Página 2 de 11 PrimeiroPrimeiro 1234567 ... ÚltimoÚltimo
+ Responder ao Tópico



  1. Marcus,

    Entendi agora obrigado pelos esclarecimentos, mas acho que então apagamos o blog pois eu não me familiarizei com seu uso, até fiz uns artigos um tanto longos pro fórum e sofri com a limitação de 10mil caracteres. Na minha opinião os tópicos dos fóruns o pessoal ta acostumado assim como eu (penso que sim), e as perguntas aqui recebem a colaboração de todos.



    Paulo,

    Farei modificações para conter o exemplo, obrigado pela colaboração.

    Abraço

  2. Bom vamos deixar ambos entao...... Obrigado pela colaboração,



  3. No meu caso, eu tenho um /25 valido (127 ips validos)
    Uso o Hotspot para enviar os IPs validos que tenho.

    Uso o conceito do NAT 1:1, Onde cada cliente recebe um IP privado e somente apos a autenticacao o Hotspot atribuira a ele um IP valido.

    Hum, o PPOE tem algo parececido, por que nao usar o PPOE???
    Simplesmente por que um Usuario PPOE que nao estiver navegando, usando a Internet... mas estiver com seu equipamento ligado, estara consumindo 1 (UM) IP valido.

    Ja com o Hotspot, apesar de nao ter muita seguranca nativa (sendo necessario usar outras tecnicas para aumentar a seguranca), podemos configurar tempo do "idle" e o "keeplive", onde o Hotspot ira desconectar o usuario apos certo tempo se ele nao estiver usando a internet ou estiver com o computador desligado... sendo assim, ira liberar aquele IP Valido que ele estava usando.

    Dessa forma, consigo enviar IP valido para a maioria dos clientes ONLINE (90%) ... mas acabo fazendo NAT de alguns IPs

  4. Paulo,

    Atualizei o post dá uma lida se ficou como esperado e se quiser pode sugerir como seria para melhor entendimento para todos que eu mudo.

    Abraço



  5. Citação Postado originalmente por mascaraapj Ver Post
    No meu caso, eu tenho um /25 valido (127 ips validos)
    Uso o Hotspot para enviar os IPs validos que tenho.

    Uso o conceito do NAT 1:1, Onde cada cliente recebe um IP privado e somente apos a autenticacao o Hotspot atribuira a ele um IP valido.

    Hum, o PPOE tem algo parececido, por que nao usar o PPOE???
    Simplesmente por que um Usuario PPOE que nao estiver navegando, usando a Internet... mas estiver com seu equipamento ligado, estara consumindo 1 (UM) IP valido.

    Ja com o Hotspot, apesar de nao ter muita seguranca nativa (sendo necessario usar outras tecnicas para aumentar a seguranca), podemos configurar tempo do "idle" e o "keeplive", onde o Hotspot ira desconectar o usuario apos certo tempo se ele nao estiver usando a internet ou estiver com o computador desligado... sendo assim, ira liberar aquele IP Valido que ele estava usando.

    Dessa forma, consigo enviar IP valido para a maioria dos clientes ONLINE (90%) ... mas acabo fazendo NAT de alguns IPs
    . NAT 1:1 consome recursos preciosos na minha opinião de gerenciamente e até de hardware, eu não recomendo, é apenas para excessões a regra.

    . É um erro acreditar que um usuário não conectado estaria ocupando um IP pelo PPPoE, este e outros mitos quero colocar abaixo e tentarei fazer quando possível aqui pelo fórum. Basta utilizar o roteamento dinâmico como complementei no tópico você terá um IP em uso no cliente em qualquer ponto da sua rede independente em que canto da rede o cliente conecte de forma segura, automática e muito mais 'elegante'.

    Pode ser IP fixo amarrado ao cliente ou dinâmico, quem define isso é o seu radius, e quem limita isso normalmente são os softwares para gerenciamento de provedores com recursos mal implementados me desculpem a franqueza, mas a maioria absoluta esta na idade da pedra.

    Eu acredito que com um pouco de empenho poderiam auxiliar os provedores a economizar e fornecer melhor acesso a 98% dos usuários, mas a maioria só pensa na mensalidade a receber, nos outros 29 dias do mês o provedor que ser vire por conta própria.

    A maioria não quer dizer todos então quem tiver algo diferente ta liberado do puxão de orelha.

    . HOTSPOT / PPPOE e o mito da segurança, não faço distinção entre mais ou menos seguro, a forma de implantação e manutenção é que define o que é ou não mais seguro.

    Quem não tiver IP público pra todos os usuários pode derramar os usuários restantes quando a pool de IPs públicos estiver cheia em uma pool de IPs privados e mascarados por um IP Público diferente do servidor, isso seria o mais correto na minha opinião.


    Obrigado mascaraapj por ter aberto a discusão e expor seus fatos, isso possíbilita como pode ver uma ampliação do conhecimento geral.

    Seguimos derrubando mitos...






Tópicos Similares

  1. Repasse de IP valido para cliente PPPoE de outra RB na rede
    Por ricardomonteiroSL no fórum Redes
    Respostas: 12
    Último Post: 11-08-2014, 22:00
  2. Respostas: 7
    Último Post: 19-10-2012, 09:13
  3. Respostas: 5
    Último Post: 08-02-2012, 11:03
  4. Respostas: 7
    Último Post: 18-03-2008, 10:02
  5. Respostas: 3
    Último Post: 16-02-2008, 10:50

Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L