+ Responder ao Tópico



  1. #1

    Padrão Qual é Melhor para Provedor??? Padrão B G ou B+G

    galera tenhu 60 Clientes em duas Torres e 6 Paineis 3 em cada torre Todos Com Cartão r52 Em Padrão B Gostaria de Saber Se Posso setar em G Para passar mais banda ou B+G pois naum estou podendo gastar por agora Só pra ir quebrando o galho ate eu migrar para 5.8Ghz

  2. #2

    Padrão Re: Qual é Melhor para Provedor??? Padrão B G ou B+G

    bom, temos fatores a considerar.
    se forem todos clientes pertinhos, e com sinal abaixo de digamos -70 G fica viavel, pois lembrando o radio ao modular em G quanto conecta digamos a 54mb ele baixa a potencia, podendo degradar um pouco o sinal e o resto dos clientes.

    teste, se todos tiverem sinal bom, visada limpa etc, g pode sim ser viavel, voçe podera passar quase 20mb, o que onde não tem poluição exagerada, nem precisa migrar para 5.8.



  3. #3

    Padrão Re: Qual é Melhor para Provedor??? Padrão B G ou B+G

    Eu e um monte de outros usuarios tem péssimas experiencias com G, eu optaria logo por N puro, o hardware (CPE's, roteadores, mesmo placas pci ou usb) com tecnologia N tem desempenho bem melhor mesmo em B ou G (Boa forma de escolhe hardware mesmo que use B é optar pelo que trabalhe com N). Hardware velho/que-já-vai-tarde tipo RTL8186 não suportará N, mas também terá um desempenho meia boca com G e sinal baixo (Sensibilidade e potencia são afetados pela banda maior escolhida), seu sucessor 8196 está 20x melhor, e já suporta N. De modo que as vezes o jeito mais barato é meter setorial 120º em B pra desafogar outras setoriais, escolhendo a dedo quem colocar nas 120º, ou já colocar ela em N.
    (E dependendo do caso consegue uma dezena de usuarios numa CPE de 60º pra desafogar algum cartão, depende do espalhamento de usuarios)

    Entendo que trocar pra N assim do nada é caro, tem que planejar com mais tempo, já tem 18 meses que só estou comprando roteador, cpe, pci e usb N, não tenho pago nem 5% a mais por isso, exceto meia duzia de roteadores já tenho cenario pronto pra N, sem ter que trocar 'tudo de uma vez'. Na hora de trocar pra 5GHz não tem jeito de amenizar assim.

  4. #4

    Padrão Re: Qual é Melhor para Provedor??? Padrão B G ou B+G

    Eu iria indicar o que o Rubem falou: N puro direto.

    Motivos? Além de passar mais banda, libera a rede mais rápido.



  5. #5

    Padrão Re: Qual é Melhor para Provedor??? Padrão B G ou B+G

    bom é evidente que N e melhor por se tecnologia mais nova etc. somente uma observação sobre N o projeto ainda esta em evolução e dependendo do fabricante podera estar usando uma verção antiga do protocolo, se é para invertir em N puro, veja a verção usada, pois os mais novos alem de melhor funcionamento podem aprsentar iclusive instabilidade com outro aparelho usando veçoes mais antigas do protocolo N.

    masssssssssssss a pergunta era sobre B e G g e mais problemtico sem duvidas, mas ajudaria a desafogar um pouco se o senario for favoravel, (cliente com bom sinal, visadas limpa, pouca distancia, pouca interferencia etc)

  6. #6

    Padrão Re: Qual é Melhor para Provedor??? Padrão B G ou B+G

    Todos vocês estão cobertos de razão.

    - primeiro que b/g é melhor que só B. Clientes que estiverem em B/G e no registration mostrar taxa mais alta data rates, fixa ele logo em G.

    - segundo que B/G/N é melhor ainda pois vai estar preparando para expansão futura em N. Tem localidades que o 5.8 não é tudo isso que se fala. Vai depender de uma visada excelente.
    Eu também Rubens não tenho mais comprado 8186.
    Estes rádios com 8196 tem se mostrado muito bons, com algumas pequenas excessões quando usa a primeira versão do chipset.

    O Alex disse uma coisa muito importante. G passa muito mais banda. Passa quase tanta quanto em A. Pois em A só passa aquelas taxas bem altas quando está em ponto a ponto . Ponto Multi ponto é quase o mesmo.

    Além disso, quem tem 20 mega para liberar para cada painel? A questão da interferência é também algo a ser levado em conta em casos de 2.4 muito saturado. Daí pode ser a única saída.

    No seu caso parece que alterar para B/G é o primeiro passo. Altera na torre e depois nos clientes vai fixando em b/g para aqueles que ficam oscilando um pouco e G para aqueles com melhor data rates.
    Mas em B/G fixa na torre data rates de 11 em B e de 18 para cima em G. Assim, os clientes ruins não conectam e você vai lá tentar arrumar o sinal dele. Eu tenho painel que ninguém conecta com menos de 18mbps.
    Modulação em 1, 5,5 e 6 mega não deixa de jeito nenhum, senão vai dar atraso na tua rede.



  7. #7

    Padrão Re: Qual é Melhor para Provedor??? Padrão B G ou B+G

    Desculpem pessoal mas acho que voces nao entenderam o topico (pergunta) do nosso amigo... Ele disse que usa cartao "r52" e não esta querendo ou podendo gastar mais dinheiro por agora, entao como voces o aconselham a usar o "N" ??????????? Amigo, não sei a estrutura de sua rede e nem velocidade,visada,distancia de cada cliente mas considerando o que voce disse, o melhor é vc setar seus aps em B , principalmente se tiver clientes um pouco mais longe ,vc terá um sinal mais robusto. Agora se vc tiver que adquirir algum equipamento(investir) então que seja ja em 5,8ghz e não em 2,4. Abraço a todos.

  8. #8

    Padrão Re: Qual é Melhor para Provedor??? Padrão B G ou B+G

    Se for o R52 (Custo a acreditar, deve ser R52H, R52NM...) arrisco dizer que nem B/G resolve, porque esse cartão tem potencia muito baixa a digamos 18M (Acho que 16dBm), e sensibilidade bem ruim. Tem um bom processamento, mas a etapa de rf decepciona.



  9. #9
    Analista de Sistemas Avatar de MDdantas
    Ingresso
    Apr 2007
    Localização
    Caruaru - Pernambuco
    Posts
    423

    Padrão Re: Qual é Melhor para Provedor??? Padrão B G ou B+G

    Wagner,

    Bom dia. A respeito da sua dúvida, existem n fatores/variáveis que precisam ser analisadas:

    1) Necessidade de Banda: Os seus clientes possuem contrato de internet acima de 11MBPS? Caso não seja essa a sua necessidade, não vejo motivos de setar para o padrão G, afinal cliente com contrato de internet de 2 MBPS consegue usar tranquilamente em uma banda de 11 MBPS.

    2) Problemas de Lentidão: Existe um gargalo nos cartões RB52? Caso tenha 15 clientes de 2 MBPS em um cartão que está trafegando 11 MBPS, então sugiro uma upgrade no hardware ou entao um organização na distribuição dos clientes.

    Lembrando que aumentar a frenquência de 2.4 GHZ para 5.8 GHZ, só vai aumentar a taxa de transmissão e recepção, a questão de alcance, a 2.4 GHZ tem um alcance maior em relação a frenquência 5.8 GHZ em um mesmo ambiente.

    Espero ter sanado suas dúvidas,

  10. #10

    Padrão Re: Qual é Melhor para Provedor??? Padrão B G ou B+G

    sem criar polemica, amigo desculpas:
    mas se voçe conseguir trafegar 11mb em modo B eu te dou meu braço direito, corto e te mando ele via sedex!

    e sabido que em modo b não é possivel trafegar mais de 4 ou no melhor caso 5mb.
    em G sim passa 20mb no melhor dos casos.

    G funciona sim, onde ha pouca interferencia, visada limpa e bõas antenas (paineis e clientes).
    Última edição por alexsuarezferreira; 28-02-2013 às 23:52.



  11. #11

    Padrão Re: Qual é Melhor para Provedor??? Padrão B G ou B+G

    Sempre que surge esta questão, os dois lados se expressam a favor ou contra.

    E os dois lados não deixam de ter razão. 5.8 pode ser a solução para muitos, senão não estaria este boom de 5.8 e até os fabricantes se esquecendo do 2.4
    Mas há situações sejam geográficas ou econômicas que não permitam o 5.8 . Por ex. trocar tudo para 5.8 e aposentar o que já está instalado? Eu acho loucura.

    No caso específico do autor do tópico ninguém disse para ele abandonar o B/G e ficar só em N.
    Mas tentar aproveitar melhor o G e ir se preparando para o N.

    E o Rubens tocou num ponto fundamental . Se o cartão é o citado, não tem muito o que fazer mesmo. Da série R52 é o que menor rendimento dá.

  12. #12

    Padrão Re: Qual é Melhor para Provedor??? Padrão B G ou B+G

    Citação Postado originalmente por MDdantas Ver Post
    Wagner,

    Bom dia. A respeito da sua dúvida, existem n fatores/variáveis que precisam ser analisadas:

    1) Necessidade de Banda: Os seus clientes possuem contrato de internet acima de 11MBPS? Caso não seja essa a sua necessidade, não vejo motivos de setar para o padrão G, afinal cliente com contrato de internet de 2 MBPS consegue usar tranquilamente em uma banda de 11 MBPS.

    2) Problemas de Lentidão: Existe um gargalo nos cartões RB52? Caso tenha 15 clientes de 2 MBPS em um cartão que está trafegando 11 MBPS, então sugiro uma upgrade no hardware ou entao um organização na distribuição dos clientes.

    Lembrando que aumentar a frenquência de 2.4 GHZ para 5.8 GHZ, só vai aumentar a taxa de transmissão e recepção, a questão de alcance, a 2.4 GHZ tem um alcance maior em relação a frenquência 5.8 GHZ em um mesmo ambiente.

    Espero ter sanado suas dúvidas,
    Desculpa mas está um pouco errada a sua afirmação (1), se você tiver operando em b 1 cliente com banda de 11mbps consumiria a banda toda do rádio considerando que ele use 100% da banda e que o rádio ofereça 100% do rendimento o que nunca acontece então em b seriam 11 clientes de 1 mega usando o 1 mega disponivel isso se o rádio entregasse 100% do seu rendimento prometido. B serve pra no máximo 500kbps e g tambem não funciona por causa da perda de potencia.
    AN (5,8ghz) parece ser um boa solução se bem montado o projeto.