• Lançado WordPress 3.0.1

    Atenção usuários do WordPress: mantenham seus Blogs atualizados. Os desenvolvedores do WordPress acabam de lançar a versão 3.0.1 deste que é o CMS (Content Management System) mais utilizado em todo o mundo. E isso há apenas 42 dias do lançamento de sua versão 3.0. Essa é uma versão de manutenção que corrige 50 pequenos problemas encontrados desde o lançamento da versão 3.0, por isso é aconselhável que todos os usuários atualizem seus sites. Você pode atualizar seu WordPress direto de seu painel de controle, através do menu Dashboard > Updates que só aparece disponível se você tiver efetuado o login com sua conta de administrador.

    E para os apressados que já haviam efetuado a atualização do WordPress para a versão 3.0.1, até os primeiros 20 minutos de lançamento (i. é, antes das 2200 UTC), vão precisar efetuar uma reinstalação desta atualização. Efetue a mesma atualização através da tela de Update do sistema (sempre utilizando a conta de administrador). A atualização disponibilizada nos primeiros 20 minutos estava com problemas, e os desenvolvedores do WordPress pedem desculpas a todos os usuários que fizeram a atualização nesse período.


    Primeira Vez no WordPress

    Se você nunca utilizou o WordPress, mas gostaria de experimentar essa fantástica ferramenta, visite o site oficial do projeto em http://wordpress.org/. Na primeira página do site você encontra o link para download do CMS em dois formatos compactados a sua escolha: .tar.gz ou .zip. arquivo .zip sempre aparecerá em destaque na tarja laranja da página principal, mas logo abaixo em azul, encontra-se o link para o pacote no formato tar.gz. O formato .zip sempre será o principal, pois a totalidade dos sistemas operacionais em uso (Windows, Linux, Mac OS X, etc) reconhecem e sabem trabalhar com essa extensão de arquivo. Já o formato .tar.gz, nem todos tem ferramentas instaladas que possam descompactar esse arquivo. Mas se você é usuário Linux, nada tema! Seu sistema já vem com ferramentas adequadas (em modo gráfico e texto) para desempacotar esse formato de arquivo.


    WordPress em Português do Brasil

    E o WordPress também está disponível na versão em Português do Brasil. Para baixá-lo na nossa linguagem tupiniquim (onde todas as ferramentas de controle e tema principal estão em nosso idioma nativo), acesse o site http://br.wordpress.org/.

    Não é a toa que o WordPress é o CMS mais utilizado em todo o mundo. Ele é uma ferramenta que possui uma miríade de funcionalidades e integração com a Web, além de ser extremamente estável, fácil de usar, e principalmente de instalar. Somente essas características já fazem do Wordpress a ferramenta perfeita para qualquer usuário, seja ele um usuário hardcore de Blogs, ou um newbie. Mas o que é popular, também se torna visado. E para garantir que seu site não seja a bola da ve3z nas mãos de crackers, mantenha-o sempre atualizado.

    Os desenvolvedores também pedem a ajuda de todos os seus usuários, que contribuam testando essa atualização. A meta é fazer dessa série 3.x a versão mais estável já lançada. E para não perder o espírito da brincadeira, até propuseram um haiku para o lançamento (no original, óbvio, senão perderia o sentido e não seria um haiku):

    Three dot oh dot one
    Bug fixes to make you smile
    Update your WordPress

    Links de Interesse:

    - WordPress 3.0.1
    - WordPress em Português do Brasil

    Sobre o Autor: code

    Administrador e Editor do Portal Under-Linux, desenvolvedor Linux e FOSS para Linux, autor de livros e artigos, atuando na área de Educação Digital e P&D com AI.

    Comentários 1 Comentário
    1. Avatar de lfaria
      lfaria -
      Para os que atualizaram e vão atualizar para a versão 3.0.1 em português, fiquem atentos ao site da comunidade do Wordpress no Brasil:

      WordPress › Fórum Brasileiro

      Existe um problema na versão em português do Brasil aguardando solução.

      Lauro Faria
      BDI BBS - Banco de Dados Integrado - Lan House, Mikrotik, Wordpress, Suporte, Atualidades e Blog.
    + Enviar Comentário

Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L