• Código Aberto Perde Mais um Processo

    Os fornecedores de software de código aberto na Suíça acabam de perder um caso contra a Microsoft no Tribunal Federal Administrativo daquele país. O motivo? Um contrato de TI que a Microsoft estava fechando com o Escritório federal Suíço para Construções e Logística, que ofereceria licenciamento estendido dos produtos da empresa de Redmond, além de manutenção e suporte. O contrato incluiria ainda a aquisição de 10.500 computadores desktops e 17.500 laptops. A corte simplesmente negou ouvir a reclamação, mas a sentença ainda pode ser contestada na Corte Federal da Suíça.

    O Motivo da disputa? Aproximadamente 18 fornecedores de código aberto levaram o caso contra a Microsoft, devido a esse contrato no valor de 42 milhões de Francos Suíços. Entre as companhias contestantes estão as fornecedoras de distribuições Linux Red Hat, Univention e Collax, além dos especialistas em groupware Zarafa e Open-Xchange. De acordo com um relatório no jornal Berner Zeitung, o Tribunal Administrativo federal declarou no seu veredito que os autores não podem ser considerados os potenciais fornecedores para o contrato, e portanto, não foram afetadas pela conquista da Microsoft.

    Ainda de acordo com a corte, o contrato estava relacionado a eficiência contínua do uso de sistemas de TI já existentes, que já eram baseados em produtos da própria Microsoft desde 1990. Na opinião da corte, os produtos e sistemas em uso não poderiam ser substituídos diretamente pelos contestantes, que tentavam alterar o sistema de estratégia de TI da estatal.

    É claro que o relatório exposto non jornal Berner Zeitung cita que um dos cinco juízes do caso tinha a opinião de que tanto os fornecedores de código fonte aberto quanto a Microsoft estavam ativos no mercado de software em questão. Sendo 4 votos contra 1, o juiz dissidente ainda declarou que com a Microsoft fechando o acordo, não somente as soluções existentes seriam mantidas, como também os produtos da empresa de Redmond seriam considerados uma pedra para o futuro. Resumindo: isso iria restringir radicalmente o mercado de software a um único fornecedor.

    Este não é apenas mais um caso de imposição de soluções fechadas. Ele também involve uma estatal em um país supostamente apoiador da disseminação do software livre na esfera governamental. E a atual vitória da Microsoft abre precedentes para a empresa voltar a crescer em cima de monopólios de códigos proprietários. Se para o mercado, a criação de monopólios prejudica exclusivamente o contribuinte e cidadão, ainda mais de soluções fechadas em esferas governamentais. O uso de software proprietário na administração de um país é um enorme risco à segurança de uma nação e deveria ser abolido.

    É impensável para qualquer nação utilizar software proprietário em sua estrutura, correndo o risco de ter sua segurança minada, tanto de dentro quanto de fora de sua infra-estrutura, sem contar os perigos de invasões, roubos de conteúdo sigilosos, ou até mesmo a participação desses crimes feitos pelas empresas fornecedoras de software proprietário, que podem muito bem se beneficiar das "informações" obtidas de forma ilegal, principalmente para manter e crescer seu monopólio e sua tecnologia. E isso é um risco enorme que ninguém em sã consciência deveria sequer pensar em correr.


    Links de Interesse:

    - Open source vendors lose Swiss Federal Administrative Tribunal case

    Comentários 2 Comentários
    1. Avatar de paulocwb2003
      paulocwb2003 -
      Em primeiro lugar é bom tomar cuidado com as palavras. Quando se diz as coisas da maneira que foi dito na chamada da matéria, dá a impressão de que o FOSS está perdendo todas as batalhas, o que é um equívoco muito grande.
      Em segundo lugar, o FOSS não perdeu nada ainda, uma vez que a questão ainda não chegou à última instância das cortes suíças.
      Por último, se a questão for vencida pela M$, será a população suíça e seu governo quem perderão, não o FOSS.
      Aqui no Brasil, e em vários outros países, o FOSS vai muito bem, obrigado.

      Abraço
    1. Avatar de code
      code -
      Citação Postado originalmente por paulocwb2003 Ver Post
      Em primeiro lugar é bom tomar cuidado com as palavras. Quando se diz as coisas da maneira que foi dito na chamada da matéria, dá a impressão de que o FOSS está perdendo todas as batalhas, o que é um equívoco muito grande.
      Em segundo lugar, o FOSS não perdeu nada ainda, uma vez que a questão ainda não chegou à última instância das cortes suíças.
      Por último, se a questão for vencida pela M$, será a população suíça e seu governo quem perderão, não o FOSS.
      Aqui no Brasil, e em vários outros países, o FOSS vai muito bem, obrigado.

      Abraço

      paulocwb2003, por favor, preste atenção no que está escrito no título. Ali diz que o Código Aberto perdeu mais uma batalha, e não que ele está perdendo todas as batalhas. Seu comentário a esse respeito foi um equívoco.

      Em segundo lugar, quanto ao processo em questão, o "Código Aberto" perdeu sim. E o que ele pode tentar agora, é recorrer da decisão (se eles quiserem, é claro). Que isso fique claro! Os juízes deram causa ganha para a Microsoft.

      Em terceiro lugar, evite usar termos pejorativos para representar uma empresa aqui no Under-Linux. Se o nome da empresa é Microsoft, registre-a nos comentários como Microsoft, e não com "apelidos" que possam denegrir a imagem da companhia. Esse tipo de comportamento não pode sequer pensar em existir aqui no Under-Linux. Acredito que o Portal Under-Linux é formado por profissionais sérios e competentes da área de TI, e esse tipo de comentário só denigre nossa imagem.

      Em quarto lugar, o que acontece neste processo é uma disputa de interesses. Lembre-se que são empresas disputando um mercado que irá render-lhes muito (mas muito) dinheiro. Nem mesmo as empresas de "Código Aberto" estão fazendo isso por caridade. Muito pelo contrário! Elas estão tão ávidas por esse contrato quanto a própria Microsoft.

      Claro que uma nação sempre será (e sairá) "potencialmente" prejudicada se apoiar o software fechado para uso em sua infra-estrutura, como bem deixei claro no meu texto. Quanto a isso, concordo com você. Quem sairá prejudicado será a Suíça como nação. Mas não pense que quando vemos uma disputa nos tribunais entre o "Software Livre" e o "Software Fechado" estamos presenciando uma disputa entre o "Bem" e o "Mal". Ledo engano! O que movimenta o mercado é o interesse econômico, é a busca pelo crescimento e lucro financeiro. E todas as empresas, sejam elas do "Software Livre" ou "Software Fechado", estão lá para ganhar dinheiro. Não se iluda. Não misture comunidade com mercado.

      E por último, o Brasil não vai tão bem assim no Software Livre não. Infelizmente. Não é porque o Governo Federal aprova, que todo o país vai passar a usar imediatamente o Software Livre. Há uma enorme diferença entre "Aprovar" e "Impor". Quando o Governo Federal mostrou que está apoiando o Software Livre, ele espera que toda a sua máquina administrativa migre o quanto antes para o Código Aberto. Mas isso ainda está longe de ser verdade...
    + Enviar Comentário


Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L