Página 3 de 3 PrimeiroPrimeiro 123
+ Responder ao Tópico



  1. Isso, teria que fazer um monte de pontos de entrada de alimentação nos colineares, algo tipo umas duzias pra 25dBi.

    Mas aí o cabo que vai pelos lados dos elementos colineares ia atrapalhar então seria melhor fazer 2 antenas com pequenos slots (Não com elementos colineares) de 180° uma de costas pra outra, aí você pode dividir a entrada e colocar ela em vários pontos no meio.
    Não tenho certeza se chegaria mesmo a 25dBi, tem setorial nesse estilo só até 21dBi. Mas já é alguma coisa.

    Só que se uma colinear (Que é só um fio com uma duzia de soldas) custa R$ 150, uma nesse estilo (Varios slots com alimentação lateral) ia custa 10x mais, e ia ser muito mais pesada.

    O que as setoriais AMO da Ubiquiti tem é isso, só que.... a de 10dBi já custa R$ 800, e pra subir pra míseros 13dBi é tanto elemento a mais que o preço já sobe R$ 200 (Vai pra casa dos R$ 1 mil no mínimo). Pra subir pra 15dBi provavelmente iria pra R$ 1,5 mil, e daí pra 18dBi talvez ia ficar tão grosso e pesado que seriam uns R$ 2,5 mil!

    Ainda que faça em fundo de quintal, pra fazer uma colinear bem feita vai umas 5 ou 6 horas, mas pra esse sistema de micro slots com entrada lateral exige não só trabalho mas material, se usar placa de fibra fica caro e pesado, melhor usar fita de poliamida em camadas, e colocar uma camada com cobre, "prensar" ela entre um fita de poliamida e uma de plastico barato ("Fita crepe"?), ia gastar talvez umas 30 horas só pra uns 12dBi, e se for chegar nuns 18dBi (Não consigo imaginar ir além) acho que umas 60 horas de trabalho e muito material. Não tem como trabalhar tanto e vender a porcaria de fundo-de-quintal no MercadoLivre por menos de uns R$ 700 ou 800, e isso ia te pagar incríveis R$ 12 por hora trabalhada, até fazer faxina ou carpir lote paga melhor.

    Seria assim, a antena de cima nesse desenho é uma omni típica, a alimentação vai por baixo, e so, cada elemento tem uns 2dBi, então 6 elementos desse dá uns 12dBi.
    Clique na imagem para uma versão maior

Nome:	         alimentacao.lateral.jpg
Visualizações:	23
Tamanho: 	12,5 KB
ID:      	61888

    Só que pro sinal percorrer toda a antena e chegar até em cima demora demais. Quanto mais elementos, mais lento.

    Aí tem a opção de baixo da imagem. Nela a alimentação é pelo lado.
    De novo cada elemento tem uns 2dBi, são 8, 2x8=16dBi. Só que... essas divisões em Y na lateral tem perda, digamos que tem 1dBi de perda em cada. São 3 delas, então 3dBi a menos, e 16 - 3 = 13dBi.

    Ou seja, colocou 2 elementos a mais pra ter só 1 dBi a mais.

    Quanto mais elementos, mais divisores vai precisar, quanto mais divisores mais perda, então pra passar de 17 pra 18dBi talvez teria que aumentar uns 10 elementos.

    Uma setorial de 120° ou 90° nesse esquema fica UM POUCO mais simples porque ela não depende só de sinal que chegar direto nos elementos, ela depende de sinal refletido no espelho no fundo da setorial. Se sabe que um espelho de 40x40cm na forma de disco faz um elemento patch de 2dBi formam um conjunto chamado "antena direcional de 24dBi", quem dá o grande ganho é o espelho que concentra/espalha sinal. Setorial de 15dBi nesse esquema não é tão difícil, mas omni desse valor... putz... ia precisar provavelmente uns 30 elementos e 100m de trilhas em divisores.

    Caso alguém pense em fabricar setoriais 120° e colocar 3 de costas, também tem a perda na divisão, nada muda, cada setorial tem 15dBi, mas colocando as 3 de costas o divisor vai perder uns 2 ou 3dBi, na prática vai ter emissão omni de 12dBi, mas pelo custo gigante de 3 setoriais de 15dBi (Que vão ser subutilizadas). De qualquer maneira não é lucrativo (E sim dá prejuízo).

    Fora que quem está na "fronteira" entre 2 antenas vai entregar pra uma com nanosegundos de atraso com relação à outra, ocorre o efeito multipath, o pacote chega com pequenos ecos, isso diminui o throughput (Mas não o nível de sinal) por que cada símbolo no ato da transmissão tem essa recepção com pequenos atrasos chegando como uma forma de rabo:
    Clique na imagem para uma versão maior

Nome:	         bdc8dcae1318.gif
Visualizações:	27
Tamanho: 	15,0 KB
ID:      	61889


    Pra evitar isso precisaria esses divisores bem calculados em cada elemento, só emendar 3 antenas prontas não fica perfeito e sim cria uns probleminhas adicionais (Que não são o fim do mundo, mas que não existem usando as setoriais uma isolada da outra, cada uma com seu rádio e no seu canal distante da vizinha) fora que tem ganho menor, você paga mais caro pra ter solução pior.

    (Provavelmente 3 setoriais de 14dBi com divisor vão dar na mesma em throughput que uma omni colinear de 10dBi, não adianta subir o nível de sinal em 1 ou 2dBm se o throughput será limitado por erros nos pacotes)



    Mas calma que nem tudo é luto. Se for pra conexão móvel ninguém ficará muito tempo na fronteira mandando sinal de modo a chegar com delays diferentes nas antenas setoriais "emendadas", em sistemas pra conexão móvel os gargalos são outros (Sinais ruins), então essa perda é insignificante. Essa idéia é ruim pra gente que usa conexão fixa, mas se souber mapear o alcance da antena e não colocar gente com alto tráfego nos rumos onde teria muito sinal em 2 antenas, também não terá problemas graves.

    Então isso (Setoriais emendadas) é solução pra casos específicos, via de regra é uma idéia péssima mas em 2 ou 3 situções (E não pra dividir internet como vizinho e menos ainda pra provedor típico) ela serve bem, esses defeitos não são importantes nalguns usos.

  2. a melhor dica compra uma antena grid da aquario e uma amplificador wireless no mercado livre tem de varias potencia 2w, 4w, 6w, 8w, o melhor é 8w de potencia aposto q o sinal vai fica muito forte fora e dentro...



  3. Amplificador é pra incompetente e CRIMINOSO (Existe legislação estabelecendo limite, resolução 506 da Anatel).

    Wifi é bidirecional, não adianta o sinal em um sentido ter potência alta se no outro não tiver, ocorre perda de pacotes aos montes além de poluir o espectro. Amplificador é pra enganar noob que só sabe olhar nível de sinal como se isso fosse o resumo da qualidade.

    Com 100mW e antena posicionada direito o incomodo na vizinhança é mínimo. Pra precisar 8W onde 0,1W resolvem precisa ser absolutamente incompetente.

    Amplificador e aquelas antenas caseiras de 25dBi do ML estão no mesmo patamar, só servem pra enganar quem acha que nível de sinal é tudo.

    Fora que amplificador não tem filtro seletivo na entrada (O chipset tem, o amplificador não. O AGC do chipset amplifica só o canal em uso, esses lixos for noobs amplificam o espectro todo), se um AP do lado tiver sinal muito alto, ele vai tornar ele mais alto ainda, cria intermodulação em canal vizinho, e em 2,4GHz um canal de 20MHz está sobreposto em vários outros, o filtro passa-faixas do chipset é de 20 a 30dB no canal vizinho, se colocar um amplificador de 30dB vai simplesmente compensar isso e tornar os sinais vizinhos tão legíveis quanto os do canal em uso, o ADC vai ter 10x mais material pra trabalhar, o AGC idem, vai sobrar pro processamento do chipset, e comer processamento significa perder throughput. Mas usuário de amplificador mal sabe o que é banda passante, só sabe ver sinal...






Tópicos Similares

  1. Respostas: 5
    Último Post: 08-04-2016, 07:43
  2. CPE AQUARIOS 25 DBI ( nao presta ? )
    Por saldanhabr no fórum Redes
    Respostas: 42
    Último Post: 17-03-2014, 23:27
  3. Nanostation com antena externa de 25 dbi
    Por kamui no fórum Redes
    Respostas: 4
    Último Post: 19-11-2012, 07:32
  4. Respostas: 15
    Último Post: 31-01-2011, 16:35
  5. Respostas: 8
    Último Post: 21-11-2010, 20:32

Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L