    Concordo que tenha o controle de eirp.
    Só não entendi é aquele detalhe que fala que em 5.8 não precisa compensar o ganho da antena, diminuindo 1 db para cada 3 db de ganho, quando for para ponto a ponto em 5.8.
    Eu havia entendido que desde que o rádio está homologado para aquela frequencia, com a potencia de fábrica, qualquer ganho de antena homologada seria permitida em ponto a ponto.
    Esclarece este detalhe para nós, mortais.






Tópicos Similares

  1. Respostas: 22
    Último Post: 29-05-2017, 12:52
  2. Respostas: 21
    Último Post: 07-12-2012, 14:12
  3. Respostas: 9
    Último Post: 12-06-2009, 21:45
  4. Respostas: 8
    Último Post: 21-03-2007, 08:01
  5. homologação da anatel produtos terabeam
    Por lluner no fórum Redes
    Respostas: 3
    Último Post: 26-07-2005, 15:44

Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L