Página 4 de 4 PrimeiroPrimeiro 1234
+ Responder ao Tópico



  1. Entendi 1929,

    O problema é que muitos não sabem o que falam. Já ouvi muitas pérolas nesse mercado de licenciamento SCM. Inclusive donos de serviços de acesso à internet dizerem que não estão "nem aí" para a Anatel ou fiscalização. Outros tem "azar": um dia chega fiscalização e até polícia... Quando se dão conta estão pagando multa e respondendo processo.

    Bem, cada um é livre: faça o que quiser, ouça o que quer ouvir e a vida segue.

    Citação Postado originalmente por 1929 Ver Post
    E o pior de tudo isso Marcelo, é que ouvi a mesma coisa de fiscal.
    Depois de me fiscalizarem, indaguei sobre os clandestinos e parcerias. Achei que eles iriam na hora que eu passasse os endereços.
    Daí um deles me disse que se eu juntasse provas de que havia cobrança eles iriam lá. Que não adiantaria eles irem naquela ocasião porque se o sujeito dissesse que não cobrava nada, eles também não poderiam fazer nada.
    Achei tudo muito estranho. Mas como eu já passado pela fiscalização e estavam satisfeitos não era eu que iria contrariá-los.

    Além de achar estranho, tenho certeza que não é isso que a legislação diz.

  2. Acho que não é vago não netfastbg. E a preocupação do Demattos é a mesma minha. Para onde estamos caminhando...

    Apesar de eu não ter nada escrito pelos fiscais que estiveram aqui, eu ouvi exatemente isso da boca deles. E fiquei surpreso e mentalmente indignado.
    Vai contra tudo aquilo que já lemos na legislação.

    Você nunca encontrará nada disso de gratuidade por escrito, pelo menos enquanto não houver alterações no regulamento. Esperar para ver.

    Só estou ratificando aquilo que o autor do tópico perguntou. No caso da citação dele pode ser até vago, mas no meu caso eu falei de "frente com os home".

    No entanto não vou praticar o que eles disseram, pois para mim também vale o que está escrito. Mas é preocupante este tipo de posicionamento. Fiscais e atendentes afinando o seu discurso no sentido de fazerem pouco caso quando for alegado gratuidade?

    É mole?



  3. Olá pessoal,

    Conforme alguns colegas falaram tal como o Marcelo Goias, a modalidade de entregar acessos a clientes mesmo sem cobrança deve haver autorização da Anatel.

    Já para uma rede privada em uso exclusivo da empresa, caso que estou analisando pois preciso montar uma rede dedicada a uma empresa, até o momento pela compreensão não precisa de licença, sendo especifico para uso exclusivo a empresa, modelo matriz-filial, conforme especificado na Resolução nº 506, Capitulo II, item II.

    Mas como ja dito, estou analisando ainda esta e outras resolução pois uma contradis a outra.

    O ideal seria a leitura na integra no site da Anatel (Portal Anatel) > Informações Técnicas > Comunicação Multimidia > Dúvidas Frequentes, aqui leia todas os anexos (link) que são as resoluções.


    Anderson






Tópicos Similares

  1. Pequenos provedores de Internet poderão funcionar sem licença - Teletime
    Por GilsonBarbosa no fórum Assuntos não relacionados
    Respostas: 24
    Último Post: 24-06-2017, 18:34
  2. Internet sem licença dá cadeia?
    Por lucianogf no fórum Assuntos não relacionados
    Respostas: 7
    Último Post: 14-07-2008, 00:41
  3. Seria possível com Amanda ou Backula?
    Por rovilso no fórum Servidores de Rede
    Respostas: 1
    Último Post: 06-05-2005, 08:26
  4. Internet só funciona quando para o iptables
    Por Bruno Antelo no fórum Servidores de Rede
    Respostas: 3
    Último Post: 03-02-2005, 22:32
  5. Respostas: 4
    Último Post: 21-08-2003, 17:50

Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L