+ Responder ao Tópico



  1. Super, a comparação dos 3W na torre não é exatamente a questão.
    Pois estes 3W não estarão concentrados na mesma antena.

    Mas concordo contigo.. Mais atrás no tópico o Alexandre já reportou a respeito de que é produzido para aplicações específicas.

    Quanto a potencia das bases de celulares, realmente trabalham com potencias bem mais altas. Mas o comportamento não é muito diferente. Por ex. tem operadoras em 1800/1900 mhz. é perto do 2.4. O comportamento da irradiação é praticamente o mesmo.

    Ribeiro, já o forno de micro ondas, o magnetrom instalado nele produz muito mais que 10W ou que uma base de celular.
    Não sei qual a potencia mas, é muito grande.

    Agora, para não perder a oportunidade, este exemplo do Super sobre 3W na soma dos painéis me faz lembrar da resolução da Anatel que diz que a estação não pode ter uma potencia EIRP maior que 4W.
    Estes 4W é por estação somando todos os painéis ou é por cartão ou rádio?

  2. opa sobre o forno se não me engano um forno micro ondas produs mais de 800w me corrijão se estiver errado..



  3. lembro de ter visto um microondas com mais de 1200w de potencia, e em 2.4 realmente, mas o que lembro é que ja li reportagens dizend que a radiação dispersa por torres de celular é quase a metade da dispersa por um microondas, o problema é que o microondas é blindado, ou seja, a radiação vai ficar somente dentro da gaiola de faraday (OU CAIXA DO FORNO), ja na torre de celular ela é espalhada ao redor de si, conforme a altura da torre a radiação ja chega fraca aos visinhos, e como é uma frequencia menor nao é tao prejudicial a saude quanto 2.4, agora, imagina comparar 900mhz/1800 10w a 50m de altura com 2.4ghz com 10w a menos de 30m, pois quem usa uma merda dessa numa omni muito provavelmente nao tem uma torre de respeito, a longo prazo acredito ser cancerigeno ficar exposto a este tipo de radiação eletromagnetica, conclusao, os visinhos e o proprio gatonet que ta fudido......

    agora, em casos isolados com antenas drecionais, ptp, ou em cliente bem instalado, acredito que nao tem problemas, já que a irradiação sera concentrada em uma direção, e nao em todas ou qualquer lado.....

  4. Citação Postado originalmente por Super Ver Post
    Acho que os nobres amigos estão equivocados, vejamos, se vc usa 6 paineis setoriais
    em uma torre e cada um transmite 500mw então estaremos irradiando uma potencia de
    3.000mw (3W) me reponda agora, quantos passarinhos vc´s ja pegaram fritos perto de
    uma antena sua?

    Tudo bem, 3W não é 10W mas já chegamos lá, por acaso vc´s sabem quantos Wats
    irradia uma base de celular? como vc´s acham que eles conseguem atravessar paredes
    de concreto, metais, arvores e demais obstaculos?

    ah! vamos a um caso mais conhecido, lembram do PT550? aqueles primeiros celulares da
    Motorola, pois é, esses danadinhos irradiavam incriveis 4.000mw ! já cheguei a acender
    uma lampada de 6V/5W com uma bobina e aprixiamando ela da antena a lampada ficava
    meia acesa, isso quando programava ele para transmissão continua em modo teste.

    O que ocorre na verdade é o lugar onde usar estes aparelhos, vc pode usar ele com uma
    antena grade na residencia de um cliente que está escondido atras de morros ou outros
    obstaculos, isso é um caso bem comum.

    Não devemos se assustar com 10Wats, pois 100mw quando não usados
    corretamente podem ser mais perigoso do que 10.000mw aplicados da maneira correta.

    muito bem colocada a sua afirmação, porem tem gente aqui falando sobre cancerigeno, pessoal, esse negocio de poder dar ou não cancer, depende muito da forma de que o equipamento foi feito e utilizado, já vi casos de 500W ( 500.000mw) de potência na transmissão de sinal não dá cancer nem matar passadinhos nenhum ( claro não era em 2.4Ghz nem se trafegava dados) porem eu creio que esse negocio não seja cancerigeno, porem se este esquema não seja se não bem instalado ou seja equipamentos de baixa qualidade/feito por pessoas e não empresas especializadas, podem dar uma interferencia até na nasa, e talvez possa transmitir alguma doença a longo praso....

    conclusão minha:
    é que nem o colega "super" colocou, pode se ter algo com potência de 500w e não dar nada e algo com 1w e dar tudo, depende de varios fatores dentre elas a fabricação dos equipamentos envolvidos.



  5. o problema principal é a frequencia, 2.4ghz, esta frequencia que é prejudicial, pois ela em altas potencias agita as molecular de água, e nosso organismo é feito do que? agua!!!! entao, tudo depende do fatorpotencia e distancia, o magnetron do microondas fica o que? uns 30cm no maximo do aliento a ser cozido? mas sei que um tecnico me falu uma vez que até alguns metros pode causar problemas, e outra, até onde sei frequencias mais baixas nao causam tanto males aos organismos vivos, os radios das viaturas nossas aki (bombeiros) se nao me engano a potencia de saida é de 45w, mas nao de potencia continua, so transmite quando estamos fando, alguns segundos apenas.....

    como falado, difere de diversos fatores, dentre eles a frequencia, no caso 2.4ghz






Tópicos Similares

  1. Respostas: 40
    Último Post: 19-03-2012, 06:26
  2. 2 Ap-2000 reiciniando de 10 em 10 minutos
    Por danillovidal no fórum Redes
    Respostas: 8
    Último Post: 07-11-2007, 07:17
  3. Duvida 802.11b (250 mW) ou 802.11g (100 mW).
    Por joliviere no fórum Redes
    Respostas: 6
    Último Post: 09-02-2007, 17:36
  4. Postgree do Slackware 10 no 10.1
    Por rafaelpazcolles no fórum Servidores de Rede
    Respostas: 1
    Último Post: 02-05-2005, 18:16
  5. Kernel 2.6.10+ slackware 10.1= nada de devices
    Por nozey no fórum Servidores de Rede
    Respostas: 11
    Último Post: 11-03-2005, 18:38

Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L