• iPad Ameaçando Mercado de Netbooks

    Mesmo que o iPad da Apple não esteja atingindo como se esperava o mercado de notebooks, o de netbook vem sofrendo com a constante aceitação e aquisição do iPad pelos ávidos consumidores de tecnologia. A Apple acabou reinventando esse nicho com o seu produto, e os padrões de utilização do iPad pelos seus usuários, contrariam e muito o modelo de uso de um netbook, o que só contribuiu para desgastar um mercado antes considerado promissor.

    De acordo com um relatório da NPD publicado nesta sexta-feira dia 1 de outubro de 2010, 13 por cento dos proprietários do iPad compraram um iPad no lugar de um PC, enquanto 24 por cento dos mesmos, adquiriram o tablet da Apple no lugar de um leitor de e-book.

    E sem muitas surpresas, o relatório também mostra que os proprietários do iPad, em sua maioria, já são usuários de algum produto da Apple. Para se ter uma ideia, 48 por cento dos mesmos, possuem um desktop ou um notebook Mac, e 53 por cento dos proprietários do iPad possuem um desktop Windows. O último número é bem significante, já que 75 por cento deles, incluindo os que não possuem um iPad, tem um desktop Windows.

    A questão de quando o iPad - e os outros tablets em geral, mesmo com minúscula participação no mercado - começaram a roubar o mercado de PCs e netbooks. Essa queda teve início com o lançamento do iPad, e vem se estendendo até os dias de hoje. E o que afeta o mercado de PCs e netbooks, afeta diretamente o mercado de processadores. A própria Intel tem sido constantemente questionada do impacto dos tablets em seu mercado.

    De acordo com Stacy Smith, chefe do escritório financeiro da Intel,não há muita preocupação com o mercado. Em uma declaração, Smith afirmou que "Eu não mudei minha opinião sobre os tablets nos últimos três ou quatro meses, desde o lançamento do iPad", completando que "Eu acho que eles são uma categoria aditiva para o mercado, da mesma maneira que vemos os netbooks sendo aditivos. De fato, os netbooks teve um alto potencial para canibalizar o mercado, e eles [os tablets] não. Eu não vejo os tablets canibalizando o mercado de PCs".

    O próprio autor do relatório, Stephen Baker, comentando em um post de blog, disse que mesmo o relatório da NPD não mostrando que os tablets estejam afetando a aquisição de notebooks pelos consumidores, da maneira como esses consumidores utilizam o iPad, os mesmos acabam competindo diretamente com os netbooks.

    "Em geral, como se poderia esperar, as três principais coisas que os consumidores estão fazendo com seus iPads são, navegar na web, utilizar e-mail, e jogar (e isso é o porque esses dispositivos representam uma ameaça a longo prazo para o mercado de notebook/netbook/handheld)", e completou que "Mas existem nuances entre os diferentes consumidores que tornam o desaparecimento de outros dispositivos não tão inevitáveis".

    Outro ponto a se ressaltar é que os proprietários do ipad estão muito satisfeitos com sua aquisição, identificando como pontos favoráveis, o peso do dispositivo, as capacidades de conexão Wi-Fi, e leitura de e-mail. Mas acredito que o iPad só irá mesmo exterminar os netbooks quando o seu preço for mais acessível. Nisso, os netbooks ainda são insuperáveis.


    Links de Interesse:

    - Apple iPads Targeting Netbooks, Not Notebooks

    Sobre o Autor: code

    Administrador e Editor do Portal Under-Linux, desenvolvedor Linux e FOSS para Linux, autor de livros e artigos, atuando na área de Educação Digital e P&D com AI.

Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L