Página 1 de 3 123 ÚltimoÚltimo
+ Responder ao Tópico



  1. #1

    Post Rede FTTC em bridge

    Bom dia senhores, gostaria de sanar umas dúvidas com vocês se possível
    Fui convidado a acompanhar a criação de um projeto para um provedor de internet FTTc ( Fiber to the Curb )

    Pra quem não conhece, basicamente consiste numa tecnologia onde a fibra sai da central, e entra em "Curbs", uma espécie de switch que entra óptico e sai uTP. Esses Curbs ficam localizado nos postes próximo as residências dos assinantes. É uma tecnologia bem interessante principalmente pra provedores que estão iniciando. Essa rede tem pretensão de atender até 1000 clientes.

    Bom, a dúvida ficou mais a nível lógico. O projetista que esta montando o projeto afirmou que a rede da cidade ficará toda em BRIDGE. O projetista afirmou que mesmo com a rede em Bridge é possível gerenciar através da OLT todas as ONUs(Curbs) e até mesmo os switches ligados as ONUs.
    Todos os serviços, como firewall, autenticação PPPoE e roteamento ficarão em um unico mikrotik CCR1036 na central. E o gerenciamento se dará por uma máquina i3 com mk-auth na central.

    Destaquei os pontos de receio:

    1 - Pelo que acompanho no fórum vejo todos afirmando pra correr de rede bridge que é dor de cabeça. A informação procede mesmo com essa tecnologia hibrida fibra/uTP ? Mesmo sendo realmente possível gerir e identificar os problemas nos equipamentos específicos através da OLT?

    2 - Seria mais interessante um pc x86 ou um ccr1036? E é realmente interessante centralizar tudo em um ponto só?

    3 - Não existem tecnologias mais novas e superiores do que o MK-Auth pra essa gerência?

    4 - Seria interessante optar por outro por outro sistema de borda mais estável que o mikrotik?

    5 - A rede toda em bridge não vai trafegar muito lixo ( broadcast ) ?

  2. #2
    tecnico chefe Avatar de naldo864
    Ingresso
    May 2010
    Localização
    Carapicuíba, Brazil, Brazil
    Posts
    3.125
    Posts de Blog
    1

    Padrão Re: Rede FTTC em bridge

    amigo bom dia .

    se o receio e a rede em bridge use swtichs gerencialveis nas caixas ,para gerenciamento do provedor existem muito softwares.

    gerenet,topsap,foxpanel,myauth ai tem que ver qual cabe em seu bolso.

    quanto a gerenciar em um ponto so eu acho melhor por que colocar mas equipamentos na rede externa e mas manutenção .
    geralmente racks bem aterrados e com baterias a chance de parar na central e bem pequena .
    quanto a questão de broadcast isto e inevitavel ,use pppoe e seja feliz .



  3. #3

    Padrão

    Citação Postado originalmente por shacaw Ver Post
    Bom dia senhores, gostaria de sanar umas dúvidas com vocês se possível
    Fui convidado a acompanhar a criação de um projeto para um provedor de internet FTTc ( Fiber to the Curb )

    Pra quem não conhece, basicamente consiste numa tecnologia onde a fibra sai da central, e entra em "Curbs", uma espécie de switch que entra óptico e sai uTP. Esses Curbs ficam localizado nos postes próximo as residências dos assinantes. É uma tecnologia bem interessante principalmente pra provedores que estão iniciando. Essa rede tem pretensão de atender até 1000 clientes.

    Bom, a dúvida ficou mais a nível lógico. O projetista que esta montando o projeto afirmou que a rede da cidade ficará toda em BRIDGE. O projetista afirmou que mesmo com a rede em Bridge é possível gerenciar através da OLT todas as ONUs(Curbs) e até mesmo os switches ligados as ONUs.
    Todos os serviços, como firewall, autenticação PPPoE e roteamento ficarão em um unico mikrotik CCR1036 na central. E o gerenciamento se dará por uma máquina i3 com mk-auth na central.

    Destaquei os pontos de receio:

    1 - Pelo que acompanho no fórum vejo todos afirmando pra correr de rede bridge que é dor de cabeça. A informação procede mesmo com essa tecnologia hibrida fibra/uTP ? Mesmo sendo realmente possível gerir e identificar os problemas nos equipamentos específicos através da OLT?

    2 - Seria mais interessante um pc x86 ou um ccr1036? E é realmente interessante centralizar tudo em um ponto só?

    3 - Não existem tecnologias mais novas e superiores do que o MK-Auth pra essa gerência?

    4 - Seria interessante optar por outro por outro sistema de borda mais estável que o mikrotik?

    5 - A rede toda em bridge não vai trafegar muito lixo ( broadcast ) ?
    Tem ideia de quantos clientes vão atender? Tem ideia de quanto vai custar esse projeto??

  4. #4

    Padrão Re: Rede FTTC em bridge

    Boa pedida PPPoe ... diminui muito a latência.



  5. #5

    Padrão Re: Rede FTTC em bridge

    pppoe e ainda colocaria um roteador na casa de cada cliente.

  6. #6

    Padrão Re: Rede FTTC em bridge

    Obrigado pelas informações @naldo864, realmente o objetivo ja era utilizar Switches L2. Os gerenciáveis L3 fica inviável pra colocar em cada caixa.

    Voce tem experiência com alguns dos softwares de gerenciamentos citados? Qual seria o mais estável?

    Segundo o projeto, haverá um banco de baterias e aterramento nos racks. Como ja citado será utilizado PPPoE, e com os switchs L2 , será dividido em VLAN que limitarão os domínios do broadcast.