• Cerca de 25 por cento das Aplicações do HealthCare.gov Possuem Erros

    De acordo com um comunicado rápido realizado no dia 6 de Dezembro de 2013 por um oficial do Departamento de Saúde do governo Norte-Americano, estima-se que um em cada quatro aplicações de usuário submetidas ao HealthCare.gov pelas seguradoras tinham erros introduzidos pelo próprio website governamental. Entre os erros foram constatados formulários perdidos, formulários duplicados, além de informações incorretas nas aplicações, como informações erradas sobre o estado civil do aplicante, informou Julie Bataille, diretora de comunicação dos Centros HHS pra os serviços Medicare e Madicaid (CMS). Bataille também informou que, enquanto os bugs de software que levavam aos erros foram praticamente todos corrigidos, cerca de 10 por cento das aplicações para seguros de saúde ainda podem conter erros. E os consumidores que utilizaram o HealthCare.gov para adquirir um seguro recentemente, e que possam temer que suas aplicações não venham a ser processadas, ou que as mesmas possam conter erros, deverão entrar em contato com suas seguradoras mais breve possível.


    HealthCare.gov screenshot. Fonte: The Atlantic.

    É importante ressaltar que os Centros HHS estão trabalhando junto as seguradoras para que todos os erros introduzidos no seu website HealthCare.gov sejam corrigidos. No dia primeiro de Janeiro de 2014, muitas das pessoas que se inscreveram para a cobertura de seguro através desse site governamental deverão ser elegíveis para a cobertura dos planos disponíveis. Bataille disse que a taxa de erro ficou em 25 por cento com 834 transmissões, o que é considerada uma estimativa "preliminar" para o desempenho do site, desde a data de seu lançamento no dia 1 de Outubro, até o dia 30 de Novembro, neste ano de 2013.

    Enquanto os bugs de software ocasionaram o surgimento de 834 erros que foram corrigidos, acredita-se que ainda existam cerca de 10 por cento das aplicações de seguro com erros. Os usuários que acreditarem que suas submissões possam conter erros, devem entrar em contato com suas respectivas seguradoras o mais breve possível para que todos os problemas possam ser solucionados.

    "Nossa meta final é garantir que esses indivíduos que acredita-se adquiriram uma cobertura serão capazes de completar com sucesso esse processo e ter a cobertura [no plano de saúde] que eles desejem e precisem para dia 1 de Janeiro [de 2014]", disse Bataille.

    A CMS está engajada em um "processo intensivo" com as seguradoras para encontrar os erros de aplicações, efetuando ligações telefônicas diárias e organizando seminários online com as seguradoras para corrigir esse problema, e "para garantir que qualquer um desejando uma cobertura [se seguro de saúde] ter a certeza que sua submissão foi confirmada", garantiu Bataille.

    Obamacare

    O HealthCare.gov é a peça central do 2010 Affordable Care Act, mais conhecido como Obamacare, um processo de remodelação dos planos de saúde no país para ajudar a população Norte-Americana. A meta da lei é permitir que os residentes em território Norte-Americano que não possuam cobertura de um plano de saúde, possam comprar planos de baixo custo através do respectivo site governamental ou através de outros meios.

    O website HealthCare.gov tem vivenciado grandes problemas desde as primeiras semanas de seu lançamento, com frequentes quebras de conexões, erros de página e carregamentos de página lentos beirando oito segundos.

    De acordo com Batallie, nesta última semana o site estava se comportando adequadamente com toda a carga de acessos de usuários. O site não ficou fora do ar e sua taxa de erros foi de 0,77 por cento (77 erros a cada 10.000 acessos), sendo a mesma taxa das semanas anteriores. O tempo de carregamento das páginas também melhorou muito, ciando para menos de um segundo de espera.

    Entre a madrugada de Domingo (dia 1 de Dezembro de 2013) e final da tarde de Sexta-feira (dia 6 de Dezembro de 2013) em horário local nos Estados Unidos, o HealthCare.gov teve cerca de 37 milhões de visitantes. Durante essa semana em momentos de tráfego pesado, o site oferece oportunidade do usuário deixar seu endereço de email para ser avisado de momento oportuno para que o mesmo possa retornar ao site quando o tráfego estiver fora de seu horário de pico em acessos. Por incrível que pareça, 93 por cento das pessoas que deixaram seus emails para aviso, retornaram ao site num momento futuro para completar suas aplicações.

    Fonte:

    - Slashdot: About 25% of HealthCare.gov Applications Have Errors (em Inglês)
    - IT World: About 25 percent of HealthCare.gov applications have errors (em Inglês)

Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L