Ver Feed RSS

Redes de Computadores

Calcular disponibilidade e indisponibilidade dos ativos de rede

Avalie este Post de Blog
Vou tratar aqui de disponibilidade em ativos de TI, disponibilidade de um equipamento ou sistema é calculado baseado na taxa de falhas que o mesmo apresenta e dai podemos ter o parâmetro confiabilidade. Antes de começar algumas siglas são muito importantes e conhecer seu real significado vai facilitar o entendimento:

MTBF Mean Time Between Failures (Tempo Médio entre Falhas)

MTTR Mean Time To Repair (Tempo Médio para Reparos)

MTTF Mean Time To Failures (Tempo Médio entre Falhas)
Nome:      ScreenShot00003.jpg
Visitas:     5059
Tamanho:  36,6 KB


O MTTR é o tempo médio de reparo e normalmente depende do SLA acordado, nos exemplos aqui vamos utilizar um número apenas para uso didático. Abaixo temos uma tabela com as disponibilidade de 1 até 7 noves e os tempos de parada (indisponibilidade ou downtime) por ano.
Nome:      ScreenShot00008.jpg
Visitas:     5185
Tamanho:  75,8 KB

Para chegar a esse tempo foi pegue o MTBF do equipamento e o tempo que leva para reparo do mesmo. Nos equipamentos onde exige alta disponibilidade um bom número é o que se chama de 5 Nines (5 noves) já que o tempo de downtime é de apenas 315 segundos por ano.
Clique na imagem para uma versão maior

Nome:	         ScreenShot00006.jpg
Visualizações:	5239
Tamanho: 	29,3 KB
ID:      	49567

Exemplo: um switch tem um MTBF de 20.000 horas e o tempo de reparo de 12 horas, nesse caso esse switch tem uma disponibilidade de 99,94%

Clique na imagem para uma versão maior

Nome:	         ScreenShot00014.jpg
Visualizações:	4968
Tamanho: 	26,8 KB
ID:      	49566

Já com a disponibilidade calculada como nesse exemplo 99,94% vamos agora achar os tempos que esse equipamento fica parado ou em downtime por ano e por mês, 1 é a parte total ou seja 100% e faço uma subtração da disponibilidade e assim tenho como resposta a indisponibilidade que nesse caso é 0,0006 horas, estamos trabalhando sempre com a unidade hora.

Clique na imagem para uma versão maior

Nome:	         ScreenShot00010.jpg
Visualizações:	253
Tamanho: 	13,2 KB
ID:      	49560

Com esse valor de 0,0006 horas que é o tempo em que esse equipamento fica em downtime em um período de 20000 horas que é o MTBF do switch usado como exemplo agora desejo saber quanto tempo esse switch fica em downtime em um ano.

Clique na imagem para uma versão maior

Nome:	         ScreenShot00011.jpg
Visualizações:	4861
Tamanho: 	23,1 KB
ID:      	49561

Sabendo que um ano tem 8760 horas, (exceto para o ano bissexto que tem um dia a mais) que pode ser corrigido acrescentando 6 horas a mais já que o ano bissexto ocorre a cada 4 anos e com isso 6 horas multiplicado por 4 você compensa essas 24 horas há mais do ano bissexto, em todo caso nesse exemplo vou desconsiderar o ano bissexto, que de um downtime no período de um ano de mais de 5 horas ou seja 315 minutos (5,256*60) ou ainda 26 minutos por mês (315/12=26).

Clique na imagem para uma versão maior

Nome:	         ScreenShot00014.jpg
Visualizações:	4896
Tamanho: 	40,2 KB
ID:      	49562

Para conhecer a disponibilidade de todo o sistema deve ser levado em consideração a disponibilidade de cada ativo e como se conecta aos outros, seja de forma paralela ou serial, e somente dessa forma podemos determinar a disponibilidade total, sempre que temos um equipamento conectado serialmente aumentamos a indisponibilidade já que se um dos equipamentos parar o outro também para, um depende do outro, a indisponibilidade fica maior do que a maior indisponibilidade individual conforme podemos verificar no exemplo abaixo onde tínhamos ativos que estão representados por 2 switches (sw1 e sw2) com disponibilidade individual de 99,99% cada equipamento após a serialização a disponibilidade do conjunto caiu para 99,98%

Dt=D1*D2
Clique na imagem para uma versão maior

Nome:	         ScreenShot00015.jpg
Visualizações:	4946
Tamanho: 	53,6 KB
ID:      	49563

Quando desejamos aumentar a disponibilidade de um ativo ou sistema, devemos usar equipamentos em redundância ou seja ligar em paralelo e com isso aumentamos sua disponibilidade já que caso um equipamento venha a falhar o outro pode assumir, no exemplo foi utilizado 2 switches (sw1 e sw2) exatamente iguais com disponibilidade individual de 99,99% após a paralelização do conjunto tivemos um aumento significativo de disponibilidade de 99,99% para 99,999999%
Clique na imagem para uma versão maior

Nome:	         ScreenShot00016.jpg
Visualizações:	5022
Tamanho: 	98,2 KB
ID:      	49564

Atualizado 22-12-2013 em 20:26 por aldevan

Categorias
Tutoriais

Comentários


+ Enviar Comentário



Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L