Página 1 de 7 123456 ... ÚltimoÚltimo
+ Responder ao Tópico



  1. #1

    Padrão Cabo RGC6 DLC6, 75OHM - Por que funcionou melhor que o de RGC58 em um sistema wi-fi??

    Boa Tarde pessoal!

    Quero dizer que ja vi muita briga com relação a esse assunto. Foram os topicos que deram mais criticas e problemas. Já digo que o objetivo não é gerar polemica e vou trabalhar com os dados fornecidos pelos datasheets dos fabricantes dos cabos.

    No inicio usava somente RGC-213, depois comecei a usar RGC-58 nos clientes, procurando manter até 10metros. Consegui trabalhar com clientes com 9metros de RGC-58 85% malha da condutti com até 2,74KM de visada perfeita pra uma onmini AQUARIO de 15Dbi. Essa onmini funciona hoje com 20 simultaneos de pico e atende clientes com 128K e 256Kbps. Compro o RGC-58 85% a R$120,00 o rolo de 100mts.

    Começou a confusão quando uma cliente de outro provedor me ligou pedindo pra que eu fornecesse sinal pra ela. Percebi que a antena dela estava a uns 15metros da placa PCI ralink 2561t dela, e vi que o cabo era fino. Sem me preocupar alinhei a antena e vi o sinal dando 100% ou -51dbm. Pingou o MK beleza, mesmo com 30000bytes de buffer ficou em torno de 180ms. Gostei. Fui investigar e medi o cabo dela que dava 17metros de comprimento. Anotei o nome do cabo RGC6 de 60% de malha. No google earth a visada era de 2,1KM. Gostei muito do resultado daquele cabo que um concorrente estava usando. Comecei a pesquisar aqui e vi muitas brigas por causa dos 75OHM aqui no forum. Então parti pros DATAsheets dos fabricantes e fiquei surpreso.


    Cabo | Atenuação e Potência Remanescente em 10 mts*

    Lembrando que DLC58 é o mesmo RGC58.
    Estive olhando os Serie 6 e os DLC6 que tambem são equivalentes aos RGC6 com algumas variações como Quadshield trishield, condutor central variando entre aço cobreado e cobre nu.

    Bom Galera o que me surpreendeu é como esses cabos de 75OHMs RGC6(DLC-6 e cabos serie 6) tem o mesmo diametro do condutor interno do RGC-58(1,02mm) e o RGC58 tem uma atenuação de 58% a mais em 10 metros.SALVE os RGC6 em 2,45GHz.

    Vi que esses cabos 75ohms, tem eles com 60% de malha e 90% de malha e ainda tem uns com Trishield e Quadshield, concerteza melhorando e muito a inmunidade a ruidos. Velocidades de propagação chegam a superar em 2% a dos RGC58 e RGC213, tendo modelos com 84% de VP.

    Estou consciente que estes cabos são melhores que os melhores RGC58, mesmo usando eles em sistemas WI-FI (50ohm).

    Não tenho como medir ROE, mas não vou me importar com isso já que na pratica vi uma placa RALINK funcionando melhor que qualquer RGC58, com 17Metros de cabo RGC6 e a cliente me disse que tinha comprado o kit a mais de 1,5 anos(Não Queimou)

    Pensei, 75OHM maior que os 50OHM do cabo correto. OK então está errado em usar. Verifiquei e vi que a capacitancia desse cabo é menor, então o sinal ficaria com uma amplitude maior trafegando nesse cabo correto, concerteza os ruidos tb. Mas não vou levar nada disso em consideração, porque também as antenas muitas delas são fechadas em CURTO circuito, e mesmo que apresentem 50OHM considerando ressonancia de 2,4GHz, e se tiver descasamento de impedancia por causa do cabo, Não QUEIMA o equipamento, pois 1,5 ANOS do equipamento dela e nao queimou. Outra, como o cabo´tem uma impedancia maior que a da ANTENA, acredito que a impedancia final se dara pela antena que tem uma impedancia menor, sendo a impedancia do cabo maior, não apresentará problemas.

    Bom fecha aqui minha experiencia vivida com esses cabos de 75OHM, e estou providenciando a compra de um rolo de 100mts com Quadshield, condutor central de cobre nu, e uma broca de 7mm, pra refurar a porca dos meus conectores SMA e N-femea, para nao ter dificuldades em colocar os conectores nesses cabos. EM 10 METROS SÃO 2.2dbs de potencia a mais...
    Tai explicado porque fica melhor...

    Agradecer não toma tempo quanto fazer um topico desses....
    Última edição por nandofer; 21-04-2009 às 18:07. Razão: a tabela saiu doidona-pensanum cara que apanhou pra colocar essa tabela aqui... rssrsrsrs

  2. #2



  3. #3

    Padrão

    Já fiz experiências com rgc6 em um kit cliente com 15m deste cabo, e o resultado foi excelente, mas nunca tive coragem de usa-lo em nenhum cliente, foi só por experiência mesmo,mas há muita controvérsia em relação a esse cabo...

  4. #4

    Padrão

    A impedância do cabo não é crítica quando existe um perfeito casamento de impedâncias, o que parece ter ocorrido neste caso. Pode ser até uma coincidência.
    Agora, o teste mesmo vai ser quando fizer outros para ver se vai confirmar.
    Vou acompanhar teus testes.



  5. #5

    Padrão

    Realmente a indutria nos empura o rgc058, as diferenças são absurdas. NO inicio sempre comprei os cabos da empresa Orion e eles sempre me mandaram com este cabo o rgc6. A NET empresa de internet e televisão usa este cabo nos postes, para levar internet e televisão aos clientes e ela usa mais que 30metros, Nos clientes que tenho este cabo o sinal é 100%. Comparado ao rgc058.
    Muito bom teu tópico.

    O grande problema, é com relação ao conector, se não me engano já estão fabricando conector para este cabo. Tenho aqui. Um pigtail que comprei da Orion antenas com este conector.
    Mas aconselhor usar, o conector cripado.

  6. #6

    Padrão

    faça um teste com um cabo pequeno , tipo uns 3 ou 4 metros, pra ver o resultado talvez o fato do cabo ser muito grnade tenha ajudado a aliviar a impedancia.



  7. #7

    Padrão

    na verdade uma coisa eh uma coisa.. outra coisa eh outra coisa...

    nosso sisema de radio.. trabalha em 50ohms... vc usando cabo de 75 vai ter desempenho inferior.. ohms é a resistencia...

    funciona ? claro.. eh um meio condutor igual outro.. o problema eh a qualidade do sinal que vai estar saindo/chegando nos aparlehos.. isso nao conseguimos VER ..

    e uma dica.. parem de usar essas porcarias.. usem no minimo RGC213 ... nao adianta fazer coisa barata.. pra ficar com qualidade duvidosa.. e nao venham falar que funciona igual ou melhor que.. se fosse assim.. porque teria o RGC213 ?

  8. #8

    Padrão

    preço meu camarada, preço. 90% da clientela de internet via radio é de nego sem grana, e sempre o bacana vai optar pelo preço menor, nao importa o quanto o outro produto seja melhor, o cliente nao entende desses lances técnicos, ele só pergunta quanto é e se funciona, só isso.



  9. #9

    Padrão

    eh.. preço.. dai tu gasta no minimo o triplo... pq o ap vai ficar ruim quando tiver mais clientes online nele.. ai os nego vem aqui no forum postar "meu ping ta alto... ta perdendo pacote... ta caindo.. etc etc etc"

    poe na ponta o lapis o custo da manutenção ...

  10. #10



  11. #11

    Padrão

    celular gsm/tdma seria um bom exemplo :P


    Citação Postado originalmente por fernandofiorentinn Ver Post
    pra que existe o cabo rg 58?

  12. #12

    Padrão

    Rapaz n sei uso ak cabo de 2mts da Pekon rg213/u de 50ohms e achei melhor q os de 75 ohms ta show as antenas!
    Aumentou e melhorou a qualidade e muito!



  13. #13

    Padrão

    Ohm - Wikipédia, a enciclopédia livre

    é bom ler isso ai ... ja da uma ideia... impedancia de cabo.. nao quer dizer que.. 75 eh melhor que 50 ... nem que 50 eh melhor que 75 .. se o sistema eh 50ohm.. TEM Q USER 50ohm.. para ter o desempenho necessario...

  14. #14

    Padrão

    É como o Alexandre diz.
    50 ohms é uma coisa e 75 ohms é outra.
    Mas é muito complexo o comportamento de um cabo, pois dependendo das condições locais, da calibração da antena e da saída do rádio, estes 50ohms podem não estar presentes em uma das pontas, seja no rádio ou na antena.
    No rádio normalmente o controle de qualidade e o próprio projeto vão satisfazer estas medidas.
    Já na antena, nem sempre é assim.
    Daí a necessidade de casar a impedância. E logicamente um cabo de 50 ohms tem, teoricamente mais chance de produzir este casamento.
    Mas se isso não acontecer, vão ser necessários alguns artifícios para produzir este casamento das impedâncias.
    Nesta faixa de frequencias não tenho experiência, mas como radioamador nas faixas de HF, eu usava um acoplador de antenas para permitir a máxima transferencia de sinal para a antena.

    Tem radioamadores que não gostam e até criticam o uso de acopladores mas eu posso dizer por experiencia própria que em 40m ou frequencia de 7.1 mhz fiz a volta ao mundo usando um acoplador de antenas. Se ele não fosse eficiente, eu não teria conseguido isso.
    No momento que o medidor do acoplador me mostra a menor SWR ou ROE, é o momento que dá a máxima transferencia de sinal
    Imagino que em 2.4 os princípios de radioeletricidade devem ser os mesmos. Pena que um instrumento para fazer esta medição em 2.4 custa caro. Um Bird 43 custa lá fora 380 dólares. Mais as pastilhas para o frequencia a ser usada, que eu nem sei o preço e coloca frete e impostos e vê onde fica.
    Passa dos 2.000 reais.

    É sobre isso que o Gilvan tem falado. Acoplamento.
    É pena que logo de início ele entrou de sola, criando um certo antagonismo na maioria de nós.

    O que pode ter acontecido com o colega que levantou o assunto é que por coincidência houve um melhor casamento das impedancias. Mas ísto não é a regra. 50 é para 50 e 75 é para 75 esta é a regra. Mas se conseguir fazer este acoplamento, esta especificação do cabo vai ficar transparente.
    E tem outros fatores que vão influenciar no resultado final, como blindagem e atenuação por exemplo.



  15. #15

    Padrão

    Cabo RGC213 em cliente não dá, alem de ser caro é muito grosso, ia ter que arrombar a parede do cliente pra passar o cabo, já o RG58 é flexivel e bem mais fino e barato.

  16. #16

    Padrão

    Citação Postado originalmente por lipeiori Ver Post
    Cabo RGC213 em cliente não dá, alem de ser caro é muito grosso, ia ter que arrombar a parede do cliente pra passar o cabo, já o RG58 é flexivel e bem mais fino e barato.
    imagina passar um 213 por um conduit, tem nego que nao deixa furar a parede de jeito nehhum



  17. #17

    Padrão OHM é resistencia... mas neste caso seria (impedancia capacitiva)

    Citação Postado originalmente por alexandrecorrea Ver Post
    na verdade uma coisa eh uma coisa.. outra coisa eh outra coisa...

    nosso sisema de radio.. trabalha em 50ohms... vc usando cabo de 75 vai ter desempenho inferior.. ohms é a resistencia...

    funciona ? claro.. eh um meio condutor igual outro.. o problema eh a qualidade do sinal que vai estar saindo/chegando nos aparlehos.. isso nao conseguimos VER ..

    e uma dica.. parem de usar essas porcarias.. usem no minimo RGC213 ... nao adianta fazer coisa barata.. pra ficar com qualidade duvidosa.. e nao venham falar que funciona igual ou melhor que.. se fosse assim.. porque teria o RGC213 ?
    Me impressiona ver alguem com uma reputação boa como a sua falar sobre isso como se você tivesse certeza. Veja bem... não estou sendo grosso nem desacatando ninguem, mas vc foi errado em falar isso. Vamos ter humildade por aqui...

    A impedancia de 50OHM e de 75OHM em um cabo é dado pela capacitancia que tem o mesmo e nao pela resistencia OHMICA(eletrica). 50OHM para um sinal RF é mais complicado que num meio de 75OHM(Cabos), é como se fosse mais carga capacitiva em paralelo tentando aterrar o sinal, como se fosse mais atenuação por metro pra um sinal RF que um cabo de 75OHM.

    um cabo de 50OHM tem em media 81a82 pF/m, isso se comporta como um capacitor, num sinal de RF, ou seja... toda hora muda de polaridade, então é uma carga capacitiva para o sinal, apresentando uma impedancia de 50OHM, é a grosso modo uma carga de 50OHM em paralelo com o gerador de RF. Já o cabo de 75OHM é uma carga menor em paralelo(uma capacitancia menor) então o gerador de RF se sente mais solto atingindo niveis de amplitude maiores. Não é simples como falar... 75ohm é maior resistencia, então será pior. A impedancia é uma das variaveis em um cabo que aumenta a atenuação. Menor impedancia=maior capacitancia=maior atenuação para RF. Entendido,,, então é exatamente o contrario... 75ohm tem menos capacitancia... OK?

    Mas tudo foi projetado pra 50OHM... entao seria melhor usar 50ohm... Não nesse caso pois a ROE, onda estacionaria,,, não queima esses equipamentos de baixa potencia, e as antenas eletricamente são um curto circuito nesse caso não se faz a necessidade de ter um cabo com 50ohm. Se vc tiver um meio melhor de conduzir a amplitude do sinal ao maximo até a antena... vá enfrente... e conforme a tabela é conseguido com o cabo de 75ohm RGC6 comparado ao RGC58.

    O RGC213 é melhor, nao especificamente por ser 50ohm, mas por ter o condutor central com uma melhor condutividade. Esta impedancia de 75OHM nao quer dizer que vai ter uma atenuação maior, por mesmo 75OHM sendo maior que 50OHM. Esse condutor nao se comportaria como uma carga resistiva nao, se comportaria como uma carga CAPACITIVA.

    veja o que voce disse:

    "na verdade uma coisa eh uma coisa.. outra coisa eh outra coisa...

    nosso sisema de radio.. trabalha em 50ohms... vc usando cabo de 75 vai ter desempenho inferior.. ohms é a resistencia...""

    se esta impedancia pra RF for maior, e o cabo tiver capacidade de passar a frequencia com uma menor atenuação o sinal vai chegar melhor. Esta condição é oposta a condição de colocar um cabo de 50ohm num sistema TV a cabo 75ohm a imagem sai embassada, nesse caso abaixando a impedancia, o gerador de RF não suportaria a maior capacitancia do cabo(carga), apresentando um problema de transferencia de potencia.

    No caso que usamos, é proposto colocar um cabo de 75ohm num sistema preparado para 50ohm. Os resultados são melhores. A condutividade do condutor central é semelhante e da malha tb... mesmo melhores um pouco não justifica sozinho o ganho, comparado ao RGC58 e os cabos passam frequencias de 2.4GHZ com uma atenuação menor. confere o datasheet. Isso se dá pq a capacitancia é menor.

    Estou fundamentado com testes praticos e com o DATASHEET do fabricante. A atenuação desse RGC6 é 58% menor em 10 metros na frequencia de 2.4GHz que o RGC-58, porem ainda nao supera o RGC-213. isso que vou defender aki.

    Em nenhum momento comparei com rgc-213. O rgc213 nao entrou na comparação pois a atenuação dele é menor. Não seria proposto por vc comparar RGC-213 com o RGC6. ok? não se fala mais nisso.


    1- A resistencia ohmica(eletrica)... do RGC6 de 75OHM é menor que a do RGC-58 de 50OHM, é so conferir o datasheet comparando a condutividade da malha e do condutor central.

    2- A impedancia de 75OHM nesses cabos é dada pela capacitancia apresentada entre contutor e dieletrico, sendo a capacitancia do de 50OHM maior que a de 75OHM. Se a capacitancia do de 50OHM é maior, significa que o sinal sentiria uma atenuação maior como se fosse uma carga. É como se o transmissor não sentisse a impedancia do cabo de 75ohm, trabalharia com uma carga a menos e a amplitude do sinal RF teoricamente poderia ficar maior. Na pratica ta funcionando assim pois tecnicamente ele tem uma atenuação menor. Ou então explica vc pq a atenuação dos cabos de 50OHM serem maior que os de 75OHM, sabendo que os cabos tem quase o mesmo condutor central e malha.

    Atenuação é tambem influenciada pela capacitancia do meio de condução... pela condutividade dos materiais, influenciando o tamanho e emendas. ESSA parte de capacitancia influenciar na atenuação,,, poucos sabem disso... é pra quem intende mesmo do assunto... so de postar ai e alguem agradecer ta valendo ...é pra isso que eu to falando tanto aki nesse topico....

    3- Funcionou na pratica e esta no datasheet a prova que a atenuação em 2.4GHz é menor no cabo RGC6 do que o RGC58... de 50ohm...

    comparem a vontade com o RGC58, e fundamentem as comparações, não apenas falar que é pq é 50ohm e esta usando em WI-FI e o outro é pra TV. E o RGC-213 so supera o RGC6 devido a condutividade do condutor central e tb da malha, mesmo sua capacitancia sendo maior,,, a condutividade dos materias faz dele um cabo com menor atenuação, superando a variavel da capacitancia.

    Se fundamentar ai sim vou falar,,, realmente você tem razao. MAS pra mim ainda tenho total conciencia que o RGC6 é melhor que o RGC58 em 2.4GHZ e nos casos que estamos aplicando com as antenas em CURTO circuito.


    compartilhar o conhecimento faz muito bem... só uns thanks... que eu quero....

    Resumindo

    Em um cabo de RF comparando suas impedancias...

    Um cabo de 50OHM tem uma capacitancia maior que o de 75OHM, por isso sua impedancia é menor... neste caso impedancia OHM está inversamente proporcional a capacitancia do meio. Ta certim o que to dizendo... capacitancia maior.. implica em impedancia menor... no caso impedancia menor... se comporta como uma carga maior..,

    Quem souber o que é impedancia e capacitancia certinho vai saber o que to falando... parece confuso mais é isso.
    Última edição por nandofer; 22-04-2009 às 14:47.

  18. #18

    Padrão expliquei com claresa que onde vem esses 75OHM e 50OHM do cabo...

    Citação Postado originalmente por alexandrecorrea Ver Post
    Ohm - Wikipédia, a enciclopédia livre

    é bom ler isso ai ... ja da uma ideia... impedancia de cabo.. nao quer dizer que.. 75 eh melhor que 50 ... nem que 50 eh melhor que 75 .. se o sistema eh 50ohm.. TEM Q USER 50ohm.. para ter o desempenho necessario...

    Desculpa... nao li isso que voce me passou.... sobre OHM, pois eu sei bem o que é...

    Expliquei com claresa de onde vem esses 75OHM e 50OHM do cabo... eles vem da capacitacia apresentada por METRO dos mesmos.



  19. #19

    Padrão

    Citação Postado originalmente por 1929 Ver Post
    É como o Alexandre diz.

    E tem outros fatores que vão influenciar no resultado final, como blindagem e atenuação por exemplo.

    1929... é o Seguinte....

    em 40m o sewu maior problema era a transferencia de potencia pois não tem muito problema com atenuação nos cabos... já que a frequencia é baixissima... então vai ter o melhor desempenho so com casamento de impedancia...

    o que venho a levantar é que em 2.4GHz o nosso maior inimigo é a ATENUAÇÂO.... mas pelo cabo... pois em 2.4GHz esse fator de atenuação no cabo passa a ser uma constante de altissima perda de sinal devido a alta frequencia. O radio que vc trabalhava era de altissima potencia comparado aos 20dbm de 2.4GHz. É fundamenta esse casamento para aplicações de alta potencia onde o inimigo principal não é a atenuação fixa que o cabo tem por metro.

    Em 2.4Ghz estamos até despresando multiplos de onda... pq é mto pequeno... imagina 40 metros... pra mim é diferente...

    Vejo nos testes que o maior inimigo do 2.4Ghz nesse assunto de perdas, é a atenuação do cabo, dada essa pela capacitancia dele, condutividade do conjunto e imunidade a ruido.

    vamos lá....

    vamos parar de falar falar falar....

    o cabo rgc58 é bem semelhante em condutividade ao rgc6

    por que então em 2.4ghz e em todas as frequencias RF ele os cabos de 75ohm apresentam uma atenuação menorrrrr, cabos com condutividade semelhantes????????????? ta na cara que é por causa da capacitancia... ou seja pra RF 75ohm vai ser melhor..... apresenta sempre atenuação menor, considerando os parametros de condutividade iguais pras duas impedancias.

    desde que usados em equipamentos onde os testes comprovam que não tem problema com roe... e nenhum equipamento foi identificado como queimado pelo motivo.

    pronto.. gente... se formos continuar descutir... vamos falar com base nisso 1
    1o. se auto respondam,,,,

    por que então em 2.4ghz e em todas as frequencias rf ele os cabos de 75ohm apresentam uma atenuação menorrrrr, cabos com condutividade semelhantes?????????????

    respondam isso?
    podem ver em todas as tabelas comparativas de cabos.... tirem suas conclusoes... primeiro respondendo essa pergunta acima


    ta na cara que é por causa da capacitancia... ou seja pra RF 75ohm vai ser melhor..... desde que comprovfado que nao queima o equipamento.
    Última edição por nandofer; 22-04-2009 às 18:50. Razão: mudei pra letras minusculas... como pediu..

  20. #20

    Padrão

    Por gentileza, em suas próximas postagens use letras minúsculas!