+ Responder ao Tópico



  1. #1

    Padrão O consumo de energia desses radios(Senao, Ovilink e etc) em mA é por hora ou dia?

    Estou montando um esquema para uma torre com energia solar, por isso queria saber se o consumo de energia desses rádios (Ex: Senao, Samsung, Ovislink e etc.) em mA é por hora ou dia? Pra uma torre com quatro rádios desses (12 V consumo médio de 1A), quantas placas devo usar? E qual a potência delas? E baterias para armazena carga? Obrigado

  2. #2

    Padrão

    rapaz compra um conversor e ja era suporta muito tempo, aqui na região tem um monte de lugar que usa tv 14 polegadas, 6 a 10 lampadas e não tem problema creio que uma torre nào gaste mais que essas coisas



  3. #3

  4. #4

    Padrão

    Amigo. se precisar de detalhes sobre como montar um sistema solar desses, envie-me e-mail para [email protected]



  5. #5

    Padrão

    alo, fiz os testes aqui com ovislink 5460 e ele consomo em torno de 330 ma, ou seja se vc colocar 3 deses na sua torre vai ter um consumo de 1A/h +- ,Por exemplo uma desa baterias de alarme de 7amp, poderia manter eles funcionando por aprox 6horas. para ele funcionar 24 horas teria um consumo total de 24 amperes dia em 12volts ou seja 12x24= 288Watts dia.
    nao sei como e a media solar da sua regiao mas com um pinel de 60W/hora teria que ter pelo menos 5 horas de sol radiante para obter esa potencia, teria que fazer esa media para ver qual o pinel minimo para manter eses 288W dia. Para o calculo teria que considerar o pior caso dias nublados e inverno. Colocar um inversor tera uma perda em torno de 20% ou seja presisaria de 345W dia no lugar dos 288W.
    Espero ter ajudado.

  6. #6

    Padrão Perfeitamente correto !!!

    Citação Postado originalmente por johnicar Ver Post
    alo, fiz os testes aqui com ovislink 5460 e ele consomo em torno de 330 ma, ou seja se vc colocar 3 deses na sua torre vai ter um consumo de 1A/h +- ,Por exemplo uma desa baterias de alarme de 7amp, poderia manter eles funcionando por aprox 6horas. para ele funcionar 24 horas teria um consumo total de 24 amperes dia em 12volts ou seja 12x24= 288Watts dia.
    nao sei como e a media solar da sua regiao mas com um pinel de 60W/hora teria que ter pelo menos 5 horas de sol radiante para obter esa potencia, teria que fazer esa media para ver qual o pinel minimo para manter eses 288W dia. Para o calculo teria que considerar o pior caso dias nublados e inverno. Colocar um inversor tera uma perda em torno de 20% ou seja presisaria de 345W dia no lugar dos 288W.
    Espero ter ajudado.
    Deve-se efetuar os cálculos acima, como nosso amigo postou, para determinar quantos painéis e baterias serão necessários. Segue links que poderão ajudar nesses cálculos:

    Dimensionamento

    COMERCIAL REDIMAX

    Agora quanto ao restante que foi porstado aquí, DEFINITIVAMENTE, darei minha opinião de técnico em eletrônica:

    1 - Não use no-break ou inversor, pois despendem uma perda excessiva de enegia. Imagine a perca : gera-se 12 volts no painel solar, carrega a bateria, transforma em 110 volta (pelo inversor ou no-break), entra na fonte de alimentação do rádio e converte novamente para 12 volts...
    É muito mais lógico e econômico, montar paineis solares de forma a gerar energia suficiente para carregar a bateria 12 volts, e use essa bateria para alimentar DIRETAMENTE o rádio. Se o rádio possuir voltagem menor, monte um pequeno e simples "regulador de voltagem" para diminuir os 12 volts até o necessário.

    2 - Evite usar baterias automotivas. Bateria não é tudo igual: as automotivas não foram projetadas para essa finalidade, funcionando, mas com vida útil reduzida. O ideal são "baterias estacionárias", como as "12 volts X 7 Ah" usadas em no-break. Existem dessas com maior amperagem, até mais de 100 Ah, usado em inversores, no-breaks e iluminação de emergência profissionais, mas o preço se torna inviável. Sugiro a utilização em paralelo de várias baterias de 7 Ah, na quantia necessária - conforme o cálculo do nosso amigo acima.

    3 - Use o "controlador de carga", não ligue o painel diretamente na bateria. A voltagem do painel solar varia muito conforme o sol, impossibilitando o carregamento da bateria de forma direta (além da mesma sofrer sobrecarga, em algumas situações) - tornando obrigatório o uso do controlador. Existe paineis que já o tem acoplado o tal controlador, dispensando comprá-lo separado.

    Ficamos a disposição para qualquer dúvida, que esteja em nosso alcance...
    -
    Última edição por w4rh4ck3r; 31-03-2007 às 11:33.



  7. #7

    Padrão

    Citação Postado originalmente por w4rh4ck3r Ver Post
    Deve-se efetuar os cálculos acima, como nosso amigo postou, para determinar quantos painéis e baterias serão necessários. Segue links que poderão ajudar nesses cálculos:

    Dimensionamento

    COMERCIAL REDIMAX

    Agora quanto ao restante que foi porstado aquí, DEFINITIVAMENTE, darei minha opinião de técnico em eletrônica:

    1 - Não use no-break ou inversor, pois despendem uma perda excessiva de enegia. Imagine a perca : gera-se 12 volts no painel solar, carrega a bateria, transforma em 110 volta (pelo inversor ou no-break), entra na fonte de alimentação do rádio e converte novamente para 12 volts...
    É muito mais lógico e econômico, montar paineis solares de forma a gerar energia suficiente para carregar a bateria 12 volts, e use essa bateria para alimentar DIRETAMENTE o rádio. Se o rádio possuir voltagem menor, monte um pequeno e simples "regulador de voltagem" para diminuir os 12 volts até o necessário.

    2 - Evite usar baterias automotivas. Bateria não é tudo igual: as automotivas não foram projetadas para essa finalidade, funcionando, mas com vida útil reduzida. O ideal são "baterias estacionárias", como as "12 volts X 7 Ah" usadas em no-break. Existem dessas com maior amperagem, até mais de 100 Ah, usado em inversores, no-breaks e iluminação de emergência profissionais, mas o preço se torna inviável. Sugiro a utilização em paralelo de várias baterias de 7 Ah, na quantia necessária - conforme o cálculo do nosso amigo acima.

    3 - Use o "controlador de carga", não ligue o painel diretamente na bateria. A voltagem do painel solar varia muito conforme o sol, impossibilitando o carregamento da bateria de forma direta (além da mesma sofrer sobrecarga, em algumas situações) - tornando obrigatório o uso do controlador. Existe paineis que já o tem acoplado o tal controlador, dispensando comprá-lo separado.

    Ficamos a disposição para qualquer dúvida, que esteja em nosso alcance...
    -

    Olha, montei um sistema desse em certa ocasião, e aprendi na prática, tudo oq o colega acima citou, e concordo com cada virgula do que ele falou.

  8. #8

    Padrão

    Citação Postado originalmente por johnicar Ver Post
    alo, fiz os testes aqui com ovislink 5460 e ele consomo em torno de 330 ma, ou seja se vc colocar 3 deses na sua torre vai ter um consumo de 1A/h +- ,Por exemplo uma desa baterias de alarme de 7amp, poderia manter eles funcionando por aprox 6horas. para ele funcionar 24 horas teria um consumo total de 24 amperes dia em 12volts ou seja 12x24= 288Watts dia.
    nao sei como e a media solar da sua regiao mas com um pinel de 60W/hora teria que ter pelo menos 5 horas de sol radiante para obter esa potencia, teria que fazer esa media para ver qual o pinel minimo para manter eses 288W dia. Para o calculo teria que considerar o pior caso dias nublados e inverno. Colocar um inversor tera uma perda em torno de 20% ou seja presisaria de 345W dia no lugar dos 288W.
    Espero ter ajudado.
    No caso este consumo seria com fonte ligado a 110volts ou consumo dele ligado a uma bateria ?



  9. #9

    Padrão

    Citação Postado originalmente por w4rh4ck3r Ver Post
    Deve-se efetuar os cálculos acima, como nosso amigo postou, para determinar quantos painéis e baterias serão necessários. Segue links que poderão ajudar nesses cálculos:

    Dimensionamento

    COMERCIAL REDIMAX

    Agora quanto ao restante que foi porstado aquí, DEFINITIVAMENTE, darei minha opinião de técnico em eletrônica:

    1 - Não use no-break ou inversor, pois despendem uma perda excessiva de enegia. Imagine a perca : gera-se 12 volts no painel solar, carrega a bateria, transforma em 110 volta (pelo inversor ou no-break), entra na fonte de alimentação do rádio e converte novamente para 12 volts...
    É muito mais lógico e econômico, montar paineis solares de forma a gerar energia suficiente para carregar a bateria 12 volts, e use essa bateria para alimentar DIRETAMENTE o rádio. Se o rádio possuir voltagem menor, monte um pequeno e simples "regulador de voltagem" para diminuir os 12 volts até o necessário.

    2 - Evite usar baterias automotivas. Bateria não é tudo igual: as automotivas não foram projetadas para essa finalidade, funcionando, mas com vida útil reduzida. O ideal são "baterias estacionárias", como as "12 volts X 7 Ah" usadas em no-break. Existem dessas com maior amperagem, até mais de 100 Ah, usado em inversores, no-breaks e iluminação de emergência profissionais, mas o preço se torna inviável. Sugiro a utilização em paralelo de várias baterias de 7 Ah, na quantia necessária - conforme o cálculo do nosso amigo acima.

    3 - Use o "controlador de carga", não ligue o painel diretamente na bateria. A voltagem do painel solar varia muito conforme o sol, impossibilitando o carregamento da bateria de forma direta (além da mesma sofrer sobrecarga, em algumas situações) - tornando obrigatório o uso do controlador. Existe paineis que já o tem acoplado o tal controlador, dispensando comprá-lo separado.

    Ficamos a disposição para qualquer dúvida, que esteja em nosso alcance...
    -
    Alguem sabe um site onde venda esse material?

  10. #10

    Padrão

    Citação Postado originalmente por cristianoduarte Ver Post
    No caso este consumo seria com fonte ligado a 110volts ou consumo dele ligado a uma bateria ?
    Não, nada de fontes em 110/220v, como o amigo citou, utiize apenas um regulador de voltagem .



  11. #11

    Padrão

    ese consumo e direto dos 12 Volts, eu to usando tambem para APS de 5 volts redutores de tensao chaveados , que nao desperdizam tanta energia como os regulaadores comuns(7805), eu mesmo faço, ja vem quase pronto o CI lm2585 ou equivalentes tirados de placa mae, ou novos.
    O caso das baterias como drcfilho citou e assim mesmo, as baterias de chumbo acido automotivas sao fabricadas para uma alta corrente de carga e descarga, nao e o noso caso, ja que a corrente de carga ou descarga estara em torno de 2Amp.
    Tem no comercio baterias para este fim , nao presisam que sejam das seladas que sao muito mais caras, podem ser umas fabricadas para o uso com energia solar, que as placas delas sao bem maiores e o tamanho da bateria tambem se comparadas as automotivas da mesma aperagem, vou procurar na minha maquina que tenho guardao informacoes de lojas que vendem estes tipos de equipamentos e posto aqui.

  12. #12

    Padrão Resposta Correta :

    Citação Postado originalmente por cristianoduarte Ver Post
    No caso este consumo seria com fonte ligado a 110volts ou consumo dele ligado a uma bateria ?
    Diz respeito ao consumo em 12 volts (ou outra voltagem de funcionamento do rádio), não importando se "à bateria" ou medido a partir da fonte de alimentação original, ligado em 110 volts.

    Para saber esse consumo, não basta LER na fonte original, por exemplo, "1000 mA", "1 Ampér" ou "12 watts", por exemplo. A fonte, normalmente possui capacidade superdimensionada, para funcionamento com folga.

    É necessário utilizar um multímetro, de preferência digital (pode ser esses de 15 a 20 reais); cortando e interrompendo um dos fios da fonte (ou da bateria) - apenas 1 dos fios, positivo ou negativo, tanto faz - ao que ligamos o multímetro em série, ou seja, cada ponta de prova do multímetro em um dos fios interrompidos.

    Dessa forma, o multímetro funcionará como uma "ponte" (grosso modo, como se o multímetro fosse um "fusível") fechando o fio interrompido. Se as pontas estiverem invertidas, a medição será perfeita, apenas apresentando um sinal de - (menos, ou negativo) antes do número medido.

    Deverá ser ajustado para medir corrente ou ampér "CC" ou "DCA" (corrente contínua), que é o tipo de alimentação que entra no rádio, e nunca CA (corrente alternada). Ajusta-se, inicialmente para uma corrente igual ou superior a nominal escrita na fonte original - podendo ser reduzido para uma escala menor, se for constatado demasiado esse fundo de escala.

    Não se esqueçam de medir com o rádio em funcionamento, de preferência à máximo thoughput e com sinal médio ou fraco, pois os rádios tendem a consumir mais nessas condições. Em bancada, sugiro usar as antenas originais e instalar o outro rádio à certa distância, talvez até atrás de várias paredes, para diminuir o sinal. Faça uma transferência tipo FTP, bem grande, enquanto efetua a medição.
    -



  13. #13

    Padrão

    isso mesmo, se vc apenas ligar o radio ele consome 220ma , tem que fazer ele transmitir como dise o amigo, aqui me deu em torno de 330ma.

  14. #14

    Padrão Painel..

    Eu tenho um para venda.. Comprei 2 e so estou usando 1 deles.. Abraços!