+ Responder ao Tópico



  1. Padrao 802.16m o "WIMAX 2" ja vem sendo utilizado no Japao em Toquio, a empresa UQ WIMAX ( http://www.uqwimax.jp ) ja tem sucesso com o WIMAX 2 e as velocidades oferecidas ja sao maiores que as do LTE em 800mhz utilizado em Toquio .


    O WIMAX2 utiliza a frequencia 2.6ghz a 20mhz em Toquio a empresa UQ WIMAX promete velocidades de ate 110mbps para o Wimax2 em media as velocidades ja estao sendo de ate 30mpbs, da uma olhada nesse video adiante o video para 4:45 esta tudo em japones é aonde o cliente faz o teste no speedtest.net .


    O dispositivo movel da UQ WIMAX mais utilizado e o "wifi walker NAD11" da NEC
    Clique na imagem para uma versão maior

Nome:	         NAD11_01444.jpg
Visualizações:	67
Tamanho: 	38,7 KB
ID:      	54675Clique na imagem para uma versão maior

Nome:	         NAD11_FT_06.jpg
Visualizações:	70
Tamanho: 	82,6 KB
ID:      	54676Clique na imagem para uma versão maior

Nome:	         nad11-01.jpg
Visualizações:	58
Tamanho: 	127,8 KB
ID:      	54677
    Especificaçoes do produto COLOQUE NO GOOGLE CHROME E MANDAR TRADUZIR:
    http://www.necat.co.jp/wimax/support...ad11/spec.html

    Pelo jeito que as coisas andam no LTE que as operadoras de celular ja fizeram o compromisso de utilizacao por causa da boa compatibilidade com o GSM E HPSA seguirá para as grandes teles e o WIMAX2 sobrará para nos em um futuro que creio eu nao muito longínquo .
    Agora eu pergunto para os amigos e a fibra vai ficar para o que mesmo ?????? Cliente final??????
    Fica a pergunta e a dica .....
    Outro video de demostraçao adiantar até 8:20 min. tudo em japones .

    Clique na imagem para uma versão maior

Nome:	         wimax 2.png
Visualizações:	71
Tamanho: 	369,5 KB
ID:      	54681 .

  2. E ai ??? O assunto morreu? Não se comenta mais nada



  3. Alguma novidade?

  4. O @speedpc reportou que andava com muito trabalho e por isso ia devagar... mas não estava parado.

    Ampliando a questão do aumento de banda por parte dos usuários, ontem estava vendo um doc no NatGeo sobre 3G/4G.
    O doc reportava a situação em Londres. Nós imaginavamos que lá a coisa era muito, mas muito superior...
    Não é tão diferente não. Eles tem os mesmos problemas que nós com relação a acessos.
    A apresentadora fez um teste rápido. Colocou dois equipamentos na mesa e disparou o acesso ao mesmo arquivo. Enquanto no 4G já estava na tela rodando, o 3G estava lá ainda carregando o arquivo.
    E o 4G no reloginho atingindo 87mbps..

    Depois entrevistando várias pessoas, a reclamação é a mesma. Demora muito...no 3G.. ( imaginem nós aqui, então..)
    Não que demore tanto, mas é que a maioria nem conheceu o tempo da discada.
    Tudo anda a passos acelerados hoje em dia. O consumidor quer tudo na ponta dos dedos imediatamente.
    Os conteúdos são papa-banda... não há banda que chegue. E amanhã serão mais exigentes ainda.
    Por outro lado a questão da adequação das operadoras a tudo isso também é complicada. Elas não estão conseguindo acompanhar o desenvolvimento acelerado.
    Como disse uma pessoa, aqui em Londres até chegar fibra a todo canto vai demorar muito por isso o 4G é a esperança deles.
    Se lá é assim, imaginem no Brasil. Então a fibra não vai ser tudo aquilo que se gostaria em termos de infraestrutura. Vai ter que ter o wireless em grande estilo.

    E o 4G com certeza vai suprir esta lacuna entre a necessidade de consumir banda e a capacidade de expansão das estruturas.
    Mostrou um penmodem da Sansung, com um logo 4G bem grande estampado.
    E fazendo o maior sucesso.

    Mas para nós, 4G, LTE etc etc é ainda uma "mosca branca". Quando muito um Wimax. E já vai ficar de bom tamanho... seja pelo menor investimento, seja pelo que vai se conseguir de banda.

    Agora a grande questão é: como conseguir a liberação da faixa apropriada para isso?
    Pelo que o @speedpc postou, equipamento já está disponível lá fora... Se não houver uma pressão interna a coisa não vai mesmo... e individualmente ou só participando em forum não vamos ter este poder de pressão... precisamos é ter representatividade e para isso não basta só boa vontade. Precisa haver recursos, precisa haver coesão de ideias. Terminar com este negócio que o concorrente quer nos prejudicar.
    Na prática isso acontece, ele quer mesmo nos arrebentar, só que ele não se dá conta que vai continuar lutando isoladamente, pensando só no seu "cocho" de alimentação. Pode até derrubar seu provedor vizinho mas não está vendo que os grandes estão se articulando, tem representatividade e pior de tudo, vemos o poder público embarcando neste navio e dizendo que vai proporcionar acesso universalizado a rede mundial.

    E com o tempo ele, "concorrente vitorioso" entre os provedores independentes também vai estar sozinho e vai dar com os burros n'agua, pois não vai aguentar a concorrência dos grandes. E daí vai fugir para onde?
    Que música para os ouvidos do consumidor, que "tlin, tlin" para os cofres dessas empresas são estas declarações dos políticos.

    Mais um pouco e o "bonde passou" e os pequenos vão mais uma vez ficar a margem da história.
    Esta mentalidade que existe na maioria dos pequenos precisa mudar... Teu concorrente não é teu vizinho provedor. Teu concorrente é uma grande tele.
    Não adianta dizer que teu provedor tem um bom serviço, qualidade, atendimento etc etc... O atendimento da OI é péssimo e assim mesmo eles estão captando clientes a passos largos...
    É o poder do grande se fazendo valer. Teu serviço pode ser nota 10 mas se tu não tiver poder de oferecer planos cada vez maiores, vai ficar para trás.
    Se tu não tiver como acompanhar principalmente a tecnologia wireless vai ficar também... não se iludam, nem só de fibra vive um provedor. O ideal seria um mix de meios para atingir um objetivo que é oferecer mais banda.



  5. Boa tarde galera e saudaçoes!!!!! O projeto WIMAX para pequenos provedores em faixa de frequencia 3.5ghz esta de pé ainda, o negocio não morreu e chegamos ate uns 72 associados e parou de chegar solicitaçoes como eu disse anteriormente o projeto da 3.5ghz para PTMP seria por volta de R$18.000.000 pagos em 10 anos isso daria cerca de 1000 reais mensais para cada um dos 150 associados mas o que precisamos tb é que estes provedores nao atuem na mesma cidades, isso nos daria maior competitividade em termo nacional do projeto 4G das grandes teles poderiamos criar um mapa de cidades que atuam com o Wimax assim os nossos clientes poderiam ter a opçao de quando sair da area de cobertura da empresa da cidade que ele reside, ele possa encontrar na cidade que ele visita uma empresa da associaçao que tenha WIMAX 3.5ghz disponivel para uso temporario como um plano hotspot temporario isso nos daria uma senhora vantagem contra as grandes teles, entao entendendo um pouco da dificuldade de conseguir os provedores LICENCIADOS e tb em cidades estrategicas para o bem da associaçao e perpetuaçao de seu futuro . No mais galera estou realmente meio ocupado por motivo do projeto 802.11AC que estou implantanto na empresa hj graças a Deus atuamos em 6 cidades e somente dentro da cidade que eu resido e onde comecei tudo, tenho 8 enlaces para trocar para preparaçao da rede wireless PTMP AC estou com alguns problemas em termo de falta de equipamento AC no mercado e quando acha é caro demais mas estamos indo devagar, no mais galera estamos a procura de mais provedores para a associaçao e uns dos grandes problemas que tenho visto é a falta de informaçao de muitos provedores acerca do WIMAX isso dificulta um pouco a procura por empresas licenciada .






Tópicos Similares

  1. Respostas: 13
    Último Post: 03-12-2015, 12:33
  2. Alterar valor de uma address-list através de script..
    Por paullsoftware no fórum Redes
    Respostas: 2
    Último Post: 07-05-2014, 20:58
  3. Respostas: 17
    Último Post: 06-12-2011, 14:40
  4. Respostas: 2
    Último Post: 29-05-2010, 13:13
  5. Respostas: 2
    Último Post: 07-07-2005, 22:53

Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L