• Apple Interessada em Chips AMD

    Esta pode ser a segunda reviravolta de hardware da Apple, em tão pouco tempo. Todos sabemos que em 2006 a Apple abandonava a plataforma PowerPC, adotando a pluri-potente plataforma Intel para todos os seus desktops e notebooks. Nesta época, muitos de sua comunidade estavam preocupados com o futuro do Mac OS. Só que a mudança foi muito bem vinda para toda a companhia e seus inúmeros usuários ao redor do mundo. Só que agora, não contente com todo o seu crescimento, a empresa de Steve Jobs parece estar iniciando um namoro com a rival da Intel, a AMD.

    Quando a companhia efetuou a troca de plataforma, foi apresentada com uma miríade de possibilidades no mercado, devido as inúmeras vantagens dos processadores Intel frente a limitada arquitetura PowerPC e seus processadores fabricados pela IBM. Essa ação também garantiu que a margem de lucro da empresa subisse às nuvens. Os preços dos produtos state-of-the-art da Apple também começaram a se tornar muito mais "acessíveis" ao bolso do consumidor, que há anos sonhavam em um dia possuir um de seus computadores.

    Isso levou a um crescimento exponencial de nas vendas de seus produtos e na comunidade a sua volta, antes formada apenas por poucos afortunados (e com muito dinheiro no bolso) para terem um computador Apple.

    A plataforma Intel além de ser muito mais barata que a PowerPC, também é mais eficiente no ponto de vista de mercado, podendo ser embarcada em uma miríade de produtos e ter funcionalidades integradas a baixo custo. Tudo isso devido ao próprio mercado utilizar a arquitetura x86 para todo o restante do mercado de computadores, agora concorrentes diretos da Apple.

    E atualmente, a relação entre a Apple e a Intel, parece estar caminhando muito bem. Ou será que não? A Apple Insider está reportando que a Aple está em negociações sérias com a AMD, para que a mesma possa fornecer os processadores para os notebooks e desktops Mac. Eles afirmam que executivos da AMD foram vistos com o alto-escalão da Apple em várias ocasiões.

    Já o site Apple-centric vai mais além e diz que as reuniões entre ambas as partes já estão em estágios avançados, a ponto da AMD permitir que a Apple trabalhe com processadores AMD em seus laboratórios, como parte de uma iniciativa para o embarque desses processadores em futuros produtos da empresa.

    E continuando com a sessão de rumores, de acordo com fontes da própria DailyTech, a Apple parece estar avaliando uma série de futuras tecnologias da AMS, incluindo a próxima plataforma Fusion, que irá mesclar a CPU e a GPU em um único chip. O primeiro processador de 32nm (nanometros) terá uma APU Llano (com até quatro núcleos Phenon II acrescido de um núcleo gráfico DX11 integrado). Esses processadores não são ficção científica e já devem estrear no mercado em 2011, já embarcados em notebooks e desktop de várias outras empresas no mercado.

    Será que esses rumores são realmente verdadeiros? E se forem verdade, será que a Intel seria destituída completamente da sua posição de fornecedor para a Apple? Não suponho haver um meio termo no futuro, pois conhecendo a Apple, não iria criar linhas de produtos similares com processadores de diferentes fabricantes. Outras companhia fazem isso há anos, mas a Apple nunca o fez. Se a empresa da maça adentrar esses caminhos quem ficará no topo com os produtos mais avançados? a Intel ou a AMD?

    Sabemos que a Apple possui sua linha de produtos Top, como a série MacBook Pro e os iMacs. Entretanto, a companhia também trabalha com produtos de menor poder de processamento como os MacBooks e o Mac Mini. Muitos afirmam que se esse cenário ocorrer, quem fica com a melhor fatia é a Intel, deixando o restante para a AMD. E esses são os mesmos que acreditam 9acredito que erroneamente) que os processadores AMD são de menor capacidade e eficiência que os da Intel. Ledo engano. A AMD, mesmo tendo tantos problemas no mercado a quem acusa a própria Intel de tramar sua queda, tem em seu "cardápio" produtos de fazer frente a sua concorrente, ou mesmo superá-la.

    Alguns também afirmam que a AMD está a beira da extinção. Sabemos que a empresa passou por maus bocados, e até vem acusando a Intel de práticas desleais no mercado de processadores por causa desses problemas. Mas para quem não sabe, este ano a AMD teve seu primeiro trimestre no azul, e continua subindo. E eu não me surpreenderia se este ano as posições de ambas as empresas se invertessem no mercado.


    Links de Interesse:

    - Report: Apple Considering AMD Chips
    - Report: Apple eyes AMD processors for future Mac lineup
    - AMD's Q1 is in the black


Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L