Página 2 de 2 PrimeiroPrimeiro 12
+ Responder ao Tópico



  1. #7

    Padrão Re: Fibra aéreo ou subterrânea GAMBIARRA QUE DA CERTO?

    Acho que a questão de esmagamento ta fora de questão , pois ela ficaria aterrada fora da estrada .

    EXEMPLO DE FO.
    Constituído de fibras ópticas dentro de tubo termoplástico com gel para acomodação das fibras, dois elementos de fibra de vidro pultrudada (FRP) e cobertos por uma capa externa em polietileno na cor preta.


    VMS SUPOR QUE ELA FIQUE 1 METRO ABAIXO .

    acho que o unico problema seria as termitas , porem isso seria facil de resolver ...
    O problema aqui e pq pra lançar ela em um trecho teríamos q plantar poste , muitos postes e a hora do trator para aterrar é apenas 140 reais .
    ai joga , poste, ferragem completa , mao de obra . etc . o trabalho e gasto seria mais .

    deixem suas criticas e sugestões.

  2. #8

    Padrão Re: Fibra aéreo ou subterrânea GAMBIARRA QUE DA CERTO?

    Um comentário geral: Plástico deteriora mais rápido com umidade que com raios UV.

    1m abaixo do solo terá umidade uns 8 meses do ano, e na amazônia legal 10-12 meses por ano (Uma chuva mensal já mantém a umidade 1m abaixo, raiz de braquiária passa dessa profundidade por isso tolera seca bem mais que capins de raízes menores, só pra dar exemplo).

    Não sei qual a diferença prática, mas uma fibra com tratamento pra UV pra tolerar sol todo dia SE promete durar 8 anos no poste, teria que durar MENOS que isso enterrada.

    Mas como debaixo do solo a temperatura é muito mais baixa, talvez na prática dure um pouco mais.

    Nos últimos anos tenho trabalhado mais no agronegócio, e coisa tipo mangueiras baratas de plástico e silicone, cabo PP, cabo FE-80, usei tanto enterradas como aéreas e só as mangueiras de plástico reciclado tem muita diferença, no sol trincam tudo em 2 anos enquanto enterradas passam de 4 anos, o resto tem durado mais ou menos igual tanto no sol como enterrado (Inclusive as mangueirinhas finas vendidas como se silicone, rodoar de caminhão as vezes usa, parece que o sol resseca rápido, mas se enterrar elas ficam quebradiças mesmo sem sol ou calor, demoram pouca coisa a mais pra ficarem inutilizadas, então não é apenas UV do sol que resseca e torna esses materiais quebradiços.

    Tratamento anti-uv é relativamente simples, é só pintura, mas pra vedar umidade a pintura tem que ser perfeita e mais grossa, e com tinta meio emborrachada pra não ter trincas (O produto é dobrado no transporte e instalação).



  3. #9

    Padrão Re: Fibra aéreo ou subterrânea GAMBIARRA QUE DA CERTO?

    Aonde arruma essa ferragem de trás do trator?

  4. #10

    Padrão Re: Fibra aéreo ou subterrânea GAMBIARRA QUE DA CERTO?

    Se não achar serralheiro com coragem pra fabricar, compra um subsolador usado, de 1 ou 2 hastes, trator pequeno de menos de 50cv só dá conta disso. Numas regiões podem chamar de pé-de-pato.

    Pode usar a haste do subsolador ou fazer outra.

    Eu adaptei num de 6 hastes, tirei 5 e deixei uma, mas pra passar mangueira sem precisar valeta, mangueira de parede grossa (Mangueira 1/2" parede de 2,5mm) pode passar 100m por vez que aguenta mas depende do tipo de solo, minha referência é teor de argila abaixo de uns 20%, pode ser mangueira de plástico reciclado porque a espessura da parece é que importa:

    Em ferro-velho vai achar até engate de plataforma traseira, também serve, qualquer serralheiro com um pingo de coragem mete um par de chapas de 6mm meio que fazendo um V, pode fazer a curvatura pra trás quando quer ir enterrando tipo valeta, ou pra frente quando quer ir puxando igual desse vídeo com mangueira.



  5. #11
    Avatar de Nilton Nakao
    Ingresso
    Sep 2013
    Localização
    Carlos Chagas, Minas Gerais
    Posts
    1.160

    Padrão Re: Fibra aéreo ou subterrânea GAMBIARRA QUE DA CERTO?

    Os cabos de fibra implantados pela EMBRATEL, TELESP, TELEMIG etc nos anos 80 e 90 estão em uso até hoje. Quem não conhece segue ou está bem próximo da norma 1000 ou militar. Quando pego nesses cabos( Oi está trocando nos cabos aéreos); a qualidade é outra coisa, enquanto os usados nos provedores se nota nitidamente pela primeira vista.
    Tim, Vivo e Claro construíram uma via subterrânea ( 300 metros) para que possa interligar a ERB com a central de comutação da Oi. Em Ouro Preto um provedor gastou milhões para implantar a rede subterrânea na parte histórica e como é tombada pela UNESCO, com certeza a qualidade desses materiais estão diretamente envolvidos. Do switch de fibra ao cliente, hoje para quem olha parece um fio comum e bem flexível até muito diferente do que vi a uns 5 anos atrás.
    Dentro de pouco tempo, qualquer casa ou comércio ficará mais barato comprar cabo de fibra inclusive o próprio roteador, do que ficar instalando os cabos de rede ou telefone. Acho que é sem sentido governos ficarem debatendo sinal de televisão terrestre. analógico, digital, HD, etc.
    Deveria( sonho) termos uma internet de pelos menos 10 ou 20 Mbps com TV, e telefone fixo(opcional) e inclusive FM com preços acessíveis mas restrito à aquele imóvel como acontece com energia elétrica e água. Usava 3 G da Claro( celular não tinha suporte), mas a velocidade de dados ultrapassava fácil os 4 Mbps chegando aos 11 Mbps nos horários de pouco uso; com 4 G e raramente tenho a mínima de 18 Mbps e máxima de 97 Mbps mas a média é de 27 Mbps consumo os dados em 1/3 do que somente com 3G.; se o ping fosse mais baixo com certeza o resultado seria diferente.
    Infelizmente a presidente determinou que a banda larga deve ser de 1 Mbps, e até hoje nenhum presidente se manifestou sobre o caso.
    Por isso entendo que embora tenhamos um contrato de 100 Mbps mas só entrega 1 Mbps, juridicamente ou civilmente a operadora não está infringindo a LEI( affff), pode ter consequência no PROCON por não recebermos por algo contratado e só.
    Pequenos provedores são as que mais cumprem, seja gambiarra ou não; para eles tem dois PROCONs, uma é a propriamente dita e outra é o cliente que foge na primeira oportunidade. Justiça é só para os fracos kkkkkk

    Ainda não entendi por que a NET pouco investe com fibra onde só como grupo Claro é uma das maiores do mundo, América Móvil pouco muda ou nada muda, em celulares possui 270 milhões de clientes no continente americano. Pode ser que seja como telefonia fixa, onde no modelo de licitação feita na época ficam impedidas de trocar por novas tecnologias, e esses modelos antigos ficam mais caros do que os atuais.
    Não só no Brasil como qualquer outro país os governos deveriam abrir concessões ou melhor mudar pontos do edital. Com uns R$ 20,00 e impostos inclusos daria para oferecer ligações ilimitadas para o país todo. Se podem fazer isso limitadas a 500 minutos e 3 GB de internet num celular, por que pagar por quase R$ 80,00 e 200 minutos locais e fixo na telefonia fixa.

    Cabo aéreo temos de levar em conta as vibrações causadas por ventos, movimentos dos veículos, e queimadas. Sendo subterrâneo as tubulações no perímetro urbano terá gases e na área rural um veículo acidentado com vazamento de combustível, matérial tóxico ou corrosivo pode trazer muitos problemas por que neste pedaço de solo de alguns metros está interditado, ou levantar 2 ou 3 postes para reestabelecer o serviço.
    Em algumas rodovias já existem tubulações e empresas "alugam" para que possam instalar cabeamento inclusive algumas prefeituras normalmente já construídas em avenidas ou via expressa já na pavimentação ou na reforma desta.

    Já meio que perdi foi FE, CCE o FLEX de energia por que na hora de desenrolar eles preferem meio que sem fazer uso do carretel. Se não dobra, ele se torce e como em cidades pequenas dependemos de mão de obra sem qualificação...
    Se uma empreiteira da CEMIG, OI não fazem esse treinamento por que são alguns metros, talvez algumas dezenas mas com certeza pode repercutir dentro de alguns meses ou anos.

  6. #12

    Padrão

    Olá amigo é para aguentar sim , oque pode ocasionar é se sua fibra é anti-roedor ou não ,se comprar um igual este modelo abaixo no link ela não tem anti-roedor porem sua durabilidade é bastante segura ao tempo,
    https://americanbrasil.com.br/fibra-...-12fibras.html acredito que não terá problemas se tiver acredito que não serão muitos.

    Quanto a durabilidade de um polipropileno na terra é de muitos anos o que deve se precaver é com umidade isso sim pode ser um fator de risco o que eu aconselho é colocar um tubo corrugado dos mais baratos assim aumentaria a vida da fibra e diminuirá os riscos de umidade .