+ Responder ao Tópico



  1. #1

    Padrão Discussão sobre o protocolo 802.11b

    Tava rolando um topico muito bom ha um tempo atras, mas o mesmo foi fechado e eu gostaria de citar alguns posts interessantes e iniciar uma discussão "sadia" sobre o assunto.

    O protoclo 802.11b foi feito para trabalhar com 32 clientes simultâneos por cartão, ap... etc.
    Isso quer dizer que qualquer cartão que eu colocar em B não pode ter mais de 32 clientes simultaneos?
    No cartão que vou colocar é o XR2 da ubiquiti.
    Agradeço muito pela sua ajuda amigo e também não duvido do seu conhecimento.
    Mas, acho que não faz muito sentido eu investir em um servidor Mikrotik e utilizar um cartão XR2 da ubiquiti com a 802.11b e trabalhar com no máximo 32 clientes simultâneos...
    Se fosse assim eu compraria somente um AP da GTS Telecom de R$198,00 que aguenta tranquilo 30 clientes simultâneos, que eu já vi na prática...
    A pergunta que fica no ar é: Porque então as pessoas investem pesado em um Mikrotik para trabalhar com 32 clientes simultâneos por cartão, se elas podem comprar um AP por cerca de R$200,00 que também aguentam os mesmos 32 clientes com controle de banda e tudo mais???

    Não é só referente a este Post, mas englobando os anteriores também...

    Desculpa por qualquer coisa e muito obrigado!
    primeiro amigo, que quantidade de clientes é uma coisa e quantidade de clientes com qualidade é outra! Com o mikrotik vc tem um sistema profissional e estável que aproveita o máximo throughput do cartão; tem um excelente sistema de controle de banda, prioridade de tráfego, roteamento, firewall, entre outras coisas. Já trabalhei com esses AP'szinhos no príncipio, e sinseramente só me deram dor de cabeça.

    Lembre se que um fusca leva a mesma quantidade de passsageiros de um belo carro de luxo, no entanto, não dá nem para compará-los.

    Aps funcionam bem em rede interna, em rede externa é furada!
    O motivo pelo qual o 11b tende a funcionar em ambientes outdoor melhor, é que a modulação para a qual foi projetado o padrão é a DSSS (Direct Sequence Spread Spectrum) que se beneficia em trabalhar em bandas de frequências menores( ou quase isso, talvez esteja me expressando mal), já o OFDM(Orthogonal Frequency Division Multiplexing) que é usado pelo 11g tende a sofrer maior interferências por utilizar uma banda maior de frequência e com filtragem de ruido simples, o padrão de modulação do DSSS permite aos receptores filtrar sinais que não utilizam o mesmo padrão, incluindo ruídos ou interferências.
    Eu sugiro a você a fazer uma avaliação dos fatores que influenciariam no uso do 11g com suas antenas, como distância e banda exigida nos clientes. O G funciona mas para curtas distâncias, baixa interferências, ou em longas distâncias em PTP com baixa interferência.
    Boa noite a todos! Lendo as contribuições dos amigos fiquei intrigado com a afirmação de que o protocolo 802.11b foi concebido para suportar 32 usuários. Dei uma pesquisada e não encontrei nada a respeito desta afirmação... Não consegui enchergar muito sentido nisso...

    Inicialmente acredito ser importante o conceito de usuários simultaneos e usuários conectados... Simultâneo (na minha opinião) é a quantidade de usuários transmitindo ou recebendo dados ao mesmo tempo na rede. Conectados são usuários que estão registrados no AP no entanto naquele instante não estão transmitindo dados. Logo, isso deve ser levado em consideração.

    Outro dado que acho importante é o "plano de acesso" do cliente, quanto menor a velocidade do cliente mais clientes simultaneos vc vai poder ter. Fator de grande relevancia é a poluição das frequencias da região. Quanto mais limpo menos se retransmite pacotes e mais a rede fica liberada...


    Olhando todas as camadas do modelo OSI não consegui abstrair em que camada estaria esta limitação explícita de 32 usuários, mesmo que seja uma limitação teórica do tipo cabo de rede cat5 só pode ter 100mts...

    Acredito que a capacidade de manter a potência com qualidade no sinal mesmo que esta seja 30mW é o mais importante. Para montar um PCAP com qualidade deve-se atentar para alguns fatores importantes: fonte com boa potência real, boa refrigeração, boa qualidade das conexões, cartões e painéis.

    Os cartões senao - engenius tem a assustadora potencia de 600mW, mas isso não é importante e até prejudicial e como um carro a 220Km/h fica sem estabilidade... Use panéis de qualidade como os Hyperlink, uma boa dica é o uso do painel de 14dB 90º polarização horizontal da HYP a maioria dos provedores trabalha com pol. vertica, vc já foge um pouco da poluição, use cartões de qualidade o senao PCMCIA NL2511 PLUS EXT2 é uma boa opção segura até 120 usuários conectados. Use as versões mais atuais do mikrotik que jah tem alguns BUGs corrigidos e suportam mais memória RAM.

    Faça instalações no cliente com qualidade, não misture no mesmo cartão clientes que estão próximos com os que estão muito longe, faça repetidoras ou coloque outros painéis na torre para atende-los.

    Estas são sugestões que extraí após algum tempo lendo a colaboração dos amigos do fórum e lendo muitos documentos na net...

    Não sou dono da verdade são apenas sugestões que podem ser perfeitamente contestadas pelos amigos...

    Crie um hotspot, pools DHCP... para cada cartão e observe as recomendações dos amigos quanto à distancia entre painéis, diferença entre as faixas....

    Caso a limitação de 32 usuários na 802.11B seja real divulgue a fonte... fiquei muito
    O SL-2511 da Senao 'e muito bom ele tem chipset prismII estou usando ele em todos meus pop's e estao em media 90 clientes simultanoes em cada cartao.... fornecedor tem varios aqui no brasil agora 'e so cotar e ver qual le agrada mais =)
    Se funciona no mt, funciona sim muito bem....
    Tenho cartão 2511 da senão aqui, e nunca passou de 50 conectados, aliás com essa quantidade já tinha perda de pacotes etc.

    Mas é bom lembrar, que além de conectados meus clientes tinham tráfego.

    Não esqueçam a qualidade!!

    A briga não é com a quantidade de clientes no cartão e sim com a qualidade da conexão (lembrando que isso também não tem nada a ver com intensidade de sinal)
    Se tem uma coisa que eu posso afirmar é que um AP como GTS, WR254, G220 aguenta 30 clientes simultaneos sem problemas.

    É agora? É limitação do protocolo? Do processamento? Da memoria?

    No proprio Senao 2611 tem o limite de 32 MACs cadastrados, mas usando o cartão num PC-AP já teve gente que conseguiu até 60 simultaneos.
    Última edição por lipeiori; 30-04-2009 às 16:56.

  2. #2

    Padrão

    limitação do protocolo ... vvelocidade.... vc pode colocar 200 no cartao.. mas vai chegar um ponto que.. um conectado vai demorar x segundos pra poder "falar" novamente... (CSMA/CA)



  3. #3

    Padrão

    Citação Postado originalmente por lipeiori Ver Post
    Tava rolando um topico muito bom ha um tempo atras, mas o mesmo foi fechado e eu gostaria de citar alguns posts interessantes e iniciar uma discussão "sadia" sobre o assunto.
    ...
    ...
    Se tem uma coisa que eu posso afirmar é que um AP como GTS, WR254, G220 aguenta 30 clientes simultaneos sem problemas.

    É agora? É limitação do protocolo? Do processamento? Da memoria?

    No proprio Senao 2611 tem o limite de 32 MACs cadastrados, mas usando o cartão num PC-AP já teve gente que conseguiu até 60 simultaneos.

    É como o Alexandre disse. Colocar é uma coisa. Andar é outra.

    E quanto aos APs tipo GTS, também vai influenciar se eles estão em bridge e mikrotik como servidor ou se eles fazem tudo.

    Mas tem coisas que às vezes não dá para entender.
    Dias desses eu fui visitar um amigo numa outra cidade. No provedor dele tem só Aprouter nas torres e ele tem mais de 300 assinantes e tudo andando muito bem. Ele me mostrou os gráficos de consumo de alguns assinantes, e também dos que estavam online.

    Não dava para acreditar no desempenho da rede só com os AProuter.
    E não era só navegação não. Ele tem monitoramento com câmeras em várias empresas e me mostrou tudo funcionando redondinho.
    Só não me lembrei de ver com ele, quantos ele cadastra por AP.
    A gente gasta um mundo de dinheiro em RB, cartões, e vem um cara com apezinhos e resolve tudo? Não dá para entender mesmo.
    Recem agora ele está planejando montar PC-AP, para ver se vai dar diferença.

  4. #4

    Padrão

    tenho tudo mikrotik e talz.. mas tenho um ponto onde atendo uns 8 clientes.. e coloquei um aprouter... (kodama com aprouter 3 ainda) ...

    nunca deu problema... e fica muito bom.. ja teve epoca que tive mto problema com mikrotik e tava pensando e colocar um routerzinho no lugar e ver o que dava hehehe



  5. #5

    Padrão

    engraçado mikrotik é o bicho, mas os apzinhos ainda deitam e rolam em muitas redes e tem mais, não aguentam 40 online, (hehe demais né =p), uns 15 a 25 o bixo fila lezado, mas segura a peteca, acho que se investissem em uma maneira de modificar o protocolo 802.11b para uma melhor performance e quantidade de clientes com qualidade, creio que ae sim achariam a hora da vez!

  6. #6

    Padrão

    Citação Postado originalmente por multlink Ver Post
    engraçado mikrotik é o bicho, mas os apzinhos ainda deitam e rolam em muitas redes e tem mais, não aguentam 40 online, (hehe demais né =p), uns 15 a 25 o bixo fila lezado, mas segura a peteca, acho que se investissem em uma maneira de modificar o protocolo 802.11b para uma melhor performance e quantidade de clientes com qualidade, creio que ae sim achariam a hora da vez!
    Os Nano estão chegando aí exatamente para isso que voce propõe.

    Eu não entendo muito, mas pelo que observo, um AP em bridge e uma RB com cartão, também em bridge, não dá muita diferença no número de usuários que aguentam.
    Tenho visto relatos de cartões mini-pci que com 30 usuários começam também a ficar lentos.

    Mas não todos os APs. Assim como não são todos os cartões que dá para fazer esta comparação.
    Logicamente comparar um AP com um cartão Ubiquiti ou R52 é covardia.
    Mas na média, os resultados são semelhantes.
    Mas numa estrutura como citei de mais de 300 usuários e tudo com AP, é fora do comum dar certo.
    Os radios dele são o 5460 com Aprouter.
    É baseado nisso que estou comprando os Nano para colocar nas torres que estou levantando e vou trocar nas que já tenho também. Se cada Nano fizer a metade do que promete em termos de tráfego já vai ficar muito bom, porque não tenho previsão de muita concentração em cada torre. Se eu colocar 6 Nano num cluster e 20 usuários por Nano, são 120. E isso nunca eu irei atingir em cada torre.
    Então pergunto? Para que investir em RB+Cartões, no meu caso.
    Vou deixar os Nanos em bridge e servidor mikrotik neles.



  7. #7

    Padrão

    Então pergunto? Para que investir em RB+Cartões, no meu caso.
    Vou deixar os Nanos em bridge e servidor mikrotik neles.

    bem, já pensei desta mesma maneira, inclusive coloquei um nano5 em testes, como uso 5.8 para ptp e não clientes, vou retirar ele e colocar um 2,4 e começar a encher de clientes p-ara ver na prática o rendimento do cidadão.
    não sei se ele trabalha parecido com o canopy, aqui vejo provedor com clusters de 6 canopy, creio que cada um deva suportar uns 40 a 60, pois a tecnologia empregada parece ser cdma, bem vou colocar o ns2 e ver no que dar.

  8. #8

    Padrão

    Então 1929 é assim que eu penso, no caso das RBs e cartoes, uma boa RB tem CPU de 600MHz e 128MB de RAM, se usarmos 4 cartoes cada cartao ficaria com 32MB e 150MHz.

    O proprio G220 tem 32MB de RAM e CPU de 180MHz, usando 4 desses daria a mesma coisa ou nao? Nao sei como é o funcionamento da RAM e CPU de uma RB.



  9. #9

    Padrão

    também acho o nano uma excelente opção, mas principalmente porque é bem vedado não tem perda e o angulo é menor que o de antenas de 90 graus, no mais é tudo igual, mas ainda prefiro utilizar mk só para poder acompanhar o nível do sinal do cliente, perceber as variações de sinal etc

    Falar nisso, agluém conhece um bom painel com angulo menor, tipo 60 graus pra baixo? Acho que é disso que preciso

  10. #10

    Padrão

    Citação Postado originalmente por JHONNE Ver Post
    também acho o nano uma excelente opção, mas principalmente porque é bem vedado não tem perda e o angulo é menor que o de antenas de 90 graus, no mais é tudo igual, mas ainda prefiro utilizar mk só para poder acompanhar o nível do sinal do cliente, perceber as variações de sinal etc

    Falar nisso, agluém conhece um bom painel com angulo menor, tipo 60 graus pra baixo? Acho que é disso que preciso
    Dá uma olhada no site da Pluton. Eles tem painel de 60º

    Além dos Nanos, tem o EOC-2610. Tem mais memória e processamento que o Nano.
    Além disso, se configurar a antena integrada com polarização horizontal, não precisa colocar 6 no array. Com 5 fecha os 360º e se for pol vertical, com 4 fecha os 360º.
    Tá é dificil de encontrar ele com o selo de homologação.
    A maioria que está vendendo diz que é homologado, mas quando pergunto pelo selo eles dizem que eu vá olhar no site da Anatel e que eu imprima a cópia do selo e do certificado. Mas pelo que sei, isto não é suficiente. O selo precisa ser colocado por quem homologou. Senão é só comprar no Paraguai e ir selando ele em casa. Acho que isso não vai funcionar.
    Alguém tem certeza sobre estes procedimentos?



  11. #11

    Question

    Citação Postado originalmente por 1929 Ver Post
    ...mas pelo que observo, um AP em bridge e uma RB com cartão, também em bridge, não dá muita diferença no número de usuários que aguentam.
    Tenho visto relatos de cartões mini-pci que com 30 usuários começam também a ficar lentos...
    Ola 1929 (a propósito, qual seu nome??? kkkk)

    Vi uma vez o pirigoso falando que ele tinha colocado 180 usuarios (simultaneos? ) em bridge (nanostation), como que fica isso? --> NS5 Do Piri - Página 6 <--Eu achava que em bridge dava pra por beem mais usuarios, visto que o servidor ia dar conta do trabalho... talvez se o pirigoso tiver lendo, ele pode nos dizer como que tá a rede dele...

  12. #12

    Padrão

    Citação Postado originalmente por LeonardoMaciel Ver Post
    Ola 1929 (a propósito, qual seu nome??? kkkk)

    Vi uma vez o pirigoso falando que ele tinha colocado 180 usuarios (simultaneos? ) em bridge (nanostation), como que fica isso? --> NS5 Do Piri - Página 6 <--Eu achava que em bridge dava pra por beem mais usuarios, visto que o servidor ia dar conta do trabalho... talvez se o pirigoso tiver lendo, ele pode nos dizer como que tá a rede dele...
    Mas naquele tópico ele disse que passavam por dia 180 usuários. Eu na época também me impressionei, mas relendo hoje, notei isso, não seriam 180 online, mas durante um período.
    Mas com certeza ela logo tira estas dúvidas para nós.

    Mas mesmo assim, ele aguenta mais que os APzinhos.

    Eu também tenho uma dúvida sobre o processamento.
    Quando em bridge deve cair bastante o processamente e isto deve aumentar a capacidade do rádio. Quem souber explicar melhor, se é assim mesmo.



  13. #13

    Padrão

    Citação Postado originalmente por LeonardoMaciel Ver Post
    Ola 1929 (a propósito, qual seu nome??? kkkk)

    Vi uma vez o pirigoso falando que ele tinha colocado 180 usuarios (simultaneos? ) em bridge (nanostation), como que fica isso? --> NS5 Do Piri - Página 6 <--Eu achava que em bridge dava pra por beem mais usuarios, visto que o servidor ia dar conta do trabalho... talvez se o pirigoso tiver lendo, ele pode nos dizer como que tá a rede dele...

    Gente,


    O pirigoso disse que passa 180 clientes no wbs dele ou seja (ponto a ponto) quantas antenas ele tem pra transmitir e qual a tecnlogia usada ele não disse

  14. #14

    Padrão

    Citação Postado originalmente por multlink Ver Post
    engraçado mikrotik é o bicho, mas os apzinhos ainda deitam e rolam em muitas redes e tem mais, não aguentam 40 online, (hehe demais né =p), uns 15 a 25 o bixo fila lezado, mas segura a peteca, acho que se investissem em uma maneira de modificar o protocolo 802.11b para uma melhor performance e quantidade de clientes com qualidade, creio que ae sim achariam a hora da vez!
    rapaz vc falou um coisa agora q faz sentido d+++, trabalhei mais de 1,5 ano com AP G120 e G220 e outros, e por mais q neguin desconverse isso eles me seguravam 30 clientes sem dar prob, eu os reiniciava uma vez por semana soh para garantir o bom funcionamento mas ate 30 eles rodavam prefeitamente... depois passei tudo pra MK e sinceramente nao notei melhoras absurdas nao, eh logico q tem suas vantagens como gerenciamento, estabilidade, mas na minha opiniao ate que vale o investimento tendo em vista os valores empregados...
    Última edição por braw; 06-05-2009 às 10:29.



  15. #15

    Padrão

    O problema que eu vejo no ring de 6 nanos é a poluição de canais, são seis canais utilizados. Que eles são bons, estáveis, qualidade de sinal muito boa etc eu tenho certeza pois uso eles aqui, só tive um pouco de dificuldade no inicio más depois que ficou redondo eu nem lembro deles mais. Alguém já fez a experiência de colocar os 6 no mesmo canal e mesmo ssid? Se funcionasse assim bem pra mim seria uma solução e não uma alternativa.

  16. #16

    Padrão

    O bom dos NS2 é que ele tem uma opção de Imunidade à ruídos. E uma la chamada Channel Shifting, em uma tradução porca significa:

    Essa opção permite que os canais especiais que têm a freqüência desvio em relação ao padrão 802.11b / g, e 802.11a canais. Esta é uma propriedade Ubiquiti desenvolvidos recurso. Embora 802,11 redes têm padrão canais como Canal 1 (2412MHz), Channel 2 (2417MHz), etc espaçadas a cada 5MHz aparte, o canal irá permitir a transferência não-funcionamento de novos canais 802,11 desvio em relação ao padrão canais. Todos os canais podem ser deslocados de 5 MHz (em 802.11a mode) ou 2 MHz (em modo 802.11b/bg/g), a partir do padrão canal central frequência.



  17. #17

    Padrão

    Citação Postado originalmente por izaufernandes Ver Post
    O problema que eu vejo no ring de 6 nanos é a poluição de canais, são seis canais utilizados. Que eles são bons, estáveis, qualidade de sinal muito boa etc eu tenho certeza pois uso eles aqui, só tive um pouco de dificuldade no inicio más depois que ficou redondo eu nem lembro deles mais. Alguém já fez a experiência de colocar os 6 no mesmo canal e mesmo ssid? Se funcionasse assim bem pra mim seria uma solução e não uma alternativa.

    considerando que o angulo a ser coberto é de 360 graus e que o nano cobre cerca de 60, dá pra utilizar 3 em um canal e três em outro, alternando entre eles

  18. #18

    Padrão

    Citação Postado originalmente por lipeiori Ver Post
    O bom dos NS2 é que ele tem uma opção de Imunidade à ruídos. E uma la chamada Channel Shifting, em uma tradução porca significa:

    Essa opção permite que os canais especiais que têm a freqüência desvio em relação ao padrão 802.11b / g, e 802.11a canais. Esta é uma propriedade Ubiquiti desenvolvidos recurso. Embora 802,11 redes têm padrão canais como Canal 1 (2412MHz), Channel 2 (2417MHz), etc espaçadas a cada 5MHz aparte, o canal irá permitir a transferência não-funcionamento de novos canais 802,11 desvio em relação ao padrão canais. Todos os canais podem ser deslocados de 5 MHz (em 802.11a mode) ou 2 MHz (em modo 802.11b/bg/g), a partir do padrão canal central frequência.
    No caso da legislação brasileira, mexer na canalização, mesmo que só 2 Mhze mantendo dentro da faixa permitida, não poderia complicar?
    E se usar esta opção, vai continuar mantendo compatibilidade com outros radios não Ubiquiti, na rede?