+ Responder ao Tópico



  1. #19

    Padrão Re: Vale a pena começar um provedor via rádio?

    Citação Postado originalmente por ArthurNet Ver Post
    Meu caro, conselho de amigo, vai começar uma rede via radio em 2017 ??? Não invista mau seu dinheiro, pior coisa é você ver seu dinheiro mau aplicado, ou melhor ver sua empresa que vale 500 mil um exemplo passar a valer 100 por causa que um concorrente chegou e passou uma tecnologia melhor e você perdeu a preferencia ....

    Se você vai tirar o preço da instalação do cliente vá de fibra óptica ( a estrutura e a base é mais cara, só que o cliente final sai quase o mesmo preço que no radio ) se informa ai com a concessionaria da sua região e arrepia ai .... ai sim você vai ter um dinheiro bem investido e sabendo que ninguém vai chegar para te derrubar, o maximo que vao conseguir é empatar, e para empatar ninguém vai chega .... eu poderia te aconselhar a um cabeamento utp, mais tudo depende do seu dinheiro para investir, e dos seus parceiros, do seu projeto, cabeamento utp sai mais barato, e não precisa compra nada de computech e outros ai não, se for fazer isso vai pagar caro por uma bobagem, ai sim é melhor fibra, cabo utp é pra economizar, atender nao muitas pessoas, e com uma pequena adaptação no switch intelbras de 50 reais vc coloca ele na rede e fica show de bola, não é a mesma adaptação do mercado livre, a energia precisa passar separada da placa do switch por que a placa dos switch por padrao nao aguenta a solda e a placa uma passagem constante de energia .... aqui temos uma rede de 160 vdc continuo, criticando ou nao funciona e é show de bola, com adaptação e proteção contra surtos na rede, tem 500 clientes nessa modalidade, mais vamos migrar tudo pra fibra já começamos para não dar brexa pra concorrencia e de uma vez por todas sossegar nos investimentos de estrutura até inventarem algo melhor que a fibra optica que acho difícil porinquanto rsrs ...

    é isso minha opnião é essa 2017 uma hora impropria para começar uma rede via radio
    Bom dia, você tem o mesmo pensamento que eu...
    Veja na época do 2.4ghz meu concorrente acabou com o espectro espalhando omni pela cidade, algumas a menos de 100mt de outra. Me obrigou a partir para 5.8ghz, fiz isso, 58ghz com equipamento em comodato, vinha quebrando as pernas dele, enquanto eu instalava 20 clientes 5.8ghz ele instalava um em 2.4ghz, me preço mais alto que o dele., Sabendo a limitação do rádio, a alta do dólar, meu pensamento era partir logo para a fibra, mesmo que com pacpon, ou fibra direto, porém o concorrente no desespero perdendo clientes todos os dias e sem balha na agulha para 5.8ghz comodato, saiu cabeado utp, doido no desespero, e assim conseguiu uma ligueira estabilidade e novamente começou a descer o preço da mensalidade para tentar atrair e pegar alguns clientes, então como o projeto para fibrar é muito mais complexo e demorado tive que cabear utp nas pressas para não perder os clientes que estavam satisfeitos, porém o concorrente desleal fazia o preço bem mais barato e muitos só olham pro preço.

    Resultado, estamos com cabo utp, porém os switchs já estao lotando, e a manutenção é custante sempre tem um lugar com problema em fim, meu pensamento é fibra, e dessa vez vai sair o golpe de misericórdia nele que não tem capital para isso, já que tudo dele é mais barato, não cobra instalação é tudo muito porco.

    Gostaria de saber como funcionada seu esquema de proteção de surto, pois aqui na rede utp a cada chuva queima muitas portas dos switchs, é o barato que sai caro, aqui aterro a entrada da fonte 160v porém o surto vem dos clientes e pelos cabos de dados (verdes e laranjas), estou pensando em aterrar o negativo da rede no caso um dos marrons do utp o que acha? já que não sei como aterrar os pares de dados...

  2. #20

    Padrão Re: Vale a pena começar um provedor via rádio?

    @delegato , nos vídeos do XWave Metro me parece que foi pensado também na questão da queima de portas nos SW. Tanto que os SW deles quando queima uma porta é só trocar um módulo. O SW continua.
    Não me pergunta o preço do módulo pois o que sei é só a teoria que foi explanada. Como tudo na vida a teoria é uma coisa e a prática nem sempre é a mesma.

    Por isso que não posso condenar o Xwave Metro nem elogiar. Meus comentários se apegam somente a questão da proposta. Caso haja "furos" seria bom expor mesmo.
    Dá uma olhada lá e depois por favor comente algo positivo ou negativo para enriquecimento de todos nós.



  3. #21

    Padrão Re: Vale a pena começar um provedor via rádio?

    O Luciano falou num de seus videos q o modulo LAN custa 80 reais.

  4. #22

    Padrão Re: Vale a pena começar um provedor via rádio?

    Não é grande a cidade. Tem aproximadamente quase 15000 habitantes. Olha a minha meta era chegar em pelo menos uns mil assinantes. Aqui tem 3 provedores um utiliza UTP e já está migrando p fibra o outro utiliza rádio e tem um que não está operando mas vai utilizar fibra também. O centro da cidade é bem pequeno.



  5. #23

    Padrão Re: Vale a pena começar um provedor via rádio?

    Citação Postado originalmente por 1929 Ver Post
    @delegato , nos vídeos do XWave Metro me parece que foi pensado também na questão da queima de portas nos SW. Tanto que os SW deles quando queima uma porta é só trocar um módulo. O SW continua.
    Não me pergunta o preço do módulo pois o que sei é só a teoria que foi explanada. Como tudo na vida a teoria é uma coisa e a prática nem sempre é a mesma.

    Por isso que não posso condenar o Xwave Metro nem elogiar. Meus comentários se apegam somente a questão da proposta. Caso haja "furos" seria bom expor mesmo.
    Dá uma olhada lá e depois por favor comente algo positivo ou negativo para enriquecimento de todos nós.
    Amigo a rede XWave Metro tem as seguintes vantagens no meu entendimento:

    1 Não necessitar de máquina de fusão
    2 Uso de cabo drop (lançamento simples e rápido).
    3 Baixo custo para ativar o cliente já que é via UTP (nada de onu, nem mesmo na rua!).
    4 Alimentação reversa do sistema.
    5 Voce pode cascatear para direita e esquerda fazendo jamper na placa, (no caso perderia a garantia ao abrir o equipamento)
    ___________________________________________________________________________

    As desvantagens no meu entendimento são as seguinte:

    1 O equipamento que recebe a fibra e dar seguimento na mesma ( duas portas spf) necessita de estar alimentado constantemente ou seja se parar um ponto para tudo! se queimar um ponto para tudo daí a frente, como na rede cabeada!.
    Na rede híbrida (pacPon) cada pac trabalha individualizada já que a retransmissão da fibra é feita por um spliter 1/2 ou seja se um pacpon parar ou estiver desligado pq não tem ninguém online tudo segue naturalmente pois é passivo o spliter repassa os dados.

    2 Ficar dependendo de uma única empresa, vai que eles desistem desse sistema no futuro como ficara para ampliar ou trocar alguma coisa queimada ou com defeito?, A CIANET trabalhava com o HPNA a um tempo atrás e desistiu, o que será que fazem hoje os provedores que precisam de algum equipamento HPNA?
    Da para fazer um sistema barato e parecido usando conversores de mídia pq na verdade o Xwave metro ao meu entender nada mais é que um ptp em fibra, ou seja um conversor equipado com switch! você pode fazer avulso, um ptp com conversor de mídia e por um switch para distribuir, alimentando tudo passivamente, só que corre o mesmo risco de se parar um ponto parar tudo, e tem a mesma vantagem cima de poder cascatear pros dois lados usando switchs, então em ambas as formas as caixas onde chegam a fibra podem estar bem distantes...

    3 A um tempo atrás idealizei uma rede pacpon usando cabo drop, no caso sairia com 4 cabos um para cada rua, porém não cheguei a calcular as percas mais aqui a cidade é minúscula dava para fazer pequenas ilhas como cabo drop, assim o sistema seria híbrido, com spliter 1/2 desbalanceado, e não teria o risco de se parar um pacpon parar tudo!, e iria por os pons a cada 5 postes, e nesses pons sairiam para pacswitch cascata para direita e esquerda ou seja uma ONU para 3 switchs, nesse caso teria um risco de caso parar um pacpon pararia na verdade 3 caixa, mais isso reduziria bastante as ONU na rede, e o custo para ativar os cientes na rede ficaria bem mais baixo do que esse xwave metro.
    No futuro penso em tentar estudar melhor essa ideia minha se for viável, posso por em prática para ter um gás e assim mais adiante poder comprar maquina de fusão, equipamentos de ancoragem, caixas, spliters, fo de 12 vias, e também as ONU que muitas deveram ser comodato, a parte da fibra ftth, que acho complicada é na questão de derivar as fibras por rua e etc.

    Como aqui a cidade é muito pequena acho mesmo com fibra ftth, não vislumbro planos maiores que 15Mbs tão cedo, pois o poder aquisitivo é pequeno, o povo prefere sempre a menor banda possível, desde que seja a mais barata, na verdade com o passar dos anos como a velocidade vai ficando obsoleta, eu naturalmente faço atualização nos planos sem cobrar nada a mais..

    Queria comprar uma OLT de 1 porta GPON (mais não conheço nenhuma) qualquer coisa vou por uma GEPON mesmo já que não seria FTTH, no futuro so trocar as ONU e a OLT, não teria centenas de clientes para trocar.

  6. #24

    Padrão Re: Vale a pena começar um provedor via rádio?

    companheiro, se vc esta com algum dinheiro inicial pra investir, eu recomendo tentar iniciar em outro ramo, eu vendi meu provedor em 2015, e acho que foi a melhor coisa q eu fiz, esse ramo consome muito da gente, sem contar que o investimento é constante, e tambem a tendencia é que os provedores regionais crescam mais e mais obtendo poder aquisitivo de link com preços melhores e logo eles vem cobrindo as sombras de areas de atendimento, nesse tempo eu pude confirmar que varios tipos de negocio rendem mais lucro do que um provedor com media de 800 assinantes e sem as dores de cabeça com link, anatel, aluguel de repetidores, tecnicos subindo em torres, veiculos, consultorias, investimentos mensais em novos equipamentos, chuva, postes, interferencia..... percebi que uma lojinha de 20mt/2 produtos eletronicos importados pode lucrar tanto quanto um provedor desse porte que mencionei acima e sem essas responsabilidades, se vc acertar o ponto comercial bom tenho certeza que pode ser melhor, pois eu sai do ramo de provedores pq vi que nao da pra ficar sendo pequeno pra sempre, e pra crescer com provedor tem que ter muita disposição, empenho e cascalho pra investir

    tem um amigo comerciante que tem uma loja de eletronicos aqui perto e a loja dele vendem em media 2500 á 3500 por dia em produtos importados onde a media de lucro é 100%, pagando apenas aluguel, contador e 2 funcionarios e despesas diversas nao chegam nem aos pés do que gasta um provedor