+ Responder ao Tópico



  1. Bom dia a todos...

    Concordo com a maioria de nossos amigos do Under-Linux.

    Mas temos que esperar pela liberação desses valores, o que acarreta a mudança de valores na consultoria.
    Muitos acham que o valor cobrado pela consultoria deve ser padronizado com o valor cobrado pelo licenciamento, Nacional,estadual, local...etc...
    Concordo sim, em certa parte...
    O procedimento de licenciamento seria igual para todas as formas de abrangencia.
    Para quem trabalha com esse tipo de projeto sabe que o procedimento é quase o mesmo...só muda algumas linhas...
    O sistema burocratico (ANATEL) vai ser o mesmo...
    Será que vão dar mais valor ao licenciamento Nacional por ser um valor mais "acessivel" para eles?

    Outra coisa...Isso ajudara os pequenos provedores...todos sabem a dura realidade de valores gastos...
    Queremos fornecer serviços com qualidade, quantidade somente dá dor de cabeça.

    Obrigado

    CATELECOM - Catalão Telecomunicações

    Obrigado.

    Tels: 64 84278031 (OI) / 64 92136060 (TIM) / 64 99245331 (VIVO) / 64 9284 2118 (CLARO).
    E-mail: thiagoteleco@hotmail.com
    skype: catalao.telecomunicacoes
    www.catalaotelecom.com.br

  2. Kleber, segue algumas informações sobre o leilão da faixa de 700 Mhz:

    Minicom publica portaria autorizando o 700 MHz para a banda larga:
    O Ministério das Comunicações publicou esta quinta, 7, no Diário Oficial da União, a Portaria 14 de 2013, que autoriza a Anatel a trabalhar a destinação e a locação da faixa de 700 MHz para cumprir os objetivos do Plano Nacional de Banda Larga (PNBL). Com isso, a faixa que hoje é exclusiva da radiodifusão ganha o sinal verde de uma diretriz política para também ser destinada aos serviços móveis (SMP) e ao serviço de banda larga (SCM). A portaria também estabelece diretrizes para o processo de transição para a TV digital e dá algumas diretrizes sobre o que esperar dos leilões da faixa de 700 MHz para 4G.
    Fonte:http://www.teletime.com.br/06/02/201...4517/news.aspx

    Contrapartidas do leilão de 700 MHz vão resolver deficiência de backbone nacional, diz Bernardo:
    O leilão da faixa de 700 MHz será uma ferramenta importante para o governo colocar em marcha a segunda versão do Plano Nacional de Banda Larga, também chamado de PNBL 2.0, que tem o objetivo de universalizar a banda larga. Para isso, é preciso ampliar as redes de backbone e backhaul. Nos cálculos do ministério, 1,8 mil municípios não têm backhaul em fibra, fora umas 200 cidades que não são "alcançáveis" por rede terrestre, e o governo pretende preencher parte dessa lacuna com as contrapartidas do leilão da faixa de 700 MHz.
    Fonte:http://www.teletime.com.br/15/05/201...0698/news.aspx

    A disputa pelos 700MHz e a resolução do quebra-cabeça das frequências:

    Já não há mais dúvidas: o LTE vai operar no Brasil na frequência dos 700MHz, hoje usada para distribuir o sinal da TV aberta analógica no Brasil. A questão é quando. Semana passada o Ministro das Comunicações Paulo Bernardo aproveitou a realização do evento da Qualcomm no pais para anunciar que pretende antecipar o Leilão dos 700MHz para as operadoras de telefonia celular já em 2013. Ao mesmo tempo, seus secretários _ de Serviços de Comunicação Eletrônica e de Telecomunicações _ tratavam de acalmar o ânimo dos radiodifusores, assegurando que o apagão da TV analógica (o famoso switch off, quando o sinal analógica é desligado e a localidade passa a ser atendida apenas pelo sinal digital) será feito de forma planejada, com algumas cidades adiantando o cronograma inicial, previsto para junho de 2016, e outras, especialmente do interior, adiando.
    Está claro que o governo iniciou uma corrida contra o tempo para “limpar” a faixa dos 700Mhz, hoje ocupada pelos sinais de TV analógica especialmente nas grandes. Segundo Flavio Lenz, assessor da Secretaria de Telecomunicações do MiniCom, 1,062 mil cidades precisarão ter a TV aberta analógica “desligada” para dar espaço para a banda larga LTE. Mas isso não pode ser feito em prejuízo da boa recepção do sinal de radiodifuão.

    Fonte: http://idgnow.uol.com.br/blog/circui...s-frequencias/



  3. Tem uma apresentação elaborada pela ANATEL, mas não consegui anexar. Segue o link:
    http://www.google.com.br/url?sa=t&rc...47008514,d.dmg

  4. Essa apresentação da ANATEL, explica as possíveis combinações de alocação dos canais.

    A faixa total tem mais de 100 MHz. (698 a 806 Mhz)

    Me parece que preliminarmente, os estudos apontaram pela adoção do Arranjo Asiático (APT) pois existe uma harmonização mundial pela adoção desse arranjo. Nas Américas, somente EUA e Canadá não optaram por esse arranjo.

    O arranjo asiático possibilita o uso mais eficiente da faixa de 700 MHz, sendo possível, por exemplo, alocar 4 blocos (10+10 )Mhz e e 1 bloco (5+5) Mhz.

    Pra nós esse arranjo também parece favorável, pois poderiam ser leiloados 3 blocos mairoes (10+10) Mhz e um bloco menor (5+5) Mhz com abrangencia nacional, visando atender as 4 maiores operadoras. E um bloco (10+10) Mhz poderia ser leiloado com abrangencia regional, ou até mesmo com abrangência local (cidade por cidade), abrindo assim oportunidade para nós, Provedores Regionais.









Tópicos Similares

  1. Respostas: 13
    Último Post: 01-08-2013, 07:39
  2. Respostas: 44
    Último Post: 02-06-2013, 18:24
  3. Respostas: 0
    Último Post: 02-06-2013, 08:45
  4. SCM por 400,00 R$ e o que Dizem !!!
    Por Jaiso no fórum Redes
    Respostas: 36
    Último Post: 01-06-2013, 11:40
  5. SCM a 1.400,00 1.500,00 R$
    Por danilosceu no fórum Redes
    Respostas: 16
    Último Post: 21-09-2010, 16:01

Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L