Ver Feed RSS

mktguaruja

Tutorial SQL [Parte2] - Sintaxes

Avalie este Post de Blog
Primeiramente vamos criar um banco de dados para armazenar nossas tabelas. Em relação ao SGBD(Sistema de Gerenciamento de Banco de Dados), no próximo tutorial vou explicar a instalação nas plataformas windows e linux.

Nesse momento vou explicar os seguintes comandos:

1) Create Database
2) Comando Use
3) Create Table
4) Alguns tipos de dados

Abaixo iremos ver exemplos de sintaxes, no próximo tutorial já vamos praticar o conhecimento adquirido até o presente momento.

Exemplos:
1) Como criar com banco.

Código:
CREATE DATABASE under_linux;
Explicação:
a) O nome do banco de dados é "under_linux"
b) No nome do banco "under-linux" podemos notar que não é permitido espaços em nome de database e tabelas.
c) Create database é o início da nossa cláusula, após isso é o nome do banco
d) O comando "create databe under_linux", deve termina com ;

2) Comando USE

Código:
USE under_linux;
Explicação:
a) O comando USE é utilizado para todas as cláusula que executar, ser feita no banco de dados under_linux, pois pode acontecer de executar no banco de dados padrão do sistema.
b) O comando USE under_linux, deve termina com ;

3) Create table

Aqui é parte principal de um banco de dados, onde criamos a tabela que compõe o banco.

Código:
CREATE DATABASE usuarios
(
   nm_usuario varchar(30),
 dt_nasc date, -- (No sql server não existe date e sim smalldatetime)
   email varchar(20)
);
Explicação:
a) O comando Create Database, é onde criamos a nossa tabela do nosso banco de dados, tenha preferencia por digitar os comando sempre em letras maiúsculas como os exemplos.
b) O nome da tabelas é "usuarios" e pode ser digita em letra minúscula, e não pode conter espaço.
Dica: Use o underline(_) quando precisa usar o espaço.
c) O parenteses indica o começo das colunas que vai conter na nossa tabela
Dica: Evite colocar tudo somente em uma linha, pois fica dificil a visualização, e mais complicado para achar o erro.
d) nm_usuario, é o nome da nossa primeira coluna da tabela, após a reclaração do tipo de dados colocar "," para separar uma coluna da outra.
e) a segunda coluna da nossa tabela seria o dt_nasc, e a terceira coluna seria o email, notamos que não possui virgula no ultimo campo da nossa tabela, pois não havera nenhuma coluna após ela.
f) Após as declaração das colunas que vai conter na nossa tabela, fechamos o parenteses e colocamos ";" indicando que o comando chegou ao fim.

Tipos de dados usado na tabela:

Na tabela criada acima notamos que após a declaração no nome do campo na tabela temos o tipo especifico. No caso é o Varchar. Usamos quando a entrada de dados pode variar.

Exemplo:

Código:
nm_cliente varchar(50),
O que declaramos entre parenteses é a capacidade total que contém para armazenar, o varchar pode varias de acordo com o nome do cliente não é necessario o nome do cliente ter 50 caractares, podendo inserir um nome somente com 30.

Date ou smalldatetime, é uma campo especifico para armazenar data e hora.

Atualizado 20-05-2010 em 22:40 por Magal

Categorias
Tutoriais

Comentários


+ Enviar Comentário



Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L