• Cybercrime: Uso de Botnets Menores para Ataques mais Potentes

    Muitos autores de DDoS mudaram suas táticas de ataques no 3º trimestre de 2013, para aumentar os tamanhos dos ataque e esconder suas identidades, de acordo com dados levantados pela Prolexic. "Neste trimestre, a maior preocupação é que os ataques estão acelerando drasticamente, aumentando 265 por cento em relação ao Q3 de 2012 e até 70 por cento sobre Q2", disse Stuart Scholly, presidente da Prolexic. "A questão maior é que os atacantes que desencadeiam os DDoS, encontraram uma maneira mais fácil e mais eficiente para lançar ataques de maior largura de banda usando botnets menores, e isso é, no mínimo, preocupante."


    O que vem acontecendo é que os atacantes estão migrando para o chamado "distributed reflection denial of service" (DrDoS), devido a eles fornecerem o benefício de obscurecer a fonte do ataque (anonimato), permitindo que a largura de banda das vítimas intermediárias seja utilizada, muitas vezes, inconscientemente, para multiplicar o tamanho do ataque (caracterizando uma amplificação). Em ataques DrDoS, há sempre duas vítimas, o alvo pretendido e o intermediário.

    O número total de ataques contra clientes da Prolexic no Q3 de 2013, manteve-se elevado e representou o maior total para um quarto. Esta ocorrência demonstra, claramente, um nível consistentemente elevado de atividade DDoS em todo o mundo, ao longo dos últimos seis meses.


    Saiba Mais:

    [1] Net Security http://www.net-security.org/secworld.php?id=15812

Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L