+ Responder ao Tópico



  1. Ola galera

    To aqui com uma situacao meio engracada, mas q nao deixa de me tirar um pouco de sossego.
    Acontece que tenho em minha rede um servidor rodando Mk Auth que faz gestao de clientes PPPoE e Hotspot. Este servidor ta conectado a uma RB "Concentrador" e que por sua vez vai para um Switch e dai para torres que estao em Bridge, e por ultimo CPEs que ficam nos clientes. As torres nao tem nenhum endereco oque me dificulta acessar eles por Ip, que seria mais pratico e rapido.
    Minha questao e: Que enderecos coloco nelas? Resolvi primeiro consultar aqui para nao correr risco de colocar um endereco, a torre ficar inacessivel, sair da rede e eu ser obrigado a ir la para reverter isso. Quando conectado directamente no switch, eu consigo acessar todas torres por MAC.
    Outra questao seria: Eu ja vi alguem atribuir um endereco a uma interface e depois coloca-la em bridge com uma outra interface e ainde assi funcionar. Eu sei que o normal e atribuir o endereco a Bridge, mas eu gostaria de saber qual o impacto de cada um desses metodos e qual a melhor.
    Valeu pela atencao

  2. Citação Postado originalmente por Norito Ver Post
    Ola galera

    To aqui com uma situacao meio engracada, mas q nao deixa de me tirar um pouco de sossego.
    Acontece que tenho em minha rede um servidor rodando Mk Auth que faz gestao de clientes PPPoE e Hotspot. Este servidor ta conectado a uma RB "Concentrador" e que por sua vez vai para um Switch e dai para torres que estao em Bridge, e por ultimo CPEs que ficam nos clientes. As torres nao tem nenhum endereco oque me dificulta acessar eles por Ip, que seria mais pratico e rapido.
    Minha questao e: Que enderecos coloco nelas? Resolvi primeiro consultar aqui para nao correr risco de colocar um endereco, a torre ficar inacessivel, sair da rede e eu ser obrigado a ir la para reverter isso. Quando conectado directamente no switch, eu consigo acessar todas torres por MAC.
    Outra questao seria: Eu ja vi alguem atribuir um endereco a uma interface e depois coloca-la em bridge com uma outra interface e ainde assi funcionar. Eu sei que o normal e atribuir o endereco a Bridge, mas eu gostaria de saber qual o impacto de cada um desses metodos e qual a melhor.
    Valeu pela atencao
    voce que utilizar para acessar remoto, ou local se for local pega uma faixa que sai para os clientes por estar em bridge, agora se for remoto depende quantidade de ip publico que voce tenha!



  3. Citação Postado originalmente por victordavid Ver Post
    voce que utilizar para acessar remoto, ou local se for local pega uma faixa que sai para os clientes por estar em bridge, agora se for remoto depende quantidade de ip publico que voce tenha!
    Ta bom, mas assim nao consigo acessar as torres apartir de minha casa, por exemplo, porque la eu acesso por PPPoE que ta roteado. Assim o esquema ta assim:
    Rede do Hotspot: 192.168.1.0/24
    Rede do PPPoE: 10.10.10.0/24
    Minha LAN em casa: 197.168.1.0/24

    Como ve, eu preciso acessar a torre que na sua opniao devera estar na rede do Hotspot, se que bem entendi. E ai tem como eu acessar desse jeito sem ter que ficar mudando as configuracoes da minha CPE ora pra PPPoE, ora pra Hotspot?
    Obrigado

  4. O ideal seria segmentar a sua rede, fazendo roteamento e tirando a bridge, mas você também pode criar uma faixa de ips qualquer na bridge que está no seu concentrador, e colocar os ips nas Rb's da mesma faixa, só com isto você já vai acessa-las por ip. Não esquecendo que é preciso apontar uma rota em cada rb para o seu gateway que nesse caso vai ser o concentrador se eu entendi corretamente. Com isso de dentro da sua rede vai ser possível acessar todas as Rb's, e caso o acesso seja externo, basta criar alguns Direcionamentos usando DST-NAT na sua borda.



  5. Amigo eu tenho acesso a todos equipamentos da minha rede que estão nas torres em modo bridge mas eu uso na minha casa uma rb750 eu fiz uma regra nessa rb e mesmo eu conectado a um roteador wireless eu acesso normalmente todos os equipamentos ubiquiti.

    Faça o seguinte se a faixa dos seus equipamentos forem ex:10.1.1.254, vai na rb adiciona um ip da mesmo faixa dos equipamentos.
    IP>ADDRESS
    address: 10.1.1.200/24
    Network: 10.1.1.0
    interface: Entrada

    Depois faça uma mascaramento da porta de entrada
    IP>FIREWALL>NAT
    Chain: srcnat
    Out. Interface: Entrada
    Action: masquerade

    Dessa forma você vai ter acesso a todos os equipamento que estiverem nessa faixa de ips mesmo eles estando em bridge e sua rede trabalhando com outras faixas de ips de saída, no caso eu recebo internet do provedor em pppoe que a rb750 faz discagem e funciona perfeitamente.
    Clique na imagem para uma versão maior

Nome:	         te.jpg
Visualizações:	61
Tamanho: 	97,5 KB
ID:      	50081

    OSB: cada equipamento precisa de ter um final de ip diferente, se você mudar o ip de equipamento AP em bridge não vai parar sua rede não fica tranquilo só não esqueça qual ip cada equipamento usa.






Tópicos Similares

  1. Respostas: 0
    Último Post: 06-12-2015, 11:22
  2. AS, BGP, OSPF Router Borda por POP
    Por victordavid no fórum Redes
    Respostas: 11
    Último Post: 03-01-2014, 08:56
  3. squid+iptable-smtp.pop
    Por APeixoto no fórum Segurança
    Respostas: 3
    Último Post: 27-09-2002, 17:12
  4. Regra para habilitar pop e smtpo no Ipchains
    Por no fórum Servidores de Rede
    Respostas: 1
    Último Post: 08-09-2002, 23:09
  5. Regra para habilitar pop e smtpo no Ipchains
    Por no fórum Servidores de Rede
    Respostas: 2
    Último Post: 04-09-2002, 15:23

Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L