Ver Feed RSS

download

Plano de banda larga pode ter teles como parceiras, diz ministro

Avalie este Post de Blog
Rede do governo pode atender até 80% da população, diz Paulo Bernardo.
Lula disse que Telebrás será reativada para expandir acesso à internet.

Jeferson Ribeiro Do G1, em Brasília


saiba mais






O ministro do Planejamento, Paulo Bernardo, afirmou nesta sexta-feira (19), durante congresso nacional do PT, em Brasília, que o governo pode fazer o Plano Nacional de Banda Larga em parceria com as companhias telefônicas, desde que elas pratiquem preços menores e levem o acesso aos lugares mais remotos. O plano prevê a universaliação do acesso à internet de alta velocidade no país.

“Se as empresas fecharem um acordo com o governo e assumirem a responsabilidade de atender os consumidores em todo país a um preço decente, nós podemos fazer um acordo para levar o plano adiante com elas”, disse o ministro.

Segundo ele, hoje as empresas cobram preços muito elevados para o acesso à internet e não atendem os lugares mais distantes.





A declaração de Paulo Bernardo acontece horas depois de o presidente Luiz Inácio Lula da Silva dizer que o governo vai recuperar a Telebrás para ampliar a oferta de acesso à rede de internet de banda larga no país. A fala do presidente fez as ações da empresa dispararem na Bovespa, fechando com valorização de 14% após atingir pico de 18%.

Bernardo disse que a alternativa de parceria com as teles pode mesmo ser implementada e exige “uma grande soma de investimento”. Segundo ele, o cenário mais barato do Plano Nacional de Banda Larga custará cerca de R$ 3 bilhões ao governo federal em dez anos.

Bovespa perde força e fecha em baixa de 0,35%
Dólar tem maior queda semanal desde julho

Ele revelou ainda que o presidente conversou recentemente com os empresários do setor de telecomunicações e ouviu deles que há interesse no setor privado de se integrar ao Plano.
Pelo nosso plano, em 2015 conseguiremos levar a internet para o dobro de consumidores do que atual ritmo de mercado indica

“Pelo nosso plano, em 2015 conseguiremos levar a internet para o dobro de consumidores do que atual ritmo de mercado indica”, afirmou. O ministro afirmou que a rede de fibras óticas da antiga Eletronet já foi reintegrada judicialmente ao patrimônio do governo federal e que, sozinha, ele atinge cerca de 60% do território nacional e 80% dos lares brasileiros.

O ministro do Planejamento informou ainda que o governo pode fazer isenções fiscais à produção de aparelhos de modem para facilitar o acesso da população. “A gente também pode colocar esses modens como item obrigatório dos computadores do programa Computador para Todos”, comentou.
A gente também pode colocar esses modens como item obrigatório dos computadores do programa Computador para Todos

Bernardo disse que considera um preço justo se o consumidor tiver que pagar até R$ 30 para ter acesso à internet banda larga. “O problema é que as operadoras de telefonia cobram muito mais e não querem ganhar no volume e sim no preço”, disse.

O governo ainda não concluiu os debates sobre o plano e, segundo o ministro das Comunicações, Hélio Costa, só haverá uma definição sobre o modelo que será adotado apenas no começo de março.
Categorias
Não Categorizado

Comentários

Página 1 de 2 12 ÚltimoÚltimo
  1. Avatar de ederamboni
    Pra varia o Lula e suas ideias sem noção... acabou com a agricultura agora vai acaba com os provedores.....afff
    fica minha indignação, pois sou filho de fazendeiro e sei como e vc trabalhar 6 meses com promessa de X valor para a tonelada do produto e chega na hr de vender o preco estar de 15 a 25 % menor que o prometido, e se vai todo o seu lucro....
  2. Avatar de 1929
    Aos poucos eles vão colocando para fora o que sempre pensaram. Dar tudo de mão beijada para as grandes teles.
    Estes caras, quando não eram governo diziam que iam rever os leilões das Teles de 97/98.
    Mas pouco tempo depois que assumiram, veio a tona o escândalo da Telemar q
  3. Avatar de 1929
    Opa, perdi o rumo:
    continuando o que dizia, veio a tona o escândalo da Telemar que encheu os bolsos de muita gente, inclusive do filho do presidente, segundo noticias veiculadas na ocasião.

    Com toda esta movimentação que se faz em torno do projeto de Banda larga, eu nunca esperei nada de concreto que pudesse favorecer os pequenos provedores. E agora pelo que o Paulo Bernardo já disse, parece que vai ser isso mesmo, favorecimento dos grandes.
    Eles vão dizendo as coisas aos poucos, pois assim todo mundo vai se acostumando e não reclama.
    E com internet tem um forte apelo eleitoreiro, com certeza eles vão abrir as pernas para as teles.
  4. Avatar de Não Registrado(s)
    Sera que ninguem pode fazer nada contra essa palhaçada tem que ter um jeito de dar um brek nisso pq não podemos deixar que isso acontece , cada a ajuda pelos fracos vai deixar essa mer#$@ da telefonica monipolizar essa porcaria de speedy cambada de filhos das @#$@#$@ .não podemos temos que fazer alguma coisa como entrar em contato com o lula ou alguem ligado a ele. gente acorda !
  5. Avatar de 1929
    Amigo, acorda também.
    Isso já estáva traçado desde o início e com a concordância do mandatário maior.
    Eu o admiro, pois sair lá de baixo e chegar onde chegou não é para qualquer um. E ele é extremamente político e dos mais hábeis, pois nada respinga nele. Com os 80% que ele tem, ele tudo pode. Só que o dia que o povo acordar, muita coisa vai estar totalmente destruida. Tomara que não sejam as instituições democráticas.
    Vários lideres do passado chegaram pelo voto e acabaram como déspotas.
    Não que haja outros melhores, todos são iguais. Todos lutam pelos mesmos interesses.
    Dias desses eles finalmente veio a publico condenar o Arruda. Palavras eloquentes e bonitas.
    Mas poucos anos atrás aconteceu algo parecido com o mensalão do Marcos Valério, onde cairam colaboradores achegados e com ele nada aconteceu, pelo contrário, saiu mais fortalecido. Chamou de aloprados, etc etc e deixou o tempo passar. Agora vem condenar outros quando seus colaboradores faziam igual. E o povo dormindo....
    Se o país está dando certo é porque medidas foram tomadas em governos anteriores que vieram surtindo efeitos ao longo do tempo.
    Ou será que não nos lembramos mais das nossas carroças, da reserva de mercado da informática, do plano real. Tudo isso abriu as portas para a modernização da nossa industria, da nossa produção agrícola, dá nossa tão amada Petrobrás que vem desde o governo militar pesquisando o pré=sal e tantas outras coisa que foram feitas no passado e que agora estão a sustentar uma melhor qualidade de vida do povo brasileiro. E até do Proer, que na época foi tão criticado, pois estavam dando dinheiro para os banqueiros, para sanear suas contas. Se não fosse o Proer, não teriamos passado pela crise só com uma marolinha.
    E indo mais no passado, se não tivessemos tomado a peito uma Itaipú, um Proalcool, estaríamos virados numa republiqueta qualquer.
    Acompanhei tudo isso, sempre com uma preocupação, pois todo este progresso não veio de graça, mas sempre acompanhado de escândalos. Quem não se lembra do projeto Jari, do escãndalo da mandioca, das pedras peciosas envolvendo o ministro Ibraim Abi Ackel e tantos outros que ocorreram? Parece que os políticos são viciados em escândalos. Mas tudo acaba em pizza e nada acontece.
    Eu acho que o Ministro Marco Aurélio do Supremo tem razaão quando disse uma vêz que a democracia é cara por natureza.
    Não quero com estas palavras defender ninguém, pois todos os que passaram contribuiram de alguma forma, mas a um preço alto. O que quero é externar minha repulsa aos políticos que se deixam corromper, o que infelizmente parece ser a maioria.
    E voltando ao tema, não creio que estas propostas para o PNBL vá trazer alguma coisa de benefício aos pequenos. Muita conversa em torno do tema, mas creio que o plano final já esteja pronto e guardado na manga, para no momento oportuno ser apresentado em grande pompa. Afinal estamos num ano eleitoreiro e as grandes teles estão aí prontinhas para financiar campanhas. Não só elas, mas muitos outros setores acontece algo parecido.
    Desculpem amigos o desabafo, mas estou desiludido, não com a vida, mas com aqueles que querem mandar na nossa vida. Estamos nós aqui a nos debater para melhorar a qualidade de nossos serviços, com todos os empecilhos que já existem, e estes caras vão duma hora para outra nos colocar num mato sem cachorro.
Página 1 de 2 12 ÚltimoÚltimo

+ Enviar Comentário



Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L