+ Responder ao Tópico



  1. Citação Postado originalmente por uesleycorrea Ver Post
    Como você está fazendo a distribuição?
    ipv6 -> pools coloca um pool /63 com prefix Length /64. Lá no profile do pppoe depois do pool de pv4 é o lugar onde coloca o pool de ipv6. O problema é que todo cliente vai receber um /64, independente de quantas maquinas ele tem.
    E você queria me cobrar para fazer isso...

  2. Estamos no fórum para ajudar a quem precisa, e tem tempo para ser ajudado. Consultoria paga é para quem está apertado e precisa das coisas para ontem, o que pelo visto não é o seu caso. E uma coisa você tem que ser franco: quem mais te ajudou nesse tópico fui eu e não te cobrei um centavo por isso, por que estou no fórum para ajudar a todos que precisam ser ajudados e eu possa ajudá-los.
    Agora voltando ao tópico em questão... ao criar o túnnel PPPoE, o controle de banda é feito pelo túnnel e não por classe/endereço de IP. O que você pode fazer pra testar seu controle de banda é rodar um btest para o IPv6 do seu concentrador e verificar que realmente está fazendo o controle conforme indicado nas suas queues. Quanto ao /64, é a forma certa da configuração, para que a auto configuração stateless funcione corretamente e você não tenha problemas com seus clientes não navegarem ou não resolverem nomes.

    Se ajudei, estrelinha pra mim!



  3. Citação Postado originalmente por uesleycorrea Ver Post
    Estamos no fórum para ajudar a quem precisa, e tem tempo para ser ajudado. Consultoria paga é para quem está apertado e precisa das coisas para ontem, o que pelo visto não é o seu caso.
    Eu estava precisando rápido, mas como as coisas desandaram criei uma solução para me dar tempo e pude ver que não era tão complicado o que eu precisava. Mas o fato a que fiz referencia foi que você me ofereceu uma solução que ainda não conhecia.

    Citação Postado originalmente por uesleycorrea Ver Post
    E uma coisa você tem que ser franco: quem mais te ajudou nesse tópico fui eu e não te cobrei um centavo por isso, por que estou no fórum para ajudar a todos que precisam ser ajudados e eu possa ajudá-los.
    Realmente comecei com o que li aqui, mas o que realmente funcionou foi bem mais simples.

    Citação Postado originalmente por uesleycorrea Ver Post
    Agora voltando ao tópico em questão... ao criar o túnnel PPPoE, o controle de banda é feito pelo túnnel e não por classe/endereço de IP.
    OK
    Citação Postado originalmente por uesleycorrea Ver Post
    O que você pode fazer pra testar seu controle de banda é rodar um btest para o IPv6 do seu concentrador e verificar que realmente está fazendo o controle conforme indicado nas suas queues.
    Lembrei de um programa que baixei para testar links do tipo do Tfgen. Qual programa pra rodar no windows 7 seria melhor para esse teste?
    Citação Postado originalmente por uesleycorrea Ver Post
    Quanto ao /64, é a forma certa da configuração, para que a auto configuração stateless funcione corretamente e você não tenha problemas com seus clientes não navegarem ou não resolverem nomes.

    Se ajudei, estrelinha pra mim!
    Antes de colocar o /64 no pppoe fiz testes entregando ele pelo mk e o note não recebia os dns, colocando o dns manualmente navegava. Pelo pppoe recebi o dns e gateway corretamente.
    Pelo pppoe estava tendo que ativar proxy-arp, não gosto disso. Como faz para navegar ipv4+v6 sem proxy-arp? Os ips já estão roteados via BGP.

  4. Quanto ao software, creio que se usar o iperf pode te dar um bom resultado. Agora já na questão dos prefixos, não é necessário ativar o proxy-arp. Se você estiver com todos os roteamentos perfeitos, o MK entregará ao usuário um prefixo /64 e o router do usuário fará a entrega dos ip's pra dentro, com DNS e Gateway. E ainda por cima, vai fazer o NAT do v4 sem problemas.

    Gosto de ver gente assim como você que busca conhecimento e não se acomoda no que tange a aprender!

    Se ajudei, estrelinha pra mim!



  5. Citação Postado originalmente por uesleycorrea Ver Post
    Quanto ao software, creio que se usar o iperf pode te dar um bom resultado. Agora já na questão dos prefixos, não é necessário ativar o proxy-arp. Se você estiver com todos os roteamentos perfeitos, o MK entregará ao usuário um prefixo /64 e o router do usuário fará a entrega dos ip's pra dentro, com DNS e Gateway. E ainda por cima, vai fazer o NAT do v4 sem problemas.

    Gosto de ver gente assim como você que busca conhecimento e não se acomoda no que tange a aprender!

    Se ajudei, estrelinha pra mim!
    ontem fiquei 12h mexendo com isso, antes do ipv4 funcionar só estava funcionando o ipv6 quando ativava proxy-arp, depois que deu certo o ipv4 não testei desabilitar o proxy-arp. Depois vou testar e ver se tanto ipv4 quanto ipv6 vão funcionar sem o benetito proxy-arp.

    Citação Postado originalmente por uesleycorrea Ver Post
    Se você estiver com todos os roteamentos perfeitos, o MK entregará ao usuário um prefixo /64 e o router do usuário fará a entrega dos ip's pra dentro, com DNS e Gateway. E ainda por cima, vai fazer o NAT do v4 sem problemas.
    Teoricamente o Bgp assumiria esse papel e eu não teria que colocar rotas estáticas, vamos ver agora que o ipv4 já está rodando bem se o ipv6 roda também.






Tópicos Similares

  1. Controle de banda no pppoe como fazer?
    Por extremenet no fórum Redes
    Respostas: 14
    Último Post: 03-12-2010, 13:33
  2. Respostas: 0
    Último Post: 31-07-2008, 16:18
  3. controle de banda no pppoe
    Por diegovilela01 no fórum Redes
    Respostas: 1
    Último Post: 25-08-2007, 10:22
  4. duvidas squid/2 link em 1 servidor/Controle de banda
    Por virtual no fórum Servidores de Rede
    Respostas: 2
    Último Post: 06-02-2004, 00:07
  5. Controle de Banda no RH7.1
    Por no fórum Servidores de Rede
    Respostas: 0
    Último Post: 08-09-2003, 21:35

Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L