+ Responder ao Tópico



  1. #1

    Padrão Alimentar a torre com aero-gerador.

    Galera, preciso de ajuda.

    Ainda dando uma olhada em alguns aero-geradores para alimentar uma torre minha contendo:

    04 rockets m5
    01 nanobrigde
    01 RB750G

    E vi o modelo de 12V e 48V, porém, enquanto um custa R$ 2.000 (12v) o outro custa R$ 4.000.

    Na descrição dos dois, diz que ele converte a energia para 220v. Porque então preciso de um de 48v?

    Podem me ajuda a esclarecer isto por favor? Muito obrigado!

    https://www.energiapura.com/content/...breeze-telecom

  2. #2
    Avatar de AltoValeNet
    Ingresso
    Oct 2009
    Localização
    Agrolândia, Brazil
    Posts
    471
    Posts de Blog
    1

    Padrão Re: Alimentar a torre com aero-gerador.

    amigo, comprei esse aki e estou contente, abraços
    Flytec Computers



  3. #3

    Padrão Re: Alimentar a torre com aero-gerador.

    Mas ele e 12 ou 24v? Como vc fez toda a ligação?

  4. #4

    Padrão Re: Alimentar a torre com aero-gerador.

    Isso é só a turbina, ainda precisa acrescentar controlador de carga (Regular a corrente de carga, monitorar tensão da bateria, etc), acrescentar bateria, e acrescentar um controlador de consumo (Bons controladores de carga já tem esse feature, a função é evitar que a bateria seja descarregada até zerar).

    A tensão informada é a tensão do enrolamnento da turbina, se você optar por uma de 24V terá entre 27 e 30V, perfeito para carregar 2 baterias automotivas em serie, e com essas baterias carregadas você pode alimentar equipamento MK ou UBNT diretamente, ou usar conversores DC-DC para ter qualquer tensão DC que desejar (Não há mesmo nenhuma necessidade de converter pra AC, só há desperdício nisso).

    Rocket M5 roda tranquilo com 21-28V (Que seria a tensão num par de baterias automotivas), RB750 idem, já o Nanobridge tem versão 24V e versão 5V, se você tem a versão 5V precisaria conversor DC-DC ou um regulador (LM7805, por exemplo) pra 5V, mas se for a versão 24V poderá ligar direto num par de baterias.
    (Sugiro estacionárias tipo:
    Baterias Estacion )

    Os modelos de turbinas de 48V existem porque aumentando a tensão e mantendo a bitola do fio se obtem mais potencia da turbina (Mesma corrente, com maior tensão), se você precisar potencia mais alta terá que usar turbinas de tensão maior, pois se aumentar apenas a potencia e manter a tensão o enrolamento da turbina aumenta, logo seu tamanho e peso também, o preço sobe e a estrutura tem que mudar, ou seja, melhor (Pro fabricante) só aumentar a tensão mesmo. Pra esse seu equipamento tem equipamento 24V bem mais em conta.

    (Eu sugiro NÃO comprar na Flytec se não for fazer a importação formal, por questão de concorrência desleal com os fabricantes nacionais, gatonet está para os provedores como o paraguai está para os distribuidores nacionais...)



  5. #5

    Padrão Re: Alimentar a torre com aero-gerador.

    o AirBreeze gera em 12v .. ele ja possui controlador de carga interno, basta conecta-lo ao banco de baterias !!

  6. #6
    ZOOM NET TELECOM LTDA Avatar de OSNIR
    Ingresso
    Feb 2011
    Localização
    PARIPIRANGA - BAHIA
    Posts
    353
    Posts de Blog
    1

    Padrão Re: Alimentar a torre com aero-gerador.

    Entre gerador eolico e placas solar, prefiro as placas.... não sofrem desgaste, duram uma eternidade, menos ruido na linha de alimentação e menos oscilação... além de tudo sai mais barato.



  7. #7

    Padrão Re: Alimentar a torre com aero-gerador.

    a questão não é preferir.. a questão é rendimento

    um aero gerador gera energia durante um periodo muitooooo maior do que o solar !!

    o ideal é sistema hibrido (solar + eolico).... minha salvação aqui foi um aero-gerador ... (solar não conseguia manter o sistema sozinho)... e olha que são dois paineis de 135w !!

  8. #8
    ZOOM NET TELECOM LTDA Avatar de OSNIR
    Ingresso
    Feb 2011
    Localização
    PARIPIRANGA - BAHIA
    Posts
    353
    Posts de Blog
    1

    Padrão Re: Alimentar a torre com aero-gerador.

    Alexandre correa vc disse tudo... não é questão de preferir, então o amigo que precisa do sistema tem que explicar quanto de consumo vai precisar, pois 2 paineis de 135w com duas baterias estacionarias de 65a duram em média 2 dias alimentando 3 rbs 433 com cartões r52h se desligar os paineis, como teremos sol durante pelo menos 12 a 13 horas por dia isso significa que nunca irá precisar recorrer a outra forma de gerador... se precisar de mais corrente coloca mais um painel solar, mais 2 paineis... eu prefiro painéis solar, esta é minha opnião.

    Leve em consideração que as turbinas são mecanicas, com peças móveis e que vão sobrer maior desgaste ao longo do tempo.



  9. #9

    Padrão Re: Alimentar a torre com aero-gerador.

    insolação dura no maximo 6 horas..

  10. #10
    ZOOM NET TELECOM LTDA Avatar de OSNIR
    Ingresso
    Feb 2011
    Localização
    PARIPIRANGA - BAHIA
    Posts
    353
    Posts de Blog
    1

    Padrão Re: Alimentar a torre com aero-gerador.

    Bom, estou no nordeste, temos sol das 5:30 até as 17:30 em média... não sei em sua região, mesmo assim 2 painéis são suficientes para alimentar este sistema mencionado e carregar as baterias com folga. inclusive tenho 2 paineis parados de 135w... se alguem tiver interesse vendo por 2.000,00 os dois... super novos.

    Comprei 4 para um projeto na zona rural... uma torre, mas acabei comprando um sitio que ja tem energia, então nao precisei usar os paineis.



  11. #11

    Padrão Re: Alimentar a torre com aero-gerador.

    Mas tem tanto vento assim na maior parte do brasil? Pra mim que só no litoral teria um grande ganho com relação a solar.

    Por aqui teve pecuarista trocando sistema de bombeamento eolico de agua de 1600l.hora por sistema solar de 600l.hora, porque simplesmente não tinha vento em 150 dias do ano (Planalto, nada de morros pra tapar vento).

  12. #12

    Padrão Re: Alimentar a torre com aero-gerador.

    Nao sei muito sobre energia ou os fornecedores estao me enganando...

    Fiz um pedido para a Kyocera sobre paineis solares, passei a mesma garga que passei aqui para vocês e eles me disseram ser necessário mais de 12 paines solares para alimentar minha torre. 12 mil reais o projeto sem o frete e a montagem....

    Não sei mais pra onde corro.



  13. #13

    Padrão Re: Alimentar a torre com aero-gerador.

    Se você não contrata algum técnico da area é você quem tem que se informar sobre as opções no mercado, mas de qualquer maneira precisa saber quanta energia precisa.


    Cada rocket M5 consumirá cerca de 6 a 7W (Dependendo do uso), cada nanobridge cerca de 6W, a RB750G varia mais, de 7 a 10W, aí precisa decidir se usará 24VDC em tudo ou se desperdiçará energia com inversores, precisa saber se todo o equipamento suporta trabalhar com variação de 21 a 28V (Pra usar um par de baterias de chumbo-acido).

    Mas 12 paineis pode ser pouco... se forem paineis de 5W...

    Pega um limite de 44W.h como tese pro seu consumo, 24 x 44 dá 1056W que teria que ter num dia, como na madruga o trafego quase desaparece o consumo baixa bastante, vamos arredondar pra 1000W pra facilitar. Bom, um painel solar de 100W recebe insolação suficiente e a perda na carga das baterias é tamanha que dá pra dizer que ele carregaria uns 500W por dia, logo, precisaria 2 deles. Ou seja, 2 paineis em serie, com um controlador 24V, controlando a carga de 2 baterias de chumbo-acido em serie.

    Mas meça o consumo no seu equipamento você mesmo para ter certeza se não estou subestimando ou exagerando no consumo, e faça as contas de quanta energia precisa, senão sempre receberá essas informações confusas dos vendedores, que raramente tem conhecimento técnico.

    Cuidado com sugestões para uso de 12V, os conversores de 12 pra 24V tem rendimento na casa dos 90%, se você tem mais de um painel e mais de uma bateria estaria perdendo 10% nesses conversores comparado a usar 24V, não há motivo pra não usar 2 baterias em serie pra esse seu equipamento (Exceto pelo nanobridge que você ainda não confirmou se é 5 ou 24V).

    Tem coisas que você tem que saber, ou contratar alguem que saiba, não podemos fazer uma apostila de fisica e eletronica basica em cada post, no forum já tem muuuuuita coisa sobre o consumo dos equipamentos e paineis solares.

  14. #14

    Padrão Re: Alimentar a torre com aero-gerador.

    Rubem, a Nanobridge é 24v.

    Entendo o que vc diz, mas não acho ninguem BOM de eletronica para fazer um projeto pra mim e que bata o pau na mesa e diga: "é isso aqui que vc precisa e vai usar". Se eu encontrasse, pagaria o projeto com o maior prazer.

    Acredito também que quando passo o que vou gastar para um distribuidor X, ele me dar a informação correta é um esforço de venda. Ele me diz o que é e compro tudo dele.



  15. #15

    Padrão Re: Alimentar a torre com aero-gerador.

    Mas não tem "projeto", é como instalação elétrica: Você faz projeto porque o pedreiro precisa colocar as caixas e dutos em locais previamente definidos, e precisa facilitar implementações ou trocas futuras (Troca de tensão, acrescimo de tomadas, etc), mas nesse caso não tem muita coisa a projetar.

    Digamos que você compre 2 paineis de 100W, 1 controlador (Exemplo: Controlador De Carga P/ Paineis Solares, Regulador De Tensão - R$ 80,00 no MercadoLivre ), e 2 baterias estacionárias de 50Ah (Exemplo: Bateria Freedom Estacion ). Você terá entre 21 e 27V. Varia conforme o sol, e conforme a carga da bateria, lá pelas 18h você terá 27V, porque as baterias estão carregadas, enquanto lá pelas 6h terá cerca de 22V, porque as baterias já estão com pouca carga.
    Com consumo de 44W você precisará pouco menos de 30A armazenados nas baterias, que é algo bem simples desses paineis de 100W armazenarem mesmo que o equipamento de dia fique "competindo" com a carga das baterias, afinal o controlador de carga igual NUNCA manda pra bateria 100% dos que os paineis lhe entregam.

    2 paineis de 100W, 1 controlador de 10A, e 2 baterias de 45 ou 50Ah, digo que não precisa mais que isso. Mas não tenho como por a mão no fogo por equipamento que não fabriquei, digo, não tenho como dar certeza absoluta que esse equipamento não está consumindo mais que o planejado (O consumo varia conforme o uso, não conforme o trafego necessariamente, mas sim conforme o numero de ações de TX na etapa de RF, uma velocidade baixa com alguma perda de pacotes pode consumir até mais que velocidade mais alta sem perda de pacotes).

    Se a duvida é "Como ligar tudo isso" não vejo segredo, paineis são polarizados então é só colocar + no -, e as extremidades terão 24V, os paineis vão direto no controlador, que tem escrito onde vai cada polaridade, do controlador sai 2 fios pras baterias, também em serie e nisso não deve ter segredo, e também saem 2 vias do controlador para o equipamento, são 2 vias polarizadas com tensão direta da bateria, dessa via você manda a alimentação direto pro equipamento, não sei se por cabo poe ou por plug p4 direto neles, isso depende de como estão tudo montado aí (Se tem uma regua com poe ou coisa assim), mas a alimentação é polarizada e é só colocar todo o equipamento paralelo na mesma linha de alimentação, é tudo muito simples pra quem tem noção do que é polaridade e ligação em serie.

    Geradores eolicos não são diferentes, se já tem controlador de carga nele então é só ligar as 2 vias dele nas baterias (Opte por 24V se possível), e delas direto pro equipamento. Mas precisaria bateria maior que 50Ah dependendo da quantidade de vento por aí (Aqui é comum 5 dias sem vento, precisaria 300Ah em baterias), também não tem segredo, nem precisa projeto, nem precisa pagar por consultoria pra gente, é só passar mais detalhes sobre o equipamento que irá ligar se tiver alguma duvida.

    (Na verdade paineis fotovoltaicos de 100W nem sempre tem preço bom, as vezes você consegue modelo de 120W pelo mesmo preço de outra marca ou noutro fornecedor, se quer usar bateria automotiva e não estacionária tem prós (Preço) e contras (Durabilidade), se quer usar 1 painel de 200W e 1 bateria de 135Ah com conversores DC-DC elevando pra 24V a possibilidade existe, aí você é que terá que cotar se sai mais em conta ou não. Conversor DC-Dc de alto rendimento não existe no brasil por preço baixo, e pra esse consumo alto acho que não compensa, mas não deixe de ver os preços de:

    Gerador eolico 12V
    Gerador eolico 24V
    Painel 100W
    Painel 200W
    Bateria 50Ah
    Bateria 135Ah
    Baterias somando uns 400Ah pra aguentar uns 4 dias em 12V caso aí tenha muito pouco vento.

    Pelos preços que tenho o que sai mais em conta é 2 paineis de 100W e 2 baterias de 50Ah.

  16. #16

    Padrão Re: Alimentar a torre com aero-gerador.

    Rubem, primeiramente mais que muito obrigado pela ajuda. Não tem nem como te agradecer.

    Deixa ver se entendi: Basicamente, não importa muito se é 12, 24 ou 48v. O que importa é que o meio de geração - eolica ou solar - alimente determinada bateria e essa bateria alimente os equipamentos correto?

    Importa eu saber a voltagem para ligar em baterias compativeis é isso?

    Eu creio que ainda existe algo errado no meu entendimento, mas decidi perguntar.

    "ah" é ampere hora? E a capacidade que a bateria tem de fornecer energia durante 1 hora é isso?

    Dei uma olhada no site que indicou sobre baterias. Se pegarmos por exemplo a Bateria Freedom Estacion Freedom de 70Ah, eu compraria 5 delas por exemplo somando 350Ah.

    Quando você falou da ligação, entendi como ela deve ser feita. Do painel para o controlador, do controlador para a bateria e da bateria para o equipamento.

    Como ligo da bateria para o equipamento? Uso as fontes POE aqui.

    Nas minha atuais torres, como tenho energia chegando, coloquei um No-Break depois liguei todos os equipamentos em um filtro de linha. Está funcionando bem, porém, sei que não é o modo mais correto enfiar um no-break dentro de uma caixa e deixa-lo lá.

    O que levantei aqui de consumo foi o seguinte:

    Equipamento Quantidade Voltagem Amperagem Watts
    RocketM5 4 24V 1A 8 Watts
    RB 450G 1 10-28V 2A
    NanoBridge 1 24V 0.5A 5.5 Watts



  17. #17

    Padrão Re: Alimentar a torre com aero-gerador.

    É, basicamente se o gerador ou a placa for de "12V" você carregará 1 bateria (Ou varias paralelas), se for "24V" carregará 2 baterias em serie, se for "48V" alimentará 4 baterias em serie. Entre o gerador, seja eolico ou hidraulico, ou seja painel fotovoltaico, e a(s) bateria(s) precisa um controlador de carga (Pra evitar que a tensão ultrapasse certo limite danificando as celulas da bateria).

    Saindo da bateria você pode alimentar diretamente os equipamentos se eles suportarem, o problema é que quando a tensão diminue abaixo de certo ponto as celulas da bateria também se danificam a longo prazo, assim como deve haver um limite de tensão na carga também deve haver um limite de tensão na descarga, o controlador de painel solar que passei o link já faz os 2 controles.

    Então se optar por algum gerador eolico ou painel com controlador que não tenha controle de descarga, é recomendavel dar um jeito de desligar o consumo quando a tensão cair para 10,5V (Em cada bateria de 12V). O controlador solar que passei o link pode ser usado em geradores eolicos ou qualquer fonte de energia, até mesmo uma fonte chaveada de 28V pode ser usada, ele controla a carga e a descarga.

    A capacidade em "Ah" é a capacidade da bateria com descarga em 30 horas geralmente, exceto nas estacionárias, onde esse dado é passado na descarga em 100 horas. Quanto mais rápida a descarga menos energia a bateria entrega, ou seja, em 1 hora uma bateria de 50Ah entregará mal e mal 36A, enquanto em 100 horas ela entregará efetivamente 50A (Antes de chegar a 10,5V). Com sistema solar você terá cerca de 15 horas sem carga, seria chamado de C15, pode pegar o meio termo entre o C20 e o C10 que tem nos datasheets, mas não é um dado tão importante.

    Quanto a ligar os equipamentos poe nas baterias, ou você faz uma regua com poe ou liga os pinos 4,5 e 7,8 diretamente na bateria, não tem muito segredo nisso, 4 e 5 é positivo e 7 e 8 é negativo, pode usar adaptadores poe tipo esse:
    http://www.compredosul.com.br/ecomme...1231462480.jpg
    Eu estou usando desse:
    Multiport Passive Power over Ethernet injector - POE with 8 ports
    Não deve ter duvidas quanto ao uso disso, porque mesmo usando fonte chaveada, solar, eolica, ou mesmo pilha alcalina a ligação é a mesma, qualquer provedor tem que saber ligar isso.

    Se você já tem AC disponível na torre, quer mesmo usar solar ou eolica? Pode usar um carregador chaveado (Exemplo: NEW 24V 4A Battery Charger For Jazzy Select GT Scooter | eBay ) flutuando 2 baterias pequenas, até bateria de gel de 7Ah já dá um bom nobreak (Nobreak comum tem perda na inversão pra AC, e depois a fonte chaveada tem perdas na hora de voltar pra DC).

    Quanto ao equipamento, os 8W de consumo do RocketM5 eu subestimei, se pegar 10W de consumo da RG450G e 6W de consumo do Nanobridge dará 48W ao todo, mas agora que errei no consumo do RocketM5 provavelmente devo ter errado no consumo da RG450G, só tenho a 750G e ela nem consome 8W com pouco uso, melhor meter um amperimetro e medir aí.

    Enfim, se precisa de 48W isso dá 2Ah em 24V, somando 48A num dia, como falou de 5 baterias não daria pra usar 24V, teria que se 4 ou 6 baterias, se forem 4 teria 24V 140A armazenados, dando conta de quase 3 dias. Se forem 6 baterias de 70Ah a capacidade subiria para quase 4 dias e meio.
    Mas... o consumo varia, esse valores que a Ubiquiti informa são em full, conforme o dia algum equipamento consome mais, outro menos, de madrugada o consumo cai, de modo que é impossível estimar algo com precisão, teria que medir no amperimetro (Ou com o Kill-a-watt já que tem AC (Google: Kill-a-watt, lembrando que as fontes chaveadas que você tem hoje desperdiçam muita coisa, não refletirá o consumo real nesse caso, mas estimando um rendimento de 70% nas fontes dá pra ter uma boa idéia), ou simplesmente pegar esse consumo de full e usa-lo como se fosse a media, então digamos que você precisa por dia de 48A em 24V, ou 96A em 12V, a quantia de dias sem vento não tem como estimar, menos ainda quanto sol tem por aí.
    Última edição por rubem; 06-04-2012 às 20:08. Razão: Corrigir valores

  18. #18

    Padrão Re: Alimentar a torre com aero-gerador.

    Citação Postado originalmente por JorgeAldo Ver Post
    tem alguma coisa errada ai

    como 24V por 1A dá 8 watts ?

    Por via das duvidas (vc nao tem como saber o consumo instantaneo desses aparelhos) considere 1watt = 1volt * 1amper (em corrente contínua).


    logo um rocket = 24 volt * 1 amper = 24w * 4 = 96watts so para os rockets...
    Esses são os valores que peguei nos datasheets da Ubiquiti.

    Citação Postado originalmente por rubem Ver Post
    É, basicamente se o gerador ou a placa for de "12V" você carregará 1 bateria (Ou varias paralelas), se for "24V" carregará 2 baterias em serie, se for "48V" alimentará 4 baterias em serie. Entre o gerador, seja eolico ou hidraulico, ou seja painel fotovoltaico, e a(s) bateria(s) precisa um controlador de carga (Pra evitar que a tensão ultrapasse certo limite danificando as celulas da bateria).

    Saindo da bateria você pode alimentar diretamente os equipamentos se eles suportarem, o problema é que quando a tensão diminue abaixo de certo ponto as celulas da bateria também se danificam a longo prazo, assim como deve haver um limite de tensão na carga também deve haver um limite de tensão na descarga, o controlador de painel solar que passei o link já faz os 2 controles.

    Então se optar por algum gerador eolico ou painel com controlador que não tenha controle de descarga, é recomendavel dar um jeito de desligar o consumo quando a tensão cair para 10,5V (Em cada bateria de 12V). O controlador solar que passei o link pode ser usado em geradores eolicos ou qualquer fonte de energia, até mesmo uma fonte chaveada de 28V pode ser usada, ele controla a carga e a descarga.

    A capacidade em "Ah" é a capacidade da bateria com descarga em 30 horas geralmente, exceto nas estacionárias, onde esse dado é passado na descarga em 100 horas. Quanto mais rápida a descarga menos energia a bateria entrega, ou seja, em 1 hora uma bateria de 50Ah entregará mal e mal 36A, enquanto em 100 horas ela entregará efetivamente 50A (Antes de chegar a 10,5V). Com sistema solar você terá cerca de 15 horas sem carga, seria chamado de C15, pode pegar o meio termo entre o C20 e o C10 que tem nos datasheets, mas não é um dado tão importante.

    Quanto a ligar os equipamentos poe nas baterias, ou você faz uma regua com poe ou liga os pinos 4,5 e 7,8 diretamente na bateria, não tem muito segredo nisso, 4 e 5 é positivo e 7 e 8 é negativo, pode usar adaptadores poe tipo esse:
    http://www.compredosul.com.br/ecomme...1231462480.jpg
    Eu estou usando desse:
    Multiport Passive Power over Ethernet injector - POE with 8 ports
    Não deve ter duvidas quanto ao uso disso, porque mesmo usando fonte chaveada, solar, eolica, ou mesmo pilha alcalina a ligação é a mesma, qualquer provedor tem que saber ligar isso.

    Se você já tem AC disponível na torre, quer mesmo usar solar ou eolica? Pode usar um carregador chaveado (Exemplo: NEW 24V 4A Battery Charger For Jazzy Select GT Scooter | eBay ) flutuando 2 baterias pequenas, até bateria de gel de 7Ah já dá um bom nobreak (Nobreak comum tem perda na inversão pra AC, e depois a fonte chaveada tem perdas na hora de voltar pra DC).

    Quanto ao equipamento, os 8W de consumo do RocketM5 eu subestimei, se pegar 10W de consumo da RG450G e 6W de consumo do Nanobridge dará 48W ao todo, mas agora que errei no consumo do RocketM5 provavelmente devo ter errado no consumo da RG450G, só tenho a 750G e ela nem consome 8W com pouco uso, melhor meter um amperimetro e medir aí.

    Enfim, se precisa de 48W isso dá 2Ah em 24V, somando 48A num dia, como falou de 5 baterias não daria pra usar 24V, teria que se 4 ou 6 baterias, se forem 4 teria 24V 140A armazenados, dando conta de quase 3 dias. Se forem 6 baterias de 70Ah a capacidade subiria para quase 4 dias e meio.
    Mas... o consumo varia, esse valores que a Ubiquiti informa são em full, conforme o dia algum equipamento consome mais, outro menos, de madrugada o consumo cai, de modo que é impossível estimar algo com precisão, teria que medir no amperimetro (Ou com o Kill-a-watt já que tem AC (Google: Kill-a-watt, lembrando que as fontes chaveadas que você tem hoje desperdiçam muita coisa, não refletirá o consumo real nesse caso, mas estimando um rendimento de 70% nas fontes dá pra ter uma boa idéia), ou simplesmente pegar esse consumo de full e usa-lo como se fosse a media, então digamos que você precisa por dia de 48A em 24V, ou 96A em 12V, a quantia de dias sem vento não tem como estimar, menos ainda quanto sol tem por aí.
    Rubem, você deu uma ajuda inimaginavel, muito obrigado mesmo!!

    Vou estudar direitinho o que você falou acima e montar algo por aqui. Muito obrigado!!

    Abração!



  19. #19

    Padrão Re: Alimentar a torre com aero-gerador.

    Só pra esclarecer o que a Ubiquiti diz.
    24V 1A é a fonte que acompanha o Rocket M5, e 8W é o consumo dele. Acho que está meio obvio pela formatação.

    Minha duvida sobre o consumo da RB450G é porque já ví ela acompanhada de fonte 12V 0,8A, não reparei se era original da MK, se as fontes tem pelo menos 50% a mais de capacidade que o necessario então a RB450G não devia consumir mais de 7W (Ou foi só escolha ruim do vendedor, já recebi RB433 acompanhada de fonte 12V 1A, não sei o que o vendedor queria com isso).

  20. #20

    Padrão Re: Alimentar a torre com aero-gerador.

    A minha é xing ling tb que me enviaram. Preciso pegar e ver qual é a especificação dela.