Página 2 de 4 PrimeiroPrimeiro 1234 ÚltimoÚltimo
+ Responder ao Tópico



  1. Hoje é muito importante colocar um bom cache nos provedores.... A navegação melhora muito e a economia de banda é grande.

    Outra boa saída é vender velocidades diferentes para download e navegação, ex 2mb de navegação e 1mb download.

    Técnicas de burt tbm ajudam muito.


    Você precisa analisar seu tráfego como um todo e estruturar sua rede de acordo com sua banda disponível.

  2. Citação Postado originalmente por Arthur Bernardes Ver Post
    Negativo, as teles vendem Megabit, só vendem Megabyte se for link full dedicado! Eu tenho um plano Vivo Speedy de 8 megabits, mas a taxa real de transferência dá 1 megabyte de velocidade!


    Eu compro megabyte e poderia vender por megabit?

    Isso não seria ilegal perante a ANATEL?



  3. Tem certeza que nos contratos constam valores em bytes por segundo?
    Independente do valor, só ví até hoje valores em bits nos contratos.

    O fato de ser B ou b é irrelevante, o que mais tem é consultor semi-alfabetizado que não os sabe diferenciar.

    Independente da forma como se contrata, o trafego é o mesmo, se mede em bits ou em bytes isso é só aferição, não afeta a velocidade final nem a forma de comercialização, esqueça esse detalhe de "bits ou bytes".

  4. Citação Postado originalmente por rubem Ver Post
    Você compra 10Mb dedicado. Você "pode" entregar pros seus clientes coisa baixa tipo 30% da banda contratada. Você tem digamos 50 clientes e uma media de 30 ativos, divide 10M por 30, dá 333Kbps, ou seja, 33% dos 1Mb contratados. Mas isso só aconteceria em alguns instantes, difícil 30 clientes consumirem 10Mb, então geralmente seus clientes teriam sempre algo acima dos 60% da banda contratada.

    10Mb custariam então R$ 2.200, dividindo por 50 cliente dá R$ 44 pra cada, aí complica.

    Mas... você compra 20Mb, tem 200 clientes, media de 120 online, MAS... desses 120 uns 30 usarão muita banda, a maioria vai apenas abrir uma pagina a cada 2 minutos, de modo que ao todo raramente chegará a uns 15 ou 16Mb de uso. Agora a coisa melhor, R$ 4.400 dividido por 200 clientes dá R$ 22 pra cada, se cobrar algo na casa dos R$ 49,90 por 1MB acredito que está na media de preços do interior.

    (Com 20Mb eu arriscaria 250 clientes de 1Mb. Com 10Mb eu arriscaria uns 100 clientes dessa banda, mas isso varia conforme o perfil dos usuarios, pode ter gente que só usa de dia (Ou pequenas empresas), outros só a noite, pode ter taxa de clientes conectados tipo 30% (Meu caso, 2/3 dos clientes se conecta 1h por dia...), pode ter apenas clientes que navegam e nunca usam gerenciador de downloads... enfim, pode ter um consumo geral bem pequeno. Mas... se atender muito adolescente, ou gente viciada em youtube e cia, pode ter consumo alto, cliente desse perfil não é desejavel, por isso alguns usam burst, que na navegação afeta pouco, mas afeta muito os downloads)

    Mas... comprando 10 ou 20Mb você não pagará o mesmo que se comprar 1 ou 2Mb, imagino que a Copel cobre R$ 220 por 1Mb, mas por 20Mb deve cobrar uns R$ 2.500.

    (E aqui pago mais de R$ 1000 por MB... não tem como ser competitivo, só "existo" porque as grandes operadoras tem uma area de cobertura pequena e poucas portas dslam... concorrer com grande operadora comprando link pequeno de 2 ou 5Mb não dá, ou você concorre com cobertura maior ou com baixo preço, e baixo preço só se consegue com link maior e mais clientes)
    Pois é rubem, eu recebi uma proposta da GVT para 10 mega a algo em torno de R$ 2.500,00 porém como estou com pouquissimos clientes ainda creio que não me interessa, pretendo sim colocar link dedicado mas apenas quando a grana que entrar der para cobrir o custo da mesma. A maior parte dos meus clientes usar apenas coisas simples, face, youtube etc. A maioria não usa gerenciador de downloads etc, e se a internet ficar um pouco que seja lenta é por pouco tempo e eles acabam entendendo. Pretendo pelo menos por enquanto continuar com link comum e colocar um PC para fazer cache sei lá, talvez um thunder cache ou até um bfw lusca já que este segundo pede uma máquina mais leve.



  5. Com banda pequena (Menos de 10Mb) acho que não compensa usar cache, com poucos clientes a chance de 2 ou 3 deles acessarem o mesmo conteúdo no cache é pequena, é uma maravilha acessar um video do Youtube no cache, mas quem disse que todo mundo acessa os mesmos videos?

    Com 20 ou 25 clientes online eu nunca via mais que 2 ou 3 acessos a arquivos acima de 1MB no cache (Em 30 dias), o que tinha muito acesso eram imagens estaticas dos sites (Capa), mas isso são arquivos de 20 ou 30KB, a diferença final de carregamento da pagina muda muito pouco, ninguem nota.

    Digamos que o percentual de economia de link diminui logaritmicamente quando diminui o numero de usuarios, só deve existir economia de link tipo 10% com algo acima dos 150 clientes.

    Já se o link é muito pequeno, acho que compensa um cache com muito armazenamento, com digamos apenas 1 HD Sata3, mas bem espaçoso tipo 2TB, uns 16GB de Ram, nem precisa grande poder de processamento, talvez um Pentium G3220, ele teria resposta lenta (Comparado a um Xeon com 4 HD's Sata2 em raid) mas ainda seria mais rapido que o link pequeno, e com HD grande poderia manter mais conteúdo cacheado e por um periodo maior (Mais de 30d talvez). Acho que isso vale o teste.






Tópicos Similares

  1. duvidas em programação de java!!!
    Por kenh rythfield no fórum Linguagens de Programação
    Respostas: 0
    Último Post: 23-05-2005, 14:20
  2. Duvida em troca de estrutura Wireless.
    Por clistenis no fórum Redes
    Respostas: 2
    Último Post: 30-03-2005, 10:36
  3. Valor de Links
    Por foxibr no fórum Redes
    Respostas: 7
    Último Post: 13-10-2004, 09:34
  4. Dúvida em exclusão de arquivos
    Por odbc no fórum Servidores de Rede
    Respostas: 5
    Último Post: 27-04-2004, 16:16
  5. duvida em redes de acesso
    Por no fórum Servidores de Rede
    Respostas: 0
    Último Post: 12-02-2004, 00:42

Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L