+ Responder ao Tópico

  1. Bom dia,

    Eu usei 5 caixas com splitters de 1x16 e tem sinal bom. Se trocarmos para splitters de 1x8, podemos atender as 8 caixas perfeitamente.

    Se possível, usando o mesmo esquema de desenho que eu usei acima, desenhe toda a malha dessa porta PON, informando onde terão as caixas de 1x8, que eu faço os cálculos para você.

    Abraço
    Gabriel Mineiro

  2. Olá, @gamineiro. Obrigado pela atenção.

    Aqui está a ilustração da malha na porta PON:

    Clique na imagem para uma versão maior

Nome:	         porta3.png
Visualizações:	266
Tamanho: 	8,1 KB
ID:      	59255

    Há um outro caso onde preciso dividir a fibra que sai da porta PON em 2 (1:2 balanceado), e em cada uma dessas 2 fibras, colocar 4 CTOs, todas em série, normalmente, sem ramais. Já tentei com splitters 5/95, 10/90, 15/85, 20/80, 25/75, 30/70 e 35/65, e com nenhum eu consigo fechar a conta das perdas.

    Eu calculei 14dB de perdas, sem contar os splitters no caminho e todas fusões: 1dB dos conectores de campo no cabo drop (2x 0,5db) + 10,8dB na CTO (10,5dB do splitter 1:8 + 0,3dB do conector do splitter) + 1,2dB por distância (3Km na CTO mais longe) + 1dB dentro do CPD (conectores no DIO e no cordão para a OLT).

    Como a saída da OLT é de +2dB, apenas nisso eu tenho -12dB de sinal. A perda máxima, totalizando splitters no caminho e fusões tem que ser de -16dB (ou -14dB, para dar uma margem de 2dB), e isso já é estourando o limite de -28dB da ONU. Estou certo ou errei em algo nesse cálculo?

    Não consigo ter apenas -16dB de perdas de maneira alguma. O melhor resultado foi com splitters 10/90, onde na última caixa o total de perdas é -15,9dB, mas já ficou muito no limite, e ainda falta somar as fusões, que devem totalizar quase 1dB de perda.

    Muito obrigado pelo seu interesse em ajudar, @gamineiro.
    Até logo.




  3. Boa noite,

    Talvez esteja tendo com a dimensão errada sobre as distâncias das caixas, mas digamos que você use ao menos um cabo com 4 fibras. Veja se com esse exemplo resolveria o seu problema.


    Clique na imagem para uma versão maior

Nome:	         Desenho Rede PON.pdf
Visualizações:	71
Tamanho: 	104,7 KB
ID:      	59294

    Caso haja interesse de expansão, ainda podemos igualar mais os sinais das pontas, efetuando a troca do splitter 50/50 por um 30/70.

    Abraço
    Gabriel Mineiro

  4. Citação Postado originalmente por gamineiro Ver Post
    Boa noite,

    Talvez esteja tendo com a dimensão errada sobre as distâncias das caixas, mas digamos que você use ao menos um cabo com 4 fibras. Veja se com esse exemplo resolveria o seu problema.


    Clique na imagem para uma versão maior

Nome:	         Desenho Rede PON.pdf
Visualizações:	71
Tamanho: 	104,7 KB
ID:      	59294

    Caso haja interesse de expansão, ainda podemos igualar mais os sinais das pontas, efetuando a troca do splitter 50/50 por um 30/70.

    Abraço
    Gabriel Mineiro
    Olá, @gamineiro.

    Muito obrigado pelo exemplo.

    Eu tenho calculado aqui mais 5dB de perdas na rede além dos splitters. Sendo assim, considerando apenas perdas com splitters, o sinal tem que chegar com no mínimo -23dB de potência depois da CTO, e isso já é estourando o limite de -28dB da ONU.

    Com base no seu exemplo eu fiz algumas alterações e acho que ficou perfeito: troquei os dois últimos 10/90 por um 30/70 e um 50/50, consecutivamente. Desse jeito o menor sinal é de -25dB, já somados os 5dB que mencionei. Os outros são -24,5dB, -23,9dB e -23,5dB, tudo bem equilibrado.

    Sendo assim, parece que é complicado mas não é impossível trabalhar com esses splitters desbalanceados.
    Só estou achando estranho essa mistura de vários splitters diferentes, mas deve ser apenas minha obsessão por simetria...

    Agora é achar uma solução para o outro problema, onde preciso dividir a fibra saindo da porta PON em 2, e em cada ponta colocar 4 CTOs, sem usar splitter 1:4.

    De qualquer forma, acho que vou fazer o projeto inicialmente com dois níveis de splitters 1:8, mesmo que gaste muitas fibras. Na outra forma terei que comprar centenas de splitters, o que encarece o projeto. Já estou atrasado nesse projeto também...
    Quando eu precisar de fibras para expansão, PTP, ou qualquer outra coisa, começo a migrar para o uso de splitters desbalanceados.

    Novamente, muito obrigado pela atenção, @gamineiro.
    Até logo.

  5. Desenterrando o tópico.

    Vou precisar atender, via fibra (Ponto a Ponto), um cliente a uma distância de 12Km.

    Como esta fibra irá percorrer alguns locais estratégicos, gostaria de já deixa-la semi preparada para uma futura implementação de uma rede PON.

    Estou com algumas dúvidas básicas:

    - O que determinada a DISTÂNCIA máxima entre a OLT e uma ONT/ONU:
    O padrão (EPON 10km e GPON 20km)?
    As atenuações (emendas, divisores (splitters), aclopadores e etc) no percurso da fibra?
    Fabricante da OLT/ONU?
    Todos acima?

    - O que determina a CAPACIDADE (Mbits) TOTAL da solução?
    O padrão (EPON 1,2/1,2 e GPON 1,2/2,4)?
    Fabricante da OLT/ONU?
    Ambas?

    - O que determina a CAPACIDADE (Mbits) final POR USUÁRIO?
    As divisões (splitters)?
    As atenuações (emendas, divisores (splitters), aclopadores e etc)?
    Ambas?







Tópicos Similares

  1. Impressora Lazer jet 5M em rede!
    Por Webiano no fórum Servidores de Rede
    Respostas: 0
    Último Post: 22-03-2003, 09:44
  2. adsl x acesso em rede(urgente)
    Por no fórum Servidores de Rede
    Respostas: 3
    Último Post: 05-02-2003, 11:06
  3. adsl x acesso em rede(urgente)
    Por no fórum Servidores de Rede
    Respostas: 0
    Último Post: 17-01-2003, 14:31
  4. Respostas: 42
    Último Post: 27-12-2002, 17:54
  5. 2º Servidor DNS em rede interna (Intranet)
    Por AndrewAmorimdaSilva no fórum Servidores de Rede
    Respostas: 3
    Último Post: 11-10-2002, 21:26

Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L