Página 3 de 26 PrimeiroPrimeiro 12345678 ... ÚltimoÚltimo
+ Responder ao Tópico



  1. celular gsm/tdma seria um bom exemplo :P


    Citação Postado originalmente por fernandofiorentinn Ver Post
    pra que existe o cabo rg 58?

  2. Rapaz n sei uso ak cabo de 2mts da Pekon rg213/u de 50ohms e achei melhor q os de 75 ohms ta show as antenas!
    Aumentou e melhorou a qualidade e muito!



  3. Ohm - Wikipédia, a enciclopédia livre

    é bom ler isso ai ... ja da uma ideia... impedancia de cabo.. nao quer dizer que.. 75 eh melhor que 50 ... nem que 50 eh melhor que 75 .. se o sistema eh 50ohm.. TEM Q USER 50ohm.. para ter o desempenho necessario...

  4. É como o Alexandre diz.
    50 ohms é uma coisa e 75 ohms é outra.
    Mas é muito complexo o comportamento de um cabo, pois dependendo das condições locais, da calibração da antena e da saída do rádio, estes 50ohms podem não estar presentes em uma das pontas, seja no rádio ou na antena.
    No rádio normalmente o controle de qualidade e o próprio projeto vão satisfazer estas medidas.
    Já na antena, nem sempre é assim.
    Daí a necessidade de casar a impedância. E logicamente um cabo de 50 ohms tem, teoricamente mais chance de produzir este casamento.
    Mas se isso não acontecer, vão ser necessários alguns artifícios para produzir este casamento das impedâncias.
    Nesta faixa de frequencias não tenho experiência, mas como radioamador nas faixas de HF, eu usava um acoplador de antenas para permitir a máxima transferencia de sinal para a antena.

    Tem radioamadores que não gostam e até criticam o uso de acopladores mas eu posso dizer por experiencia própria que em 40m ou frequencia de 7.1 mhz fiz a volta ao mundo usando um acoplador de antenas. Se ele não fosse eficiente, eu não teria conseguido isso.
    No momento que o medidor do acoplador me mostra a menor SWR ou ROE, é o momento que dá a máxima transferencia de sinal
    Imagino que em 2.4 os princípios de radioeletricidade devem ser os mesmos. Pena que um instrumento para fazer esta medição em 2.4 custa caro. Um Bird 43 custa lá fora 380 dólares. Mais as pastilhas para o frequencia a ser usada, que eu nem sei o preço e coloca frete e impostos e vê onde fica.
    Passa dos 2.000 reais.

    É sobre isso que o Gilvan tem falado. Acoplamento.
    É pena que logo de início ele entrou de sola, criando um certo antagonismo na maioria de nós.

    O que pode ter acontecido com o colega que levantou o assunto é que por coincidência houve um melhor casamento das impedancias. Mas ísto não é a regra. 50 é para 50 e 75 é para 75 esta é a regra. Mas se conseguir fazer este acoplamento, esta especificação do cabo vai ficar transparente.
    E tem outros fatores que vão influenciar no resultado final, como blindagem e atenuação por exemplo.



  5. Cabo RGC213 em cliente não dá, alem de ser caro é muito grosso, ia ter que arrombar a parede do cliente pra passar o cabo, já o RG58 é flexivel e bem mais fino e barato.






Tópicos Similares

  1. Melhor antena para rede wireless em um colégio
    Por leandro.tech no fórum Redes
    Respostas: 15
    Último Post: 01-10-2013, 14:53
  2. Qual a melhor placa para se usar em um PC-AP
    Por warllock01 no fórum Redes
    Respostas: 1
    Último Post: 26-02-2008, 00:57
  3. RGC6 75 Ohms melhor que RGC58 50 Ohms!
    Por cambioco no fórum Redes
    Respostas: 22
    Último Post: 19-09-2007, 21:36
  4. Respostas: 10
    Último Post: 08-01-2007, 11:59
  5. Respostas: 31
    Último Post: 02-10-2006, 12:50

Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L