+ Responder ao Tópico



  1. #41

    Padrão

    Cara , trabalho bastante com esse cabo em montagem de tv, esse conector é muito, mas muito ruim de se montar, tem que ter uma paciencia monstro, pois ele tem que ser bem soldado e com soldador forte porque senão o estanho não gruda a agulha no centro do cabo e com tempo da zinabre e isola, solde tambem , em pequena quantidade a parte que vai na externa do cabo para evitar o mesmo problema de isolamento.

  2. #42

    Padrão

    Citação Postado originalmente por FernandodeDeus Ver Post
    Cara , trabalho bastante com esse cabo em montagem de tv, esse conector é muito, mas muito ruim de se montar, tem que ter uma paciencia monstro, pois ele tem que ser bem soldado e com soldador forte porque senão o estanho não gruda a agulha no centro do cabo e com tempo da zinabre e isola, solde tambem , em pequena quantidade a parte que vai na externa do cabo para evitar o mesmo problema de isolamento.
    Cara, vou te falar, QUASE desisti desse cabo e conector pra fazer o primeiro. foi muito difícil.
    Com muito esforço, peguei a "manha" do negócio, mais teve um que foi na força mesmo .....
    Estou usando um ferro-de-solda de 150 Watts.



  3. #43

    Padrão

    Citação Postado originalmente por gzanatta00 Ver Post
    essa latencia somente se for sem trafego, o restante tira de letra!
    Bom, a idéia era de que a latência esperada fosse com o tráfego total.

  4. #44



  5. #45

    Padrão

    Citação Postado originalmente por ccsandrade Ver Post
    Ja fez o estudo topográfico ?
    Estudo TOPOquem?

    Heheheheh, fiz sim. Deu visada em tudo.

  6. #46

    Padrão

    Citação Postado originalmente por armc_2003 Ver Post
    Bom, a idéia era de que a latência esperada fosse com o tráfego total.
    Não se iluda, nesse tráfego é difícil. Nem nos meus gigacom 300/300mv consegui essa proeza.

    Mas o ping é tudo questão de prioridade....

    Abraços



  7. #47

    Padrão

    Citação Postado originalmente por alamdias Ver Post
    Não se iluda, nesse tráfego é difícil. Nem nos meus gigacom 300/300mv consegui essa proeza.

    Mas o ping é tudo questão de prioridade....

    Abraços
    Mesmo rádios PDH como Gigacom e SIAE deveriam conseguir essa latência... mas se não der mesmo, Ceragon (único rádio All-IP que eu tenha conhecimento de ser homologado) faz isso muito fácil.

  8. #48

    Padrão

    Citação Postado originalmente por rubensk Ver Post
    Mesmo rádios PDH como Gigacom e SIAE deveriam conseguir essa latência... mas se não der mesmo, Ceragon (único rádio All-IP que eu tenha conhecimento de ser homologado) faz isso muito fácil.
    A latência não indica muita coisa em um enlace. O ideal é com o equipamento correto de medição e aferição de tráfego, não termos perdas, chock ou colisões no momento de tráfego extremo. Ping é muito superficial.

    Citação Postado originalmente por armc_2003 Ver Post
    Como eu gostaria de ter condições de comprar rádios desse estilo para meu enlace...
    Opa, não são meus, foram vários serviços que fizemos que utilizamos eles, de vários modelos e antenas. Quem me dera !!!!
    Abraços



  9. #49

    Padrão

    Citação Postado originalmente por alamdias Ver Post
    A latência não indica muita coisa em um enlace. O ideal é com o equipamento correto de medição e aferição de tráfego, não termos perdas, chock ou colisões no momento de tráfego extremo. Ping é muito superficial.
    Concordo com vc a respeito do ping, mas se nem o ping funcionar o que presta ... imagina o resto.
    Geralmente começo pelo ping e termino no estresse do link. Mas o primeiro de tudo é o ping, se ele não fuincionou a contento, nem prossigo...

  10. #50

    Padrão

    Citação Postado originalmente por alamdias Ver Post
    A latência não indica muita coisa em um enlace. O ideal é com o equipamento correto de medição e aferição de tráfego, não termos perdas, chock ou colisões no momento de tráfego extremo. Ping é muito superficial.
    Os testes de latência que fiz nos rádios Nera e Ceragon eram com carga zero, com carga máxima e com variações de 10% de carga. Note que a latência não inclui o tempo de serialização dos dados, então ela deve contar do momento que o pacote começa a ser transmitido para o rádio na ponta A ao momento que o pacote começa a aparecer na ponta B.



  11. #51

    Padrão

    Citação Postado originalmente por armc_2003 Ver Post
    Concordo com vc a respeito do ping, mas se nem o ping funcionar o que presta ... imagina o resto.
    Geralmente começo pelo ping e termino no estresse do link. Mas o primeiro de tudo é o ping, se ele não fuincionou a contento, nem prossigo...


    Aí tudo bem, se o ping não funcionar blz.. mas se tem por exemplo.. 45.000 pacotes indo, e 44.000 voltando em extremo tráfego, tem algo errado, independente do rádio, não pode ter packet loss e parentes. Aí é outro assunto.

    Podem me chamar de chato, enjoado e cricri, como já ouvi de vários suportes, mas PACKET LOSS não poooooooode !.
    Abraços !


    Citação Postado originalmente por rubensk Ver Post
    Os testes de latência que fiz nos rádios Nera e Ceragon eram com carga zero, com carga máxima e com variações de 10% de carga. Note que a latência não inclui o tempo de serialização dos dados, então ela deve contar do momento que o pacote começa a ser transmitido para o rádio na ponta A ao momento que o pacote começa a aparecer na ponta B.
    Opa, blz !

    Quanto aos ceragon, não importa para este tipo de rádio se estamos falando de tráfego serializado, randômico, constante ou em rajadas. Por exemplo, em um enlace com o RFU-HP, um 1500HP, eu acho, faz tempo, quando rásgavamos o pau no bicho, tinhamos packet loss, no mesmo enlace, usando SAF ou GigaCom, a latência subia, mas sem PL. Isso é o que importa.

    Imagina a cena, o cliente contrata um link com um jumento desses, estoura o link, era pra ficar lento, mas perder pacote, se for banco de dados, replicação, Voip etc.. tá morto, não serve.

    Não to falando mal, mas pra gente aqui não serviu.

    Só citando, os MiniLink são massa, pode pocar o bixo, que não rola packet loss.

    Lembrando que esses testes, na maioria das vezes, foram feitos utilizando T-BERD 4000 ou similar, stress total no circuito !!!

    Abraços e vamo que vamo, pq o tópico ficou interessante.
    Última edição por alamdias; 11-01-2010 às 21:32. Razão: ortog.

  12. #52

    Padrão

    Depois de muito sofrer, percebi que havia uma opção de conf. na RB que fazia o enlace não funcionar: na aba Wireless tem a opção "compression", só descobri que ela ACABAVA com o enlace meses depois e com muito sofrimento.
    Agora os enlaces estão começando a dar resultados realmente satisfatórios.
    Depois posto maiores informações, mas já consegui em 25KM 66Mbps de up e 66Mbps de down, mas com pouca estabilidade em 40MHz .....



  13. #53

    Padrão

    Como são os rádios que vc está usando, 2 XR5 com nstreme-dual ?

  14. #54

    Padrão

    Citação Postado originalmente por rubensk Ver Post
    Como são os rádios que vc está usando, 2 XR5 com nstreme-dual ?
    Estou usando RB600 + 2 XR5 e estou tentando usar MPLS e deixar o WDS para o passado.
    Ainda não consegui implantar o MPLS, mas estou tentando.

    Consegui banda passante no enlace mais longo (63KM) de 28 Mbps em cada cartão, mas ainda nem terminei de alinha corretamente.

    Mesmo com tráfego no máximo os pings ficam estáveis em média 120ms por horas a fio.

    Estou utilizando NSTREME, mas não DUAL, pois pretendo fazer o MPLS passando up por um cartão e DOWN por outro.



  15. #55

    Padrão

    Citação Postado originalmente por armc_2003 Ver Post
    Estou usando RB600 + 2 XR5 e estou tentando usar MPLS e deixar o WDS para o passado.
    Ainda não consegui implantar o MPLS, mas estou tentando.

    Consegui banda passante no enlace mais longo (63KM) de 28 Mbps em cada cartão, mas ainda nem terminei de alinha corretamente.

    Mesmo com tráfego no máximo os pings ficam estáveis em média 120ms por horas a fio.

    Estou utilizando NSTREME, mas não DUAL, pois pretendo fazer o MPLS passando up por um cartão e DOWN por outro.
    120 ms não me parece um bom patamar...

  16. #56

    Padrão

    Citação Postado originalmente por rubensk Ver Post
    120 ms não me parece um bom patamar...
    Mas com 28 Mbps trafegando?
    Se for sem tráfego, dá 1 a 3 ms cravados!

    E não adianta se "esconder" que eu sei que você é autoridade em MPLS!!! (brincadeira)



  17. #57

    Padrão

    Citação Postado originalmente por armc_2003 Ver Post
    Mas com 28 Mbps trafegando?
    Se for sem tráfego, dá 1 a 3 ms cravados!

    E não adianta se "esconder" que eu sei que você é autoridade em MPLS!!! (brincadeira)
    Latência quando o link está saturado é alta mesmo, o importante é medir com tráfego mas não no nível de saturação, com o tráfego esperado para o pico da operação.

    Eu não costumo olhar muito aqui a UL, só de vez em quando...

  18. #58

    Padrão

    Citação Postado originalmente por rubensk Ver Post
    Latência quando o link está saturado é alta mesmo, o importante é medir com tráfego mas não no nível de saturação, com o tráfego esperado para o pico da operação.

    Eu não costumo olhar muito aqui a UL, só de vez em quando...
    De inicio vai passar 10 Mbps nesse enlace e pretendo fazer um upgrade rapidamente, no máximo 1 ano, pra mim seria interessante que ele suportasse pelo menos 20 Mbps full, a partir daí acredito que consigo comprar equipamentos que consigam passar mais tráfego....



  19. #59

    Padrão Re: PTP de 140 KM - O Inicio

    Bom dia armc_2003

    Qual o modelo desta antena vc usou e qual MK? no site :: IDEAL - Antenas Profissionais :: não achei dual polarização.
    Att...

  20. #60

    Padrão Re: PTP de 140 KM - O Inicio

    Você tem que entrar em contato com eles, são vários produtos que não estão listados no site.