Página 3 de 9 PrimeiroPrimeiro 12345678 ... ÚltimoÚltimo
+ Responder ao Tópico



  1. Nao estou sabendo disso, para min, isso cheira a materia distorcida de jornal.
    Mas da sim para entregar 1mb a R$ 35,00
    vai depender de alguns fatores, tais como: preco do link, impostos, etc...

    PS: ja houve o primeiro contrato entre o pnbl e um provedor.

    Citação Postado originalmente por alexebrom Ver Post
    O ministro Paulo Bernardo (Comunicações) lança hoje o PNBL (Plano Nacional de Banda Larga). Quatro concessionárias (Oi, Telefônica, CTBC e Sercomtel) já aderiram ao programa federal e começarão a fazer ofertas comerciais dentro de um mês.

    A velocidade de conexão ofertada deverá ser 1 Mbps (megabit por segundo). O preço será R$ 29,80 nos Estados que concederem isenção de ICMS e R$ 35 onde não houver a isenção.

    Os acertos finais ocorreram no Planalto. A presidente Dilma Rousseff concordou com os pontos apresentados pelo ministro, mas insistiu em que deveria haver "mecanismos de controle" da qualidade do serviço.

    Bernardo disse à presidente que a Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações) já estava preparando regras para apertar o cerco às teles, principalmente.

    Dilma exige que a velocidade de 1 Mbps seja real e não nominal. Hoje as teles se comprometem a entregar no mínimo 10% da velocidade contratada.

    Chamado às pressas ao Planalto, o presidente da Anatel, Ronaldo Sardenberg, teve de se comprometer com Dilma de que as teles vão entregar bem mais do que 10%.

    Ele disse que até outubro deste ano estará em vigor um novo regulamento de qualidade dos serviços que também contemplará a internet.

    NOVAS METAS

    Até o fechamento desta edição, as quatro concessionárias ainda estavam reunidas com o ministro definindo os últimos detalhes do PNBL.

    Mas a Folha apurou que, até 2014, elas terão de levar acessos fixos ou móveis a 70% dos municípios brasileiros -hoje, somente 27%.

    Operadoras fixas que possuem operadoras móveis (Oi e Telefônica) poderão vender conexões de 1 Mbps pela rede móvel nos locais onde não têm infraestrutura fixa.

    Operadoras móveis como Claro e TIM estão negociando com o governo. Ainda segundo a Folha apurou, a TIM está perto de fechar um acordo.

    Em um primeiro momento, as teles que aderirem ao PNBL poderão vender pacotes combinados de telefonia e internet. Contudo, a isenção de imposto só poderá incidir sobre a banda larga.

    A Oi venderá o combo (telefone e internet) cobrando R$ 35 pela internet (sem isenção) ou R$ 29,80 (com isenção) mais R$ 30 (sem isenção) para também entregar telefone fixo.

    As operadoras estarão livres para ofertar também TV paga assim que a Anatel liberar definitivamente as licenças de TV a cabo.

    Nos locais onde as operadoras não levarem acessos de internet ao consumidor, elas serão obrigadas a alugar a capacidade de suas centrais para terceiros, principalmente pequenos provedores, a preços de referência.

  2. Acabei de ver no jornal da Band que o governo cedeu a pressão e as operadoras vão entregar link sem garantia uai.
    Alguém tá errado '-'. Desejo ser eu.



  3. Agora me diz uma coisa...

    E pequenos provedores como o meu que paga R$3000,00 por 6mb da unitelco???

    Dane-se a garantia, todos os speedys que usei até hoje bateram a velocidade vendida.

    Sinceramente eu gostaria muito de vender 15mb por 79,90 como a GVT, agora me diz qual o rádio que suporte pelo menos 10 simultâneos a essa velocidade?

    Sei lá, o governo só incentiva as grandes teles...

  4. Se você pagar o link bem caro como vários daqui do forum, a lucro líq vai cair bastante.
    Mas sejamos francos também.
    Tem provedor ai que não merecia sequer estar operando de tão VAGABUNDO que é o serviço.

    Citação Postado originalmente por osmano807 Ver Post
    No artigo não fala o preço do link para os provedore, então certamente não será esse valor de R$510,00.
    Agora, continuando com minha linha de pensamento de desde outros tópicos, o que vender 1Mbps à R$35,00 tem de ruim?



  5. Pelo que andei lendo no regulamento a Telebras a cada 1 mbps contratado o provedor tem que ter somente 5 clientes cadastrados no proprio site da Telebras, vamos calcular 5 * 35,00 = R$ 175,00 e em média para quem contrata poucos Mbps sairá R$ 200,00 cada Mbps, onde está lucro nisso, restando apenas para as grandes operadoras que são capaz de contratar Gbits de banda, ficando assim bem baratinho o preço....






Tópicos Similares

  1. PNBL - Plano Nacional de Banda Larga
    Por izaufernandes no fórum Assuntos não relacionados
    Respostas: 42
    Último Post: 05-07-2011, 08:58
  2. Aferição da qualidade de banda-larga no Brasil
    Por rubensk no fórum Assuntos não relacionados
    Respostas: 2
    Último Post: 10-01-2010, 20:39
  3. Respostas: 3
    Último Post: 31-10-2009, 11:20
  4. Banda larga é uma piada
    Por balisteri no fórum Assuntos não relacionados
    Respostas: 6
    Último Post: 06-07-2009, 00:08
  5. Banda Larga da Claro
    Por 1929 no fórum Redes
    Respostas: 17
    Último Post: 04-12-2007, 17:10

Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L