Página 2 de 3 PrimeiroPrimeiro 123 ÚltimoÚltimo
+ Responder ao Tópico



  1. e isso mesmo, nao tem como fazer na pratica, e nem na teoria, omni de 25 dbi, quanto mais elementos mais reativa fica a antena , e as perdas somadas nunca vao ser menores que o ganho que cada elemento proporciona.

  2. Citação Postado originalmente por ronei10 Ver Post
    Se for começar com isso. O bom eh que nem começe. Desculpe essa eh minha opinião com todo respeito.
    Sim amigo, eu também concordo, abri esse tópico pr mostrar a meu amigo que essa antena é uma bomba, pra ele ver a opniao da galera !



  3. Bom trabalho educar também ajuda e essa eh a missão desse forum

  4. Ter 25dBi até pode ter.

    Mas com qual VSWR?

    E com qual angulo de downtilt?

    Nesse caso de fabricantes de fundo de quintal eu duvido que tenha 25dBi, porque o que eles fazem aparentemente é somar que antena omni colinear comum de 8 elementos tem 8dBi, então colocar 25 elementos vai ter 25dBi.

    Pessoal faz coisa nesse estilo
    http://wireless.gumph.org/articles/homemadeomni.html
    E tem sinal minimamente maior (E ver apenas nível de sinal não serve pra NADA) que antena de 5dBi, então deduzem que isso tem 6 ou 7dBi, logo, cerca de 1dBi por elemento.

    Outros projetos até calculam o ganho real conforme o número de elementos:
    http://www.nodomainname.co.uk/Omnico...4collinear.htm

    21 elementos = 10dBi de ganho, e 1,20m de comprimento.

    Aqui uma de 15dBi da TP-Link, ela tem uns 28 ou 29 elementos!


    Se for nessa progressão, pra ter 25dBi seria só ter uns 50 elementos ou mais. O menor elementos deveria ser um um elemento de 1/8 (Um oitavo) de onda. 2,45GHz tem onda na largura de 12,2cm, 1/8 de onda seria 1,5cm, até cabe numa antena de pouco mais de 1m. Mas... com 1/8 de onda o ganho com 50 elementos provavelmente fica nuns 15dBi.
    Pra ter algo tipo 0,5dBi de ganho por elemento, precisa ser elemento de meia-onda ou 5/8 de onda. Seria uns 6cm por elemento. 50 * 6 = 300.
    Ou seja, se for uma omni com uns 3m de comprimento, aí sim acredito que tenha uns 25dBi.
    Mas isso é ganho. Nada a ver com QUALIDADE.

    Quando tem poucos elementos, só 2 ou 3, a emissão pros lados é homogênea, irradia pros lados sem tanta variação:


    Mas quando coloca um monte de elementos, mais de meia duzia, digamos, a emissão é feita um elemento depois do outro, de modo que o sinal emitido pelo dipolo anterior "empura" o sinal do dipolo posterior pra "cima", isso gera um uptilt elétrico.
    Aqui a emissão de cabeça pra baixo, o sinal em vermelho (Mais alto) não vai todo pro lado:


    Se pegar a omni 15dBi da L-Com como referência, ela tem os elementos secundários mais pra cima:
    Clique na imagem para uma versão maior

Nome:	         om2415antpat-01.gif
Visualizações:	202
Tamanho: 	43,1 KB
ID:      	63111

    O modelo de 12dBi deles fas a mesma coisa, lóbulos secundários pra cima da linha do horizonte:
    Clique na imagem para uma versão maior

Nome:	         pattern_hg5812u_pro.gif
Visualizações:	395
Tamanho: 	51,7 KB
ID:      	63112

    (Olhe só o diagrama na vertical)

    Uma antena com ainda mais elementos vai emitir ainda mais pra cima, vira quase uma setorial de 180° apontada pro céu.

    Agora o outro fator de qualidade baixa é o VSWR. Uma omni de 15dBi:
    http://arxiv.org/pdf/1501.04834.pdf

    Logo no começo da página 2 está como S.W.R, é a mesma coisa, pode chamar de relação de onda estacionária, return loss, perda de retorto também. Está no datasheet como <=2.0.
    Isto é, menor OU IGUAL a 2.0.

    A omni Ubiquiti 5G 13dBi tem VSWR de 1.5, na maioria das setoriais também é 1.5, em bons equipamentos é geralmente 1.5 ou menor.

    Acho que isso explica melhor, uma onda azul vindo da esquerda é a onda que sai do roteador, a onda preta vindo da direita é a onda que a antena não emitiu pro ar (Porque NENHUMA antena tem 100% de eficiência, sempre reflete alguma coisa) e refletiu e está voltando pelo cabo (Ou seja, é onda que saiu do radio, bateu na antena e voltou), o resultado é esse casamento que acentua ou atenua uns pontos das ondas:


    Uma VSWR mais alta resulta em mais sinal sendo perdido (Não emitido na antena), mas o pior, resulta em um ou outro pico ou descida da onda sendo adulterado pelo reflexo.
    Numa transmissão de voz num rádio AM isso mal tem como notar. A diferença vem quando fazemos transmissão de milhares de bit por segundo, numa antena com VSWR alta as chances de distorcer um bit de um pacote de 1500 bytes é grande, dependendo do bit perdido, isso pode resultar na perda do pacote inteiro!

    É a situação onde o noob tem sinal bom, digamos "5 pausinhos" (É assim que leigos medem sinal. Pra que padrões técnicos se pode usar "pausinhos" como referência?) mas não trafega em throughput cerca de metade do datarate.

    Digo, num PTP bem feito, com datarate de 130Mbps, você trafega fácil mais de 65Mbps de throughput se tiver sinal de digamos -50dBm.

    Mas em casa, com antena omni lixo de 2dBi, com o mesmo sinal excelente de -50dBm ("5 pausinhos"), se trafegar 40Mbps de tráfego é milagre.

    Vejam que de 40 pra 65Mbps seria um aumento de 60%!!! Olha que throughput enorme que está perdendo, poderia ter tráfego 60% maior! Tudo culpa de pacotes perdidos, perde um ou outro bit aqui e ali e isso exige reenvio do pacote, se não tivesse esse reenvio de pacote (já enviado), poderia estar enviando pacote NOVO, que ainda não foi enviado, por isso dá diferença de trhoughput.

    Em provedor, a base tem que enviar pacote pra todo cliente, envia e espera resposta. Se o pacote é perdido, ela não envia pro próximo cliente, ela fica esperando o primeiro cliente responder que está ok, aquele pacote na fila tem que ser enviado e respondido, se ficar perdendo o pacote, o rádio vai gastar espaço na memória e gastar processamento pra reenviar ele, de novo está perdendo tempo com reenvio quando podia estar enviando pacote ainda não-enviado. Nesse caso não só diminui throughput, também gera delay maior na rede, jitter maior, e quanto mais clientes tiver, pior fica.




    Quanto a antena ser dual-band, também não é difícil. Um omni 2,4GHz comum de 5dBi vai ter 1 ou 2dBi em 5,8GHz.

    Dá pra ter antena dual com ganho similar ou igual, mas são elementos patch ou multiformes, de ganho baixo tipo 5 ou 6dBi.

    Então ainda que a antena com elementos colineares (Tecnologias de 1890 que só velho gagá usa) alcance 25dBi se for gigante, além de ter VSWR alta demais (Essas porcarias caseiras do ML devem ter mais de 2,5), emissão torta e com atraso no topo, teria 25dBi em 2,4GHz, mas em 5,8GHz teria VSWR ainda maior, e ganho bem menor tipo 17 ou 18dBi.

    Tem antena dual-band de mesmo ganho e mesmo VSWR em 2,4 e 5,8GHz, são digamos as antenas dos roteadores dual-band de mesa, tipo Bufallo, TPLink, Linksys, FritzBox, esses aparelhos de R$ 900 não usam essas tecnologias de velho ridículo chamada "antena colinear", eles tem antenas com um duto ressonador, um "guia-ondas", isso é produto feito por maquina com 0,05mm de precisão:
    Clique na imagem para uma versão maior

Nome:	         tp-link-tl-wdr3600_wi-f_antenna_insideb.jpg
Visualizações:	142
Tamanho: 	154,6 KB
ID:      	63114
    Fora que tem só 5 ou 6dBi.

    Se essas velharias ridículas de gente atrasada que são as omni colineares prestassem, os roteadores profissionais usariam.

    Outro tipo de antena dual-band, também 5dBi, tecnicamente também é dipolo, mas... em cima e em baixo tem elementos de polarização pra garantir mais qualidade, por isso pode ser dual-band, ter emissão ok, e ainda assim não tem VSWR alto tipo 2.0:
    Clique na imagem para uma versão maior

Nome:	         Dual-band-Dipole-2-4-5-8GHz-Antenna-5dbi-RP-SMA-Connector-Paddle-shaped-.jpg
Visualizações:	634
Tamanho: 	52,2 KB
ID:      	63115

    Aqui uma solução ainda melhor, nada de elemento colinear, e ainda por cima com filtro no meio:
    Clique na imagem para uma versão maior

Nome:	         602231896_297.jpg
Visualizações:	264
Tamanho: 	57,0 KB
ID:      	63116

    Não diz qual o ganho exato por frequência, mas internamente elas são iguais essa, que tem 4,5dBi em 2,4GHz, e 7dBi em 5GHz:
    http://www.amazon.com/WAE-5AG-connec.../dp/B002SY6LEA

    (Airlive é fabricante decente, não é montadora de fundo de quintal, se fosse fácil fazer antena de mesmo ganho em ambas as faixas, sem sacrificar qualidade, ela faria)




    Dia que esses LIXOS de fundo de quintal vendidos no ML passarem por uma medida em câmara anecoica, passarem por medidor de onda estácionária, e tiverem cálculo preciso do diagrama de emissão, aí eu paro de chamar eles de lixo, mas aí eles não terão 25dBi e sim provavelmente uns 18dBi, com VSWR tipo 3.0:1, e emissão pra cima da linha do horizonte...

    Fora que alto ganho, com VSWR tipo 2.0, ainda não tem NADA a ver com qualidade de sinal, ainda pode ter reflexo aos montes por causa dos lóbulos secundários batendo no chão (E quem usa esses lixos geralmente põe só 1m acima do telhado de casa, o sinal vindo dos clientes reflete no telhado e chega pra lá de alto num lóbulo secundário).

    E dá pra cima mais meia duzia de motivos pra chamar essas antenas de lixo.


    Quem quiser FAZER uma dessa em casa pra alguma gambiarra, vai fundo, é errando que se aprende, mas VENDER gambiarra é sem-vergonhice e COMPRAR isso é até pior que comprar muamba, é ser ignorante 2 vezes, por ter preguiça de coletar informação e por dar dinheiro pra incentivar fabricante de produto ridículo.


    E isso não tem nada a ver com incentivar industria nacional ou a micro e pequena empresa, tem como fazer no fundo de casa antena setorial com qualidade 200x melhor, o problema de umas fabriquetas nacionais é a porquice na fabricação, tipo biquad torto, cabo mal soldado, conector parafusado torto, o funcionário leigo acha que não tem problema, e justamente um montador com cérebro na cabeça é que sabe que 1mm lidando com ondas tão pequenas faz MUITA diferença. Os melhores produtos deviam sair da manofaturas (Tipo os melhores ternos que saem de alfaiates e não da industria, ou os melhores móveis que saem de artesãos e não da industria, ou a melhor comida que é feita prato a prato em restaurante, e não usando comida industrializada pronta congelada e esquentada no microondas), mas no caso das antenas brasileiras, as de fundo de quintal geralmente tem qualidade ridícula, usam projetos de velho gagá que ainda vive no século 19 (E olha que defendo que todo mundo devia conhecer rádio AM e OC. Mas é "conhecer o passado pra não repetir as cagadas", esse pessoal não conhece a história das antenas então repete das cagadas dos fabricantes de 1930 a 1970).



  5. Na verdade nao e bem assim que funciona o ganho da antena, se com 8 elementos ela tem 8dbi, para ter mais 3 db teria que dobrar o numero de elementos , ou seja 16 elementos, entao para
    11dbi =16 elementos
    14dbi=32 elemntos
    17dbi 64 elemntos
    20dbi 128 elemntos
    23dbi 264 elemntos
    ja pensou fazer esa antena com a impedancia e o vswr






Tópicos Similares

  1. Diminuir potencia de Antena Omni 18 dbi
    Por mantunespb no fórum Redes
    Respostas: 4
    Último Post: 01-07-2005, 15:23
  2. AP com antena omni original?
    Por Portela no fórum Redes
    Respostas: 9
    Último Post: 24-05-2005, 14:45
  3. Antena Omni 15dBi - HyperLink
    Por Good_speed no fórum Redes
    Respostas: 0
    Último Post: 17-12-2004, 11:14
  4. Antena Omni de 12, 15 e 18 Dbi
    Por flyer no fórum Redes
    Respostas: 5
    Último Post: 27-08-2004, 14:26
  5. Montar uma antena Omni em um prédio
    Por clistenis no fórum Redes
    Respostas: 5
    Último Post: 22-05-2004, 20:38

Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L