Página 4 de 4 PrimeiroPrimeiro 1234
+ Responder ao Tópico



  1. #61

    Padrão Re: O que e usar 12volts ou 24volts?

    O que estou usando é uma fonte no-break da VA converssores (https://produto.mercadolivre.com.br/...-276v3a07a-_JM) que fica embaixo na torre e sobe cabo pp 2x1,5mm com 20m, la em cima alimento equipamentos de telecom (UBNT, MK, etc) com 25v que chega, alias baixei a fonte pra 25v sendo que ela veio com 27v na saida, como tenho um hub tp link q usa 9v usei esse regulador 7809, a fonte original do hub tinha 9v 600mA, sabendo que esse regulador segura até 1A(http://blog.novaeletronica.com.br/im...dores-78xx.gif) usei apenas ele, sei o consumo dos equipamentos que somados chega a 28w, minha duvida: sera que o regulador esta consumindo mais que os 3w que o hub diz ser o consumo maximo, as baterias que uso são de 9a, acredito que não tenha essa capacidade por isso faço calculo de apenas 7a cada.

  2. #62

    Padrão Re: O que e usar 12volts ou 24volts?

    Citação Postado originalmente por guiggoo Ver Post
    Tenho em produção 1 fonte volt 7a 24v em 2 baterias de 100A , faz um ano e pouco . Tudo ok .

    Aguenta mais de 1 dia sem luz , volta e meia dava problema nesse ponto , aí resolvi exagerar nas baterias .
    E quantos W de consumo tem os equipamentos?



  3. #63

    Padrão Re: O que e usar 12volts ou 24volts?

    Na vdd não fiz a conta . Tem 3 bullet , 1 nanobridge , conversor de 24v pra 9v , 1 hub ....

    Mais o lugar volta e meia passa o dia sem luz , aí um pouco que abaixava as baterias , já travava os bullet.

  4. #64

    Padrão Re: O que e usar 12volts ou 24volts?

    Sobre os reguladores lineares dos anos 70 tipo os LM78xx (Sim, são projeto de 1972), o rendimento na prática chega a menos de 50% as vezes.

    Se tem consumo de 330mA na saída, em 9V, na entrada em 26V (Tensão prática das baterias assim que acaba a eletricidade) o consumo dele será praticamente os mesmo 330mA! E 0,33*26= 8,5W.

    Onde esses 5,5W vão parar? Viram CALOR no regulador.

    Aqui na página 5 tem uma tabela da dissipação com e sem dissipador:
    https://www.mepits.com/uploads/docum..._951593029.pdf
    Dá pra ver que com dissipador ele pode dissipar até uns 7,5W lá pelos 37°C, e lá pelos 50°C uns 6 a 6,5W, que imagino que é o seu caso.

    Quando a corrente é meio alta, e 330mA não é tão baixa, o consumo começa a subir mesmo. Com 150mA de corrente pode até usar os LM com invólucro plástico (Acho que é 78S09), mas acima de uns 200mA já há calor pra justificar parte metálica no componente!

    Sobre o consumo do resto, os Bullet M5 vão ficar nuns 6W de média com tráfego, se tiver tráfego algo (Tipo um ptp) chega fácil nos 7W. Nanobridge M5 é bem similar, acho até que é o mesmo VRM interno com o ci Z1212, tem chipset similar (No caso do Bullets ele suporta multiplos chains, só não tem etapa de RF com 2 amplificadores e 2 saídas, mas o chipset de RF suporta, por isso o consumo não é muito menor), vai ficar nos 6-7W mesmo. Basicamente então são 4 equiptos de uns 6W, uns 24-26W na prática talvez.

    Só que... se a corrente é de 1A passando pelos cabos, tem que ver a queda de tensão. Se tem 30m de cabo entre o nobreak e o alto da torre (O switch que provavelmente divide a alimentação), você tem 1,2A em 30m de cabo, calcula aqui:
    http://www.ansat.es/soporte/docs/cal...uladorapoe.htm
    Em 30m (90 pés), a queda de tensão é de 0,7V. Isso TAMBÉM vira calor, 0,7 * 1,2 = 0,84W dissipados na forma de calor pelo cabo. 5W no LM7809 você nota no dedo que aquece, mas mal e mal 1W num cabo de 30m você não nota o calor, só grudando um termômetro de precisão nele pra ver quanto aquece (Mas aquece!).

    Agora sobre os 7Ah das baterias, TAMBÉM não é bem por aí, elas tem 7Ah armazenados mas só se o consumo for em C20, ou 20h de descarga, ou seja, se a corrente consumida for de 0,35A, vai levar 20 horas pra bateria cair pra 10,8V (Tem que ver no datasheet da bateria).

    Nesse caso temos uma bateria com 7Ah a C20, descarga em 20 horas:
    http://www.yuasabatteries.com/pdfs/N..._DataSheet.pdf
    Veja na tabela na primeira página que com descarga de 5h a capacidade real é de só 5,9Ah! Em 7h (C7) a capacidade real talvez fique em 6Ah.

    (Mesmo que as baterias não sejam dessa marca, use isso como referência. A maioria é 99% igual, a construção interna das baterias hoje é muito padronizada, esses detalhes técnicos mudam pouco conforme muda marca e modelo, veja outra bem similar: http://www.diamec.com/PublishWebSite...bfa83f8b63.pdf )

    Ah, e nota que o datasheet fala em detalhes tipo descarga em 5h até 1,7V por célula (São 6 células em série, e 6x 1,7 = 10,2V), só que o no break DC não tá nem aí, ele provavelmente vai desligar o consumo lá pelos 10,8V (Talvez 10,5V) seja usando bateria de 7Ah ou seja usando bateria de 700Ah, é circuito simples, não é inteligente. Basicamente com isso você está perdendo uns 10% ou mais de energia restante na bateria, deixando de utilizar esse fim de descarga. No primeiro datasheet na 2ª página tem uma tabela de rate de descarga e tempo de descarga, se pegar um rate tipo 0,1CA, que é 7Ah*0,2 = 1,4A de consumo, a tensão cai pra 11V em umas 3,5 horas, e muito controlador de nobreak desliga o consumo quando a bateria chega em 11V (Outros 10,8V, mas alguns é 11V mesmo!), no papel devia durar 4h (Apesar de 4*1,4 = 5,6Ah), mas na prática o no break não sabe lidar com essa bateria então não descarrega até a tensão correta e na prátia a capacidade da bateria em C4, ligada nesse nobreak, é de 4,9Ah (3,5h * 1,4A). Se aumentar o consumo é fácil chega em 3,5Ah de capacidade numa bateria 7Ah. Por isso bicicletas elétricas com essas baterias seladas são um lixo, a capacidade real com consumo em alta corrente é MUITO baixa.

    Enfim, tem detalhe sobre detalhe. Quando a tensão cai, tipo pra 22,5V, a corrente obviamente será maior que com 26,5V (Afinal 25W em 22V é uma corrente (1,13A), e 25W em 26V é outra (0,96), essa diferença de corrente impacta na dissipação do cabo POE (Quanto maior a corrente, maior a dissipação de calor, IGUALZINHO um resistor ou os LM78xx), não que isso mude o mundo, mas com corrente maior tem são só uns % a mais de dissipação na forma de calor, como também uma descarga mais RÁPIDA da bateria (Passa de digamos C0,14 pra C0,16).

    Por isso não adianta tanto calcular o valor teórico de uptime do sistema, tem muita variável. Essa diferença sua de 30% não é o fim do mundo.

    (O consumo dos equiptos vai varia mais de 1W conforme uso da CPU. AirOS de versão velha não exibe isso, mas o RouterOS exibe, e tem equipamento MK com os MESMOS chipsets, neles é fácil medir isso, bota a CPU a 70% e mede 8W de consumo, bota a 3-5% de uso numa bridge simples e o consumo fica em 6W, e PTMP tem o chipset de RF operando perto de full o tempo todo, não tem um medidor de CPU pra ele separado, mas é um chipset separado (Quase sempre), que também varia de consumo conforme o que processa, e PTMP processa muito pacote mesmo sem grandes tráfegos, só pelas CPE's dos clientes estarem ligadas já há consumo eventual, tipo 30 em 30 segundos. Se tiver 15 clientes vai ter 1 a cada 2 segundos gastando uns 2 segundos de processamento, e o chipset de RF não para de trabalhar nunca! Isso se reflete em consumo constantemente acima da média em PTMP (Da média medida numa estação, digamos))

    Ah, e tem no break DC que não tem rele, e sim mosfet, liberando ou não a alimentação (Igual os controladores solares). Esse mosfet aquece pra fazer isso, vai dissipar na forma de calor talvez 1 ou 2W, mas dissipar. Junta um monte de 1's e você chega fácil em 5 ou 6W extras que não calculou.



  5. #65

    Padrão Re: O que e usar 12volts ou 24volts?

    Citação Postado originalmente por rubem Ver Post
    Sobre os reguladores lineares dos anos 70 tipo os LM78xx (Sim, são projeto de 1972), o rendimento na prática chega a menos de 50% as vezes.

    Se tem consumo de 330mA na saída, em 9V, na entrada em 26V (Tensão prática das baterias assim que acaba a eletricidade) o consumo dele será praticamente os mesmo 330mA! E 0,33*26= 8,5W.

    Onde esses 5,5W vão parar? Viram CALOR no regulador.

    Aqui na página 5 tem uma tabela da dissipação com e sem dissipador:
    https://www.mepits.com/uploads/docum..._951593029.pdf
    Dá pra ver que com dissipador ele pode dissipar até uns 7,5W lá pelos 37°C, e lá pelos 50°C uns 6 a 6,5W, que imagino que é o seu caso.

    Quando a corrente é meio alta, e 330mA não é tão baixa, o consumo começa a subir mesmo. Com 150mA de corrente pode até usar os LM com invólucro plástico (Acho que é 78S09), mas acima de uns 200mA já há calor pra justificar parte metálica no componente!

    Sobre o consumo do resto, os Bullet M5 vão ficar nuns 6W de média com tráfego, se tiver tráfego algo (Tipo um ptp) chega fácil nos 7W. Nanobridge M5 é bem similar, acho até que é o mesmo VRM interno com o ci Z1212, tem chipset similar (No caso do Bullets ele suporta multiplos chains, só não tem etapa de RF com 2 amplificadores e 2 saídas, mas o chipset de RF suporta, por isso o consumo não é muito menor), vai ficar nos 6-7W mesmo. Basicamente então são 4 equiptos de uns 6W, uns 24-26W na prática talvez.

    Só que... se a corrente é de 1A passando pelos cabos, tem que ver a queda de tensão. Se tem 30m de cabo entre o nobreak e o alto da torre (O switch que provavelmente divide a alimentação), você tem 1,2A em 30m de cabo, calcula aqui:
    http://www.ansat.es/soporte/docs/cal...uladorapoe.htm
    Em 30m (90 pés), a queda de tensão é de 0,7V. Isso TAMBÉM vira calor, 0,7 * 1,2 = 0,84W dissipados na forma de calor pelo cabo. 5W no LM7809 você nota no dedo que aquece, mas mal e mal 1W num cabo de 30m você não nota o calor, só grudando um termômetro de precisão nele pra ver quanto aquece (Mas aquece!).

    Agora sobre os 7Ah das baterias, TAMBÉM não é bem por aí, elas tem 7Ah armazenados mas só se o consumo for em C20, ou 20h de descarga, ou seja, se a corrente consumida for de 0,35A, vai levar 20 horas pra bateria cair pra 10,8V (Tem que ver no datasheet da bateria).

    Nesse caso temos uma bateria com 7Ah a C20, descarga em 20 horas:
    http://www.yuasabatteries.com/pdfs/N..._DataSheet.pdf
    Veja na tabela na primeira página que com descarga de 5h a capacidade real é de só 5,9Ah! Em 7h (C7) a capacidade real talvez fique em 6Ah.

    (Mesmo que as baterias não sejam dessa marca, use isso como referência. A maioria é 99% igual, a construção interna das baterias hoje é muito padronizada, esses detalhes técnicos mudam pouco conforme muda marca e modelo, veja outra bem similar: http://www.diamec.com/PublishWebSite...bfa83f8b63.pdf )

    Ah, e nota que o datasheet fala em detalhes tipo descarga em 5h até 1,7V por célula (São 6 células em série, e 6x 1,7 = 10,2V), só que o no break DC não tá nem aí, ele provavelmente vai desligar o consumo lá pelos 10,8V (Talvez 10,5V) seja usando bateria de 7Ah ou seja usando bateria de 700Ah, é circuito simples, não é inteligente. Basicamente com isso você está perdendo uns 10% ou mais de energia restante na bateria, deixando de utilizar esse fim de descarga. No primeiro datasheet na 2ª página tem uma tabela de rate de descarga e tempo de descarga, se pegar um rate tipo 0,1CA, que é 7Ah*0,2 = 1,4A de consumo, a tensão cai pra 11V em umas 3,5 horas, e muito controlador de nobreak desliga o consumo quando a bateria chega em 11V (Outros 10,8V, mas alguns é 11V mesmo!), no papel devia durar 4h (Apesar de 4*1,4 = 5,6Ah), mas na prática o no break não sabe lidar com essa bateria então não descarrega até a tensão correta e na prátia a capacidade da bateria em C4, ligada nesse nobreak, é de 4,9Ah (3,5h * 1,4A). Se aumentar o consumo é fácil chega em 3,5Ah de capacidade numa bateria 7Ah. Por isso bicicletas elétricas com essas baterias seladas são um lixo, a capacidade real com consumo em alta corrente é MUITO baixa.

    Enfim, tem detalhe sobre detalhe. Quando a tensão cai, tipo pra 22,5V, a corrente obviamente será maior que com 26,5V (Afinal 25W em 22V é uma corrente (1,13A), e 25W em 26V é outra (0,96), essa diferença de corrente impacta na dissipação do cabo POE (Quanto maior a corrente, maior a dissipação de calor, IGUALZINHO um resistor ou os LM78xx), não que isso mude o mundo, mas com corrente maior tem são só uns % a mais de dissipação na forma de calor, como também uma descarga mais RÁPIDA da bateria (Passa de digamos C0,14 pra C0,16).

    Por isso não adianta tanto calcular o valor teórico de uptime do sistema, tem muita variável. Essa diferença sua de 30% não é o fim do mundo.

    (O consumo dos equiptos vai varia mais de 1W conforme uso da CPU. AirOS de versão velha não exibe isso, mas o RouterOS exibe, e tem equipamento MK com os MESMOS chipsets, neles é fácil medir isso, bota a CPU a 70% e mede 8W de consumo, bota a 3-5% de uso numa bridge simples e o consumo fica em 6W, e PTMP tem o chipset de RF operando perto de full o tempo todo, não tem um medidor de CPU pra ele separado, mas é um chipset separado (Quase sempre), que também varia de consumo conforme o que processa, e PTMP processa muito pacote mesmo sem grandes tráfegos, só pelas CPE's dos clientes estarem ligadas já há consumo eventual, tipo 30 em 30 segundos. Se tiver 15 clientes vai ter 1 a cada 2 segundos gastando uns 2 segundos de processamento, e o chipset de RF não para de trabalhar nunca! Isso se reflete em consumo constantemente acima da média em PTMP (Da média medida numa estação, digamos))

    Ah, e tem no break DC que não tem rele, e sim mosfet, liberando ou não a alimentação (Igual os controladores solares). Esse mosfet aquece pra fazer isso, vai dissipar na forma de calor talvez 1 ou 2W, mas dissipar. Junta um monte de 1's e você chega fácil em 5 ou 6W extras que não calculou.
    Como sempre acompanho o fórum você @rubem da uma aula perfeita, já tinha lido um post seu sobre algo parecido, levando em conta tudo que você descreveu acredito estar bem próximo da real capacidade das baterias, comprei 2 baterias de 60a pra por nesse ponto, vou testar sem trocar a fonte no break que carrega apenas 0,7a hora, como falta energia 1 a 2 vezes por mês vai dar tempo de carregar as baterias, se os 14a que tenho hoje segura umas 6 a 7 horas as de 60a vai durar um dia ou pouco mais, que esta ótimo, com o tempo posso colocar uma fonte que carregue a 2a as baterias, mas por enquanto assim ja esta bom. Muito obrigado mesmo..

  6. #66

    Padrão Re: O que e usar 12volts ou 24volts?

    Sobre usar um carregador de 0,7A numa bateria de 60Ah, o problema não é só a demora pra carregar (60/0,7+40%), mas principalmente o risco de desequalização.

    Basicamente tem 6 células dentro da bateria, 6 pilhas de 2V em série. Quando carrega a 13,2V, teria em tese 2,2V pra cada célula. Se isso ocorrer tudo vai bem. O problema é que quando se carrega com corrente muito baixa (Menos que uns 10% da capacidade da bateria, ou 0,1C, seria 6A em bateria de 60Ah) 2 células vão pra digamos 2,3V, e as outras 4 ficam com 2,15V.

    As células com tensão mais alta vão aquecer mais, com o tempo vão evaporar o líquido ou gel interno até secarem. Ou vão sulfatar, que é uma reação química nas placas de chumbo, cria sulfato de chumbo ao redor da placa, aí o líquido ou gel não tem contato com o chumbo (Que é condutor bom), e sim com o sulfato de chumbo (Um péssimo condutor). Alias, esse sulfato existe em toda descarga, o que a recarga com corrente ideal (6 a 12A numa bateria de 12Ah, ou 0,1 a 0,2C) faz é quebrar essa cristalização quase completamente. Com corrente baixa haverá ou não haverá sulfatação dependendo da forma da descarga, da composição química das placas e do gel ou líquido.

    O risco de sulfatação eu digo que fica nuns 25%, quando usa corrente muito baixa.

    Enfim, tem uma chance de 1 em 4 pra dar problema de desequalização e sulfatação, problemas que matam a bateria mais cedo se não reconhecer logo o problema. Se logo na primeira desequalização botar num carregador correto (6 a 12A, no caso da bateria de 60Ah, de preferência 12Ah) resolverá logo, mas se deixar desequalizado por 2 meses vai comer 10% da vida útil da bateria por semana (Que deixar desequalizado). Difícil é diagnosticar isso, com corrente tão baixa o calor nas 2 células da frente é baixo, você não consegue notar direito se um lado da bateria está aquecendo mais que o outro.

    Por isso a VA Conversores tem no break DC com corrente pro carregador de 0,7A (Pra ligar em bateria de 7Ah), os de 3A (Pra bateria de 28-35Ah), e os de 5 ou 6Ah (Pra bateria de 45-70Ah). A Volt sei lá porque insiste nessa pataquada de fazer carregador com ridículos 0,7A no carregador, direto vejo bateria 45Ah com menos de 1 ano de uso não aguentando 5 minutos em no break DC barato, ou no break AC com plug pra bateria externa, e só uma carga lenta num carregador decente (14h num carregador 0,1C, de 6A pra bateria de 60Ah) resolve o problema, porque uma vez sulfatadas as placas, essa ridícula corrente baixa não consegue quebrar muitos cristais, quebra alguns, a tensão logo sobe pra 13,2V, mas é uma área exposta muito pequena, aí na prática a bateria ao invés de armazenar 60Ah armazena 2Ah).



  7. #67

    Padrão Re: O que e usar 12volts ou 24volts?

    Entendi. Então seria possível fazer uma gambiarra até pode comprar outra fonte, por um carregador com flutuação que tenho aqui ligado junto com a fonte na bateria ou ele vai achar que a bateria está carregada e ñ vai enviar carga?

  8. #68

    Padrão Re: O que e usar 12volts ou 24volts?

    Citação Postado originalmente por luti1901 Ver Post
    ele vai achar que a bateria está carregada e ñ vai enviar carga?
    Isso isso isso.

    É o que ocorre com fontes ou carregadores em paralelo.

    O negócio é usar, sabendo dos riscos eventuais, e da necessidade de EVITAR descarga das baterias (Bateria de gel na verdade não aguenta uso. Elas são backup, são só pra emergências. Bateria feita pra usar toda semana é lithium).

    Se quiser desligar as baterias do no break AC a cada 2 meses, e carregar com um carregador cíclico barato com transformador, aqueles com trafo de R$ 100 que prometem 5 ou 10A, pode fazer, diminui muito o risco de desequalização, e diminui a sulfatação nas placas. Mas também pode pegar um controlador solar PWM barato de 12V, alimentar ele com uma fonte de notebook de 18V 4,5A, e também terá uma carga melhor. O PWM é uma carga pulsada que ajuda na limpeza dos cristais nas placas, é um tipo de circuito com ruido mas apenas pra carregar as baterias (5x por ano, carrega e bota de volta no nobreak DC) isso é até melhor.